CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Na boate rosa

Na boate rosa

Jamais esquecerei não sei se era real ou
imaginária.

Naquela noite estava meio distante? A luz
amarelada de um céu queimado e dilacerado
por chamas e contra ela vinham em filas
postes já acesos.

Ela estava entediada, os barcos rasparam as
cordas, e lamentando a passagem rápida
disse te amo, falou infelizmente para mim.

Pela janela eu me sentei, e uma negra rosa
lhe enviei em um copo de uma bebida dourada.

Você olhou para mim inclinada e com olhar
penetrante e ousada.

Esforcei-me para esconder o meu embaraço.

Para minhas costas você se virou, dizendo
incisivamente, friamente:

"Quem teria pensado isso! Ele também está no
amor."

Lia ela meus pensamentos e em cordas a resposta
agora se rompeu.

E seu canto era tanto brutalmente frenético
como um gay em êxtase...

Mas para todo meu desespero você estava comigo:
os seus dedos tremia um pouco e indicou a distância.

Arremessando-me como um grande pássaro assustado,
você veio voando por cima de mim.

E parecia leve como uma pluma em um sonho...

Inclinando cílios em um sopro tênue de perfume e
com inquieto movimento.

E num sussurro de seda surgia seu brilho.

Mas foi de fora do espelho que estava em mim que
você jogou olhares, Gritando "W.M" como você moveu-se
rapidamente.

E logo adiante vinha o cigano com as contas do
tilintar, nunca parou de dançar.

E gritava alto de amor e foi até ao amanhecer.

O NOVO POETA. (W.Marques).

um poema russo de 1802, autor desconhecido.(versão e tradução de minha autoria).O NOVO POETA. (W.Marques).

Submited by

sexta-feira, novembro 6, 2009 - 22:07

Poesia :

No votes yet

onovopoeta

imagem de onovopoeta
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 18 semanas 6 dias
Membro desde: 04/19/2009
Conteúdos:
Pontos: 1469

Comentários

imagem de mariamateus

Re: Na boate rosa

W.Marques)

Intenso, e triste.
gostei :lol:

Abraço luz

imagem de RobertoEstevesdaFonseca

Re: Na boate rosa

Uma bela poesia, com muito significado.

Parabéns,
Um abraço,
REF

imagem de MarneDulinski

Re: Na boate rosa

onovopoeta!

Na boate rosa

BELEZA DE POEMA!
MarneDulinski

imagem de HaiderChaby

Re: Na boate rosa

belo poema, embora seja triste, mas uma bela poesia, e forte inspiraçao

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of onovopoeta

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Pensamentos Santo do pau oco 0 491 11/03/2018 - 20:51 Português
Poesia/Geral Gemas acabrunhadas 0 138 10/19/2018 - 13:06 Português
Poesia/Geral Receio do remate 1 1.069 10/15/2018 - 15:47 Português
Poesia/Meditação Talvez um anjo 1 606 10/15/2018 - 15:46 Português
Poesia/Meditação Oscilação 1 1.247 10/15/2018 - 15:45 Português
Poesia/Geral Dito-cujo 2 391 10/15/2018 - 15:43 Português
Poesia/Geral Abstrato 2 1.042 03/15/2018 - 08:42 Português
Poesia/Amor Sobejar de paixão 2 266 03/15/2018 - 08:41 Português
Poesia/Geral Beiços de homens 1 394 02/27/2018 - 10:37 Português
Poesia/Meditação Morte e vida 1 646 02/27/2018 - 10:36 Português
Poesia/Amor Pétalas do amor 1 372 01/22/2018 - 13:58 Português
Poesia/Meditação 10 graças 1 504 05/29/2016 - 12:03 Português
Poesia/Geral Sinfônica saúde 0 608 04/22/2016 - 14:02 Português
Poesia/Geral Santas descabidas 0 659 02/21/2016 - 19:22 Português
Poesia/Amor Vinho triste 0 822 02/21/2016 - 19:20 Português
Poesia/Amor Lucidez abstrusa 0 1.285 12/24/2015 - 11:19 Português
Poesia/Geral Oportunista 0 610 11/07/2015 - 21:42 Português
Poesia/Geral Fluidos mínimos 0 613 09/23/2015 - 10:55 Português
Poesia/Geral Mortos odoríferos 0 1.064 07/21/2015 - 10:30 Português
Poesia/Amor Princesa do gueto (A morte da princesa). 0 914 06/13/2015 - 18:21 Português
Poesia/Meditação Dias encafifados 0 774 04/29/2015 - 11:07 Português
Poesia/Amor Amor de seis rimas 0 1.042 03/27/2015 - 11:29 Português
Poesia/Geral Mortos do vaso 0 905 02/15/2015 - 12:26 Português
Poesia/Amor Memórias de girasol 0 737 01/15/2015 - 10:12 Português
Poesia/Fantasia Luzes dos lampiros 0 898 12/23/2014 - 13:55 Português