CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

OS DRACONIANOS

( Ensaio com a letra  "R" )

Vi uma estranha nave no extremo da estrada
e répteis que desceram e tomaram o continente.
Despejaram trevas tântricas de alma penada
e colocaram em fileiras rendida toda a gente.

Outrora, os iluminados profetizaram o drama
dos sinistros seres siderais visitando a terra.
Sinistros e destros guerreiros entregues à trama,
traçada para o combate, nascidos para a guerra.

Horríveis bípedes erécteis vertebrados draconianos,
que surgiram nas grotas e grutas de leste a oeste;
e com afiadas garras rasgavam as entranhas humanas,
para na terra entronizar seu líder extraterrestre.

Os ventres frágeis das virgens tremem perante o trono
do tenebroso réptil, que as fertiliza e impõe seu credo.
Elas jamais acordarão deste letárgico sono;
assim se poupam da desonra, da vergonha, do medo.

E os tambores e trovões anunciaram o dominador.
Seu urro gutural e repugnante de seu trono ecoa.
Uma refrescante e suave garoa vem para dissipar a dor
e como prece ao firmamento oferece uma sagrada loa.

J. Thamiel
Guarulhos, 15.02.2020
10:07h

Submited by

sábado, fevereiro 15, 2020 - 14:32

Poesia :

No votes yet

J. Thamiel

imagem de J. Thamiel
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 2 semanas 5 dias
Membro desde: 05/02/2016
Conteúdos:
Pontos: 3609

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of J. Thamiel

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Meditação VIDA VELA 0 328 12/10/2021 - 13:55 Português
Poesia/Fantasia PARALELAMENTE OPOSTOS 2 236 11/16/2021 - 17:59 Português
Poesia/Desilusão O POETA TRISTE 3 637 11/13/2021 - 11:51 Português
Poesia/Intervenção IMPASSIBILIDADE 1 372 11/13/2021 - 11:49 Português
Poesia/Pensamentos A ESTRADA COMEÇA AQUI 2 427 09/20/2021 - 20:02 Português
Poesia/Geral DELÍRIO DO ÍNDIO PYATÃ 3 446 06/28/2021 - 14:40 Português
Poesia/Geral REFLEJO DE UNA GALINNA 0 586 05/05/2021 - 15:46 Português
Poesia/Geral O POETA FERIDO 3 601 04/22/2021 - 19:43 Português
Poesia/Desilusão AGORA É SAUDADE 0 567 04/21/2021 - 14:14 Português
Poesia/Fantasia H A R M O N I A 4 557 04/07/2021 - 14:39 Português
Poesia/Geral A CHUVA MOLHA AS ALMAS DISTRAÍDAS 0 483 04/03/2021 - 15:13 Português
Poesia/Geral REFLEJO DE UNA GALLINA 0 638 03/11/2021 - 17:39 Espanhol
Poesia/Geral R E F L E X Ã O DE U M A G A L I N H A 0 566 03/11/2021 - 16:38 Português
Poesia/Desilusão D E S T I N O 0 654 03/10/2021 - 12:24 Português
Poesia/Fantasia R E V E R Ê C I A 0 737 02/28/2021 - 18:01 Português
Poesia/Amor PERDIDOS NO TEMPO 0 627 02/25/2021 - 21:55 Português
Poesia/Poetrix GUARULHOS HOJE 0 935 02/23/2021 - 19:03 Português
Poesia/Amor O MAIS BELO POEMA FEITO PARA VOCÊ 0 586 02/18/2021 - 19:19 Português
Poesia/Amor TUA BELEZA 0 474 02/15/2021 - 12:49 Português
Poesia/Amor O ETERNAMENTE 0 598 02/15/2021 - 11:39 Português
Poesia/Amor UMA ILUSÃO LETAL 1 641 02/13/2021 - 19:20 Português
Poesia/Geral JOSÉ DE TAL 1 337 02/10/2021 - 21:42 Português
Poesia/Geral CORAL DE MARMANJOS 1 471 02/10/2021 - 21:27 Português
Poesia/Geral E, AS VACAS ? 1 518 02/10/2021 - 21:20 Português
Poesia/Geral PORQUE ME TORNEI POETA 4 612 02/10/2021 - 11:36 Português