CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Pontos Estratégicos ( Alicerces do Amor )

Estão orvalhados os degraus da vida...
As veredas circunstanciais permeadas por sentimentos
Parecem luzir aos olhares indecisos
Enquanto os pássaros entoam suas melodias aos ventos.

O desabrochar de flores sensuais
Adorna o cenário do éter encantador...
O gotejar de árvores frondosas
Representa os tons de uma atmosfera repleta de amor !

As transformações que a natureza produz
São vestuários tingidos por temas universais;
Contato com a paisagem tímida e singela
É um milagre resgatado de tempos imemoriais !

A visão mirífica do firmamento estrelado
É uma fotografia plena dos pontos exuberantes...
A dimensão refletida no curso das imagens
É um ambiente propício para o enclausuramento dos amantes !

Na transfiguração do imenso éter metafísico
Todo o espaço configurado é imensurável e multicor...
As cadeias sedimentares do infinito metafórico
São habitações celestiais onde repousam os alicerces do amor !

Submited by

segunda-feira, setembro 14, 2009 - 14:56

Poesia :

No votes yet

imelo

imagem de imelo
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 2 dias 3 horas
Membro desde: 09/09/2009
Conteúdos:
Pontos: 1175

Comentários

imagem de MarneDulinski

Re: Pontos Estratégicos ( Alicerces do Amor )

imelo!

Pontos Estratégicos ( Alicerces do Amor )

Na transfiguração do imenso éter metafísico
Todo o espaço configurado é imensurável e multicor...
As cadeias sedimentares do infinito metafórico
São habitações celestiais onde repousam os alicerces do amor !
Lindíssimo Poema, me encantei também, com seus encantos!
MarneDulinski

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of imelo

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Gótico SOCIOPATIA 0 50 04/06/2020 - 04:55 Português
Poesia/Geral ÚLTIMOS SUSPIROS 0 16 04/05/2020 - 19:20 Português
Poesia/Geral ALMA DESNUDA 0 35 03/31/2020 - 23:56 Português
Poesia/Geral SUBJETIVISMO 0 33 03/31/2020 - 00:57 Português
Poesia/Soneto CIÚME 0 41 03/30/2020 - 03:28 Português
Poesia/Geral O PENSAMENTO 0 36 03/27/2020 - 00:10 Português
Poesia/Geral VETORIAIS 0 60 03/25/2020 - 05:00 Português
Poesia/Soneto VIÇO 0 61 03/24/2020 - 05:13 Português
Poesia/Soneto DIA FESTIVO 0 59 03/24/2020 - 02:51 Português
Poesia/Soneto BILATERAL 0 32 03/23/2020 - 04:17 Português
Poesia/Soneto SINTOMAS 0 59 03/21/2020 - 22:26 Português
Poesia/Soneto VESTÍGIOS 0 36 03/21/2020 - 21:51 Português
Poesia/Soneto PRINCÍPIOS 0 50 03/21/2020 - 02:29 Português
Poesia/Soneto INSTANTES ÚLTIMOS 0 49 03/20/2020 - 02:58 Português
Poesia/Geral DÚVIDAS 0 54 03/17/2020 - 03:26 Português
Poesia/Geral VÍRUS 0 71 03/14/2020 - 02:17 Português
Poesia/Soneto VEREDAS ÍNTIMAS 0 42 03/12/2020 - 02:46 Português
Poesia/Soneto MUNDO CÃO 0 113 03/11/2020 - 05:18 Português
Poesia/Amor SONATA DE AMOR 0 44 03/09/2020 - 01:56 Português
Poesia/Soneto O MUNDO 0 39 03/09/2020 - 00:02 Português
Poesia/Geral AUTOCÍDIO 0 111 03/08/2020 - 18:43 Português
Poesia/Soneto SAUDOSISMO 0 52 03/07/2020 - 04:02 Português
Poesia/Soneto MAR DE TERRA 0 62 03/06/2020 - 03:42 Português
Poesia/Soneto JUÍZO 0 96 03/01/2020 - 03:47 Português
Poesia/Geral INEXORÁVEIS 0 90 02/29/2020 - 01:40 Português