CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Três passos.

Consistem em três passos. Três passos a contar para a tua felicidade emocional. A fórmula de criar em tudo resposta. Um ciclo vicioso de dúvidas e o peso de tantas mágoas. Todos temos quem nos faça feliz. Por inteiro. A maior solidão é aquela sozinha. Sem querer confundir
Só é só aquele sem ninguém que possa amar. E se amamos alguém pelas ramificações dos próprios amares é recíproco.
Depois é o entender o que te faz feliz. Abdicando das coisas impróprias que te fazem mal. Tirar as mágoas, o esperar que nunca de errado aconteça e largar porque se estragou.
Aplica-se a tudo os amares. Família e amigos. Tudo se estraga. E quando se está sem entender o que somos, como amamos e como sarar o que se estragou, deixamos a fraqueza ver quem realmente nos ama. Do outro lado da vida há alguém que não te exige coisas boas ou más.
Saber ultrapassar as mágoas, de roupante, na soberba arte de amar ainda mais quem fica. Ultrapassar de novo só para amar ainda mais.
A vida é a visão e a garra subliminar das gentes. Umas ondas mais altas que as outras e no reboliço dessa luta há sempre quem te faça feliz.

Submited by

quarta-feira, setembro 4, 2019 - 03:39

Poesia :

No votes yet

Anaamorim

imagem de Anaamorim
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 6 dias 6 horas
Membro desde: 03/21/2012
Conteúdos:
Pontos: 797

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Anaamorim

Tópico Título Respostasícone de ordenação Views Last Post Língua
Poesia/Geral já fui 0 212 12/05/2019 - 20:32 Português
Prosas/Outros Dia 0 679 05/23/2012 - 02:39 Português
Poesia/Geral Feira 0 386 07/13/2019 - 12:58 Português
Poesia/Geral Reflexão 0 919 07/12/2019 - 14:05 Português
Poesia/Geral Outra parte 0 1.401 12/14/2015 - 04:03 inglês
Poesia/Geral contratempo 0 107 12/27/2019 - 14:04 Português
Poesia/Geral Acertos do fim 0 305 07/23/2012 - 03:08 Português
Poesia/Geral fotografias 0 489 08/12/2012 - 21:18 Português
Poesia/Geral livro 0 304 05/17/2013 - 04:52 Português
Poesia/Geral livro 0 237 05/17/2013 - 04:52 Português
Poesia/Geral Extase de uma coisa que invento 0 335 02/04/2013 - 22:40 Português
Poesia/Geral tempos 0 98 01/07/2020 - 00:30 Português
Poesia/Geral Reflexão 0 424 06/15/2019 - 09:37 inglês
Poesia/Geral página 0 381 10/04/2013 - 01:57 Português
Poesia/Geral muda 0 134 12/28/2019 - 21:23 Português
Poesia/Geral Tópico 0 638 04/28/2015 - 18:55 Português
Poesia/Geral Não sonho 0 399 03/21/2012 - 01:40 Português
Poesia/Pensamentos Palavras 0 310 03/21/2012 - 22:38 Português
Poesia/Geral brutar de vidas 0 343 01/19/2013 - 02:27 Português
Poesia/Geral Gente no meio de gente 0 427 04/25/2012 - 01:39 Português
Poesia/Geral Sem nexo 0 321 05/15/2012 - 03:47 Português
Poesia/Geral Desvarios 0 438 05/17/2012 - 02:16 Português
Poesia/Geral Se sabes o que é a vida 0 278 05/29/2012 - 03:52 Português
Poesia/Geral Premio 0 396 05/29/2012 - 04:59 Português
Poesia/Geral ia que ia 0 253 07/11/2012 - 01:35 Português