CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

A PALAVRA MISÉRIA

Pronunciada pelo voto
No discurso, enfatizada
Talvez seja a mais usada
Motivo de abraço e foto
O eterno e falso ato
De gente que não é séria
Ingrediente da matéria
Que eternamente aparece
A palavra que enriquece
Tão pronunciada “miséria”

Talvez os contos mais lidos
Dos mais famosos autores
Histórias dos escritores
Entre os nomes mais vendidos
Tem seus efeitos surtidos
Pelo que parece injúria
Pois a constante lamúria
Escrita e voz, permanece
Quem a explora, enriquece
Morre, quem vive a “miséria”

Irmã gêmea do racismo
Em cujo fim eu não creio
E afirmo sem ter receio
O meu total ceticismo
Num mundo à beira do abismo
Que sangra por toda a artéria
Pode-se alcançar a glória
Pois sempre alguém acredita
Na mentira infinita
Do fim da eterna miséria

A miséria interior
De quem se deixa levar
É o maior preço a pagar
Incalculável valor
Que paga ao opressor
Pagou ao longo da história
Ao poder da oratória
Dos criminosos da hora
Que desde sempre, e agora
Sustentam-se da miséria.

Sérgio da Silva Teixeira
BAGÉ/RS/BRASIL.

Submited by

terça-feira, dezembro 28, 2021 - 16:49

Poesia :

No votes yet

Sérgio Teixeira

imagem de Sérgio Teixeira
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 1 dia 12 horas
Membro desde: 01/24/2011
Conteúdos:
Pontos: 582

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Sérgio Teixeira

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Soneto SONNETO DE LA ESPERANZA 0 14 05/09/2022 - 23:40 Espanhol
Poesia/Geral OS SONS DA VILA 3 677 05/09/2022 - 16:33 Português
Fotos/Pessoais LIVRO MEMORIAL EM CONTOS E VERSOS 0 95 04/15/2022 - 13:59 Português
Poesia/Soneto SONETO DO FANTOCHE 2 467 03/30/2022 - 17:05 Português
Poesia/Amor SANTA CRIANÇA 0 130 12/31/2021 - 16:56 Português
Poesia/Geral A PALAVRA MISÉRIA 0 185 12/28/2021 - 16:49 Português
Poesia/Geral VIAGEM AO INTERIOR 0 200 11/19/2021 - 23:23 Português
Poesia/Geral A PIADA E O PASSARINHO 4 386 11/18/2021 - 17:37 Português
Poesia/Geral SONHANDO ACORDADO 2 658 10/27/2021 - 17:57 Português
Poesia/Geral OUTUBRO 0 201 10/01/2021 - 15:54 Português
Poesia/Geral SETEMBRO 4 662 09/21/2021 - 23:30 Português
Poesia/Fantasia A DÚVIDA 2 602 08/14/2021 - 21:49 Português
Poesia/Geral ABAIXO DE ZERO 0 315 07/29/2021 - 20:24 Português
Poesia/Geral QUEBRA CABEÇA 1 331 06/28/2021 - 15:38 Português
Poesia/Geral ALMA 0 473 05/17/2021 - 22:21 inglês
Poesia/Geral O PÃO E A LETRA 2 662 04/21/2021 - 23:20 Português
Poesia/Geral PERIGO REAL E IMEDIATO 2 515 04/08/2021 - 15:09 Português
Poesia/Geral A DERROTA DA MORTE 2 615 04/07/2021 - 15:46 Português
Poesia/Fantasia ETERNA INFÂNCIA 0 500 03/08/2021 - 01:19 inglês
Poesia/Geral PLANOS PARA O FUTURO 1 751 02/28/2021 - 11:18 Português
Poesia/Soneto SONETO DO MORTO VIVO 2 1.026 01/27/2021 - 17:26 Português
Poesia/Geral DÉCIMAS DO ATORMENTADO 2 522 01/27/2021 - 16:16 Português
Poesia/Soneto SONETO ANTAGÔNICO 3 866 01/27/2021 - 16:13 Português
Poesia/Geral DESEJO DE MORTE 4 487 01/24/2021 - 23:24 Português
Poesia/Geral DÉCIMAS DA PANDEMIA 1 614 12/04/2020 - 13:03 Português