CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Pernoite

Sigo meu destino estrada afora
Envolto em mistérios que dominam o meu eu...
A natureza em mim nada escreveu,
Por isso em passos lentos fico a mercê das horas.

Percorro longos e desconhecidos caminhos
Apenas celebrando em êxtase o meu pensar...
As veredas por onde ando estão repletas de espinhos
E a noite sem brilho oprime o meu desejo de amar.

A solidão desafia o discorrer do tempo
Numa atmosfera em que fortes ventos
Açoitam uma madrugada fria e deserta...

Não há consolo nos degraus gélidos da noite,
Meus pensamentos divagam solitários em pernoite
Enquanto uma tênue esperança mantám as portas do meu coração abertas!

Submited by

sábado, dezembro 19, 2009 - 12:06

Poesia :

No votes yet

imelo

imagem de imelo
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 2 semanas 5 dias
Membro desde: 09/09/2009
Conteúdos:
Pontos: 1649

Comentários

imagem de MarneDulinski

Re: Pernoite

LINDO POEMA, MEUS PARABÉNS!

Meus pensamentos divagam solitários em pernoite
Enquanto uma tênue esperança mantám as portas do meu coração abertas!

Desejos meus, que encontres a pessoa certa para esses pernoites!
MarneDulinski

imagem de RobertoEstevesdaFonseca

Re: Pernoite

Parabéns pelo teu belo poema.

Grande abraço,
REF

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of imelo

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Geral CONEXÃO 0 36 12/26/2020 - 15:07 Português
Poesia/Soneto HOMEM/MULHER 0 70 11/10/2020 - 01:56 Português
Poesia/Gótico PAISAGEM 0 44 11/04/2020 - 01:15 Português
Poesia/Soneto INFINITESIMAL 0 37 11/03/2020 - 00:52 Português
Poesia/Geral SENSAÇÕES 0 45 11/02/2020 - 22:51 Português
Poesia/Soneto SENSAÇÕES EÓLICAS 0 43 11/01/2020 - 23:32 Português
Poesia/Geral HÁBITOS & VÍCIOS 0 60 11/01/2020 - 20:34 Português
Poesia/Gótico ALUVIÃO 0 109 10/29/2020 - 02:23 Português
Poesia/Soneto JUÍZO 0 54 10/26/2020 - 01:03 Português
Poesia/Soneto NEGRUME 0 44 10/25/2020 - 13:12 Português
Poesia/Geral CIENTÍFICO 0 84 10/21/2020 - 03:47 Português
Poesia/Geral MISTÉRIOS 0 71 10/19/2020 - 01:20 Português
Poesia/Geral OS SENTIDOS 0 116 10/18/2020 - 13:48 Português
Poesia/Geral IDONEIDADE 0 70 10/17/2020 - 13:11 Português
Poesia/Soneto INTRÉPIDO 0 69 10/17/2020 - 00:37 Português
Poesia/Soneto EMBALOS 0 74 10/11/2020 - 23:36 Português
Poesia/Geral FUTUM 0 83 10/11/2020 - 23:00 Português
Poesia/Geral FUTUM 0 126 10/11/2020 - 22:57 Português
Poesia/Geral DOUTRINA 0 78 10/06/2020 - 03:33 Português
Poesia/Geral AMAR 0 87 09/30/2020 - 01:36 Português
Poesia/Gótico AGONY 0 90 09/26/2020 - 23:58 Português
Poesia/Geral AGONY 0 222 09/26/2020 - 23:21 inglês
Poesia/Geral INDOMÁVEL 0 84 09/26/2020 - 14:45 Português
Poesia/Geral HISTÓRICO 0 110 09/18/2020 - 22:28 Português
Poesia/Geral IN NATURA 0 88 09/16/2020 - 23:36 Português