CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Panacéia

Chorei já no crepúsculo da idade
Há pouco tempo atrás, se não me iludo;
Lutei, mas contra o amor não existe escudo
Talvez nem tanto o amor como a saudade.

Morri em prol do meu amor, minha beldade,
Enorme amor pra um coração miúdo,
Órfão de mil e uma ilusões, contudo,
Não me estendas a mão; por caridade!

E para curar essa dor modesta
Escolhe-me uma canção, não uma prece,
Alívio tão similar que a arte empresta

Pois caí nos ardis que a vida tece
Milagre, medicação é só o que resta;
Já o tempo passará... Tudo se esquece.

Submited by

quarta-feira, abril 20, 2011 - 17:59

Poesia :

No votes yet

Charles Antônio Marques Pereira

imagem de Charles Antônio Marques Pereira
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 2 anos 6 semanas
Membro desde: 04/14/2011
Conteúdos:
Pontos: 373

Comentários

imagem de Susan

Quem nos derá ter essa tal

Quem nos derá ter essa tal panacéia 

contra todos os males ....

Soneto muito bonito e bom de se ler !!!!

Beijos

Susan

imagem de MarneDulinski

Panacéia

Lindo soneto, gostei! 

Destaco os versos abaixo:

Porque caí nos ardis que a vida tece
Afinal milagre, medicação?!... Nada me resta;
Já o tempo passará... Tudo se esquece.

Meus parabéns,

MarneDulinski

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Charles Antônio Marques Pereira

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Soneto Sagrada Escritura 2 921 05/20/2013 - 22:17 Português
Poesia/Soneto Meu Deus! 2 549 05/20/2013 - 21:56 Português
Poesia/Soneto Emoções 4 903 04/16/2012 - 18:58 Português
Poesia/Soneto Eu quero amar, amar perdidamente! (III) 2 1.000 04/07/2012 - 18:26 Português
Poesia/Soneto Eu quero amar, amar perdidamente! (IV) 1 865 04/01/2012 - 15:58 Português
Poesia/Soneto Eu quero amar, amar perdidamente! (II) 2 969 03/28/2012 - 22:52 Português
Poesia/Soneto Eu quero amar, amar perdidamente! (I) 4 1.189 03/24/2012 - 18:22 Português
Poesia/Soneto Relato de um Suicídio 2 824 03/21/2012 - 00:15 Português
Poesia/Soneto Eu quero amar, amar perdidamente! (V) 0 981 08/25/2011 - 19:45 Português
Poesia/Soneto Eu quero amar, amar perdidamente! (VII) 0 1.106 08/17/2011 - 22:47 Português
Poesia/Soneto Eu quero amar, amar perdidamente! (IX) 0 814 08/12/2011 - 01:22 Português
Poesia/Soneto Eu quero amar, amar perdidamente! (VIII) 0 930 08/12/2011 - 01:17 Português
Poesia/Soneto Ouvir Estrelas 2 1.129 07/24/2011 - 22:13 Português
Poesia/Soneto Tudo é Inútil! 0 1.086 07/23/2011 - 18:49 Português
Poesia/Soneto Com a Útima Mulher da Nossa Vida 0 808 07/22/2011 - 20:18 Português
Poesia/Soneto "Amantes, Amentes" 0 953 06/21/2011 - 19:21 Português
Poesia/Soneto Leito de Morte 0 797 06/21/2011 - 19:12 Português
Poesia/Soneto Filosofia de Morte 3 1.151 06/09/2011 - 19:03 Português
Poesia/Soneto Depressão 0 752 06/06/2011 - 01:12 Português
Poesia/Soneto Nordeste 0 773 06/06/2011 - 01:05 Português
Poesia/Soneto A Beatinha do Meu Bairro 0 762 06/06/2011 - 00:59 Português
Poesia/Soneto Miragem 0 764 06/06/2011 - 00:53 Português
Poesia/Soneto Epopéia 0 763 06/06/2011 - 00:48 Português
Poesia/Geral Nação Madrasta 2 778 05/02/2011 - 21:04 Português
Poesia/Haikai Lágrimas 0 765 04/24/2011 - 18:55 Português