CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

(In) Sanidade

Partindo do nada na busca de tudo
Não encontrou o que sonhava ao acordar
E se deixou ser enganado pelo sentimento
A dor que pensava não existir
É a mesma que tenta esconder agora.

Na noite fria do tempo queria aquecer
Tentava de toda forma esquecer
Que as luzes de fim de ano não estão acesas
E nem mesmo a esperança de dias melhores
Porque tudo se esvai com o tempo.

O desejo profundo do coração é escondido
Não quer que ninguém saiba dos pensamentos
Por que o que pensariam a respeito
Quando tudo parece ser mais ilusão da mente
Do que frutos de uma sanidade inquestionável?

O futuro não pertence a nós como pensamos
Está fora do nosso controle
E quando pensamos que estamos indo a algum lugar
Esse lugar simplesmente não existe mais
Porque a nossa mente confundiu tudo.

No silêncio se pode pensar e não temer
O medo não tem que fazer parte desta aventura
Onde tudo o que é assustador é revelado
E percebemos que não há escrúpulo algum
Por aqueles que ainda dizem serem responsáveis.

Poema: Odair José, Poeta Cacerense

www.odairpoetacacerense.blogspot.com

Submited by

segunda-feira, dezembro 26, 2022 - 11:52

Poesia :

No votes yet

Odairjsilva

imagem de Odairjsilva
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 12 horas 25 minutos
Membro desde: 04/07/2009
Conteúdos:
Pontos: 15551

Comentários

imagem de Odairjsilva

Visitem os

imagem de Odairjsilva

Visitem os

imagem de Odairjsilva

Visitem os

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Odairjsilva

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Paixão Doce sabor proibido 6 1.043 02/21/2024 - 03:02 Português
Poesia/Amor Pense em mim 6 380 02/20/2024 - 11:28 Português
Poesia/Desilusão O erro do coração 6 348 02/19/2024 - 11:29 Português
Poesia/Amor Trovas de amor e saudade V 6 374 02/18/2024 - 12:57 Português
Poesia/Desilusão Nuvem passageira 6 361 02/17/2024 - 12:08 Português
Poesia/Amor O desejo que arde em mim 6 352 02/16/2024 - 13:01 Português
Poesia/Amor Eu penso em ti 6 434 02/15/2024 - 11:30 Português
Poesia/Pensamentos O poder sagrado da jornada 6 1.128 02/14/2024 - 13:39 Português
Poesia/Tristeza Distância cruel 6 343 02/13/2024 - 12:46 Português
Poesia/Amor Portal do amor 6 305 02/12/2024 - 14:02 Português
Poesia/Amor Trovas de amor e saudade IV 6 340 02/10/2024 - 13:33 Português
Poesia/Pensamentos A canção de um Historiador 6 1.152 02/10/2024 - 01:05 Português
Poesia/Desilusão Apenas um minuto 6 393 02/09/2024 - 13:07 Português
Poesia/Amor Nas entrelinhas dos teus olhos 6 530 02/08/2024 - 23:56 Português
Poesia/Amor Arrebata-me 6 211 02/08/2024 - 11:32 Português
Poesia/Amor Trovas de amor e saudade III 6 220 02/07/2024 - 21:50 Português
Poesia/Amor Abrigo no seu olhar 6 251 02/07/2024 - 02:10 Português
Poesia/Amor Trovas de amor e saudade II 6 291 02/05/2024 - 23:30 Português
Poesia/Amor Trovas de amor e saudade I 6 308 02/05/2024 - 01:09 Português
Poesia/Amor Eu abro meu coração 6 237 02/04/2024 - 13:13 Português
Poesia/Pensamentos Sistema ignorante 6 1.098 02/03/2024 - 14:20 Português
Poesia/Pensamentos Na grande arena do destino 6 1.215 02/02/2024 - 12:53 Português
Poesia/Pensamentos História oficial 6 303 02/01/2024 - 21:19 Português
Poesia/Amor Paixão que não se cala 6 270 01/31/2024 - 20:11 Português
Poesia/Amor A felicidade que sonhei 6 460 01/30/2024 - 11:30 Português