CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

PARA QUE SAIBAS PAI...

Para que saibas pai,
ainda lembro o beijo que nos morreu nos lábios
e o abraço que deixámos caído entre as mãos
e os projectos e os planos e as promessas infindáveis
e o amor com que falávamos das razões do coração. 

Mas se é para fingir, posso dizer
que só o frio e o calor definem em mim as estações da alma
e que o sol e a chuva ditam a luminosidade do meu olhar,
que a saudade é algo para gente fraca
e que não há ventos nem tempestades
que me consigam derrubar... 

Se é para fingir, posso dizer que o vazio que deixaste
não condicionou em nada a minha vida
e que os sonhos por cumprir eram apenas metas banais,
que o tempo já ceifou o incumprimento da despedida
que hoje ainda choro por não saber fingir pai! 

An@martins
P_2017JL05 

* Reservados todos os direitos de autor ©  

Submited by

segunda-feira, fevereiro 1, 2021 - 18:50

Poesia :

Your rating: None (1 vote)

Ana Martins

imagem de Ana Martins
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 43 semanas 1 dia
Membro desde: 02/14/2014
Conteúdos:
Pontos: 525

Comentários

imagem de Maria Letra

PARA QUE SAIBAS PAI.

Delicioso poema, Ana. A marca da perda fica, mas o leitor passa a sentir, através da sua leitura, o sentimento do poeta que o compôs. Abraços.

imagem de Ana Martins

PARA QUE SAIBAS PAI...

Obrigada Mizita.
Poemas dedicados ao meu pai, nunca são demais e nenhum deles transmite com rigor o me vai na alma e a saudade que com que vivo.

Abracinho.

imagem de J. Thamiel

Me

Me emocionei.
Verdade.
Saudade do meu pai...

imagem de Ana Martins

PARA QUE SAIBAS PAI...

Foi escrito com o coração poeta J. Thamiel, o meu pai já partiu há 22 anos e já não há palavras que descrevam a dimensão da minha saudade.
Noite serena e muito obrigada pelo comentário.

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Ana Martins

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Intervenção SOBRE A MESA... 3 262 02/09/2021 - 08:55 Português
Poesia/Poetrix RAÍZES 4 279 02/08/2021 - 01:26 Português
Poesia/Poetrix CONFESSA-TE 2 298 02/08/2021 - 01:25 Português
Poesia/Amor VIBRAÇÕES 2 196 02/08/2021 - 01:23 Português
Poesia/Amor O TEU CORAÇÃO AVE SEM ASAS 2 231 02/03/2021 - 17:34 Português
Poesia/Poetrix MUROS ALTOS 8 339 02/03/2021 - 17:29 Português
Poesia/Meditação DUBIEDADE 4 265 02/03/2021 - 17:13 Português
Poesia/Intervenção TOXICODEPENDÊNCIA 4 323 02/03/2021 - 17:11 Português
Poesia/Dedicado PARA QUE SAIBAS PAI... 4 313 02/03/2021 - 16:20 Português
Poesia/Poetrix DEAMBULAÇÕES 2 248 01/31/2021 - 17:55 Português
Poesia/Dedicado AMO TUDO EM TUA VIDA 4 335 01/31/2021 - 17:54 Português
Poesia/Amor OS TEUS OLHOS 2 240 01/31/2021 - 17:49 Português
Poesia/Geral OLHARES 2 279 01/31/2021 - 17:47 Português
Poesia/Soneto CALMARIA 2 314 01/30/2021 - 14:46 Português
Poesia/Intervenção AMA-ME MÃE! 0 267 01/30/2021 - 00:35 Português
Poesia/Amor NÃO TE DISSE... 4 263 01/28/2021 - 22:04 Português
Poesia/Geral CHIIIIIU! 2 1.026 01/27/2021 - 16:41 Português
Poesia/Tristeza E DEPOIS... A SAUDADE! 2 918 01/27/2021 - 16:32 Português
Poesia/Dedicado UM ADEUS... 4 309 01/27/2021 - 15:49 Português
Poesia/Meditação QUALQUER DIA 2 401 01/27/2021 - 15:40 Português
Poesia/Aforismo SAUDADE 0 246 01/27/2021 - 14:29 Português
Poesia/Geral VENHO DO NORTE 2 234 01/26/2021 - 23:09 Português
Poesia/Meditação SEM NOME 2 254 01/26/2021 - 18:29 Português
Poesia/Intervenção O POUSO DA ALMA 4 328 01/26/2021 - 01:04 Português
Poesia/Poetrix ENTARDECER PRIMAVERIL 3 252 01/26/2021 - 00:58 Português