CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Rostos perdidos

 

Rostos perdidos na multidão,
são rostos sentidos,
na ilusão,
são mentes perdidas,
encontradas pelos os encantos,
de tempos perdidos,
no encontro da razão,
de um eterno coração,
onde viveu...o sentimento.
que se perdeu na barafunda,
na correria..da sensação,
do tempo não temos.
para amar e sentir,
tudo e todos do coração.
hoje somos assim...
amanhã somos iguais,
nada muda,
tudo se complica,
corre tudo...
e nada acontece.
e quando pensarmos....
somos...tempo.
tempo que nada fez.
e na eterna razão..
sentimos o tempo,
como a sensação..
do tempo...que pensou...
vazio foi...no eterno momento,
em que nada aconteceu.
simples mente,
que sente...
aquele grande amor.
que fugiu...por nunca ter tempo...
e onde perdemos um grande amor.

Autor: carlos Pisco

Submited by

domingo, dezembro 4, 2011 - 14:09

Poesia :

Your rating: None (1 vote)

carlospisco

imagem de carlospisco
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 8 anos 8 semanas
Membro desde: 12/04/2011
Conteúdos:
Pontos: 31

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of carlospisco

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Pintura/Figurativo Exposição de Pintura e Serigrafia "DELICIAE" 0 649 05/14/2012 - 09:09 Português
Poesia/Amor Morri tudo que senti 1 389 12/06/2011 - 11:16 Português
Pintura/Figurativo A menina do violino 0 974 12/04/2011 - 22:30 Português
Pintura/Figurativo A marioneta 0 675 12/04/2011 - 22:27 Português
Poesia/Amor Palavras desenhadas no céu. 0 584 12/04/2011 - 22:24 Português
Poesia/Amor Momentos do tempo 0 363 12/04/2011 - 14:20 Português
Poesia/Amor Rostos perdidos 0 297 12/04/2011 - 14:09 Português