CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

UM DIA EU TAMBÉM ERREI

Eu bebi em cada fonte desta vida,
pois toda fonte para mim estava ungida.
Respirei na água a brisa das tardes
e vi nesse frescor o conceito das verdades.

Eu sorri para o clarão do arrebol
e me queimei ao tocar a mão na luz do sol.
Eu molhei os meus doídos pés na areia
e ali descansei minha alma que a paz anseia.

Eu me feri no aço da adaga de aguda ponta
e sangrei a minha frágil derme além da conta.
Caminhei pelo sol quente sem procurar atalho
e à noite me banhei com as gotas do orvalho.

Me molhei com a chuva que veio do horizonte
e me encharquei na enxurrada desta fonte.
Eu me seguei ao olhar a imensidão do mundo
e me senti sem respirar, imerso em mar profundo.

Ao entender o cantar e decifrar o gorjeio das aves,
eu consegui passar o portal mesmo sem chaves.
E o outro lado era igual ao nosso, totalmente igual:
realidade, mistério, alegria, e sofrimento abissal.

Sou poeta na mensagem, no meu choro, no meu grito.
Para falar eu nem penso, só declamo, eu admito.
Então, me desculpe se hoje eu não te agradei
É que sempre eu acerto. Um dia eu já errei.

J. Thamiel
Guarulhos, 10.12.19
09:59h

Submited by

terça-feira, dezembro 10, 2019 - 11:59

Poesia :

No votes yet

J. Thamiel

imagem de J. Thamiel
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 3 semanas 6 dias
Membro desde: 05/02/2016
Conteúdos:
Pontos: 3609

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of J. Thamiel

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Meditação VIDA VELA 0 356 12/10/2021 - 13:55 Português
Poesia/Fantasia PARALELAMENTE OPOSTOS 2 246 11/16/2021 - 17:59 Português
Poesia/Desilusão O POETA TRISTE 3 648 11/13/2021 - 11:51 Português
Poesia/Intervenção IMPASSIBILIDADE 1 389 11/13/2021 - 11:49 Português
Poesia/Pensamentos A ESTRADA COMEÇA AQUI 2 437 09/20/2021 - 20:02 Português
Poesia/Geral DELÍRIO DO ÍNDIO PYATÃ 3 454 06/28/2021 - 14:40 Português
Poesia/Geral REFLEJO DE UNA GALINNA 0 598 05/05/2021 - 15:46 Português
Poesia/Geral O POETA FERIDO 3 610 04/22/2021 - 19:43 Português
Poesia/Desilusão AGORA É SAUDADE 0 578 04/21/2021 - 14:14 Português
Poesia/Fantasia H A R M O N I A 4 568 04/07/2021 - 14:39 Português
Poesia/Geral A CHUVA MOLHA AS ALMAS DISTRAÍDAS 0 491 04/03/2021 - 15:13 Português
Poesia/Geral REFLEJO DE UNA GALLINA 0 661 03/11/2021 - 17:39 Espanhol
Poesia/Geral R E F L E X Ã O DE U M A G A L I N H A 0 571 03/11/2021 - 16:38 Português
Poesia/Desilusão D E S T I N O 0 665 03/10/2021 - 12:24 Português
Poesia/Fantasia R E V E R Ê C I A 0 743 02/28/2021 - 18:01 Português
Poesia/Amor PERDIDOS NO TEMPO 0 638 02/25/2021 - 21:55 Português
Poesia/Poetrix GUARULHOS HOJE 0 946 02/23/2021 - 19:03 Português
Poesia/Amor O MAIS BELO POEMA FEITO PARA VOCÊ 0 593 02/18/2021 - 19:19 Português
Poesia/Amor TUA BELEZA 0 509 02/15/2021 - 12:49 Português
Poesia/Amor O ETERNAMENTE 0 609 02/15/2021 - 11:39 Português
Poesia/Amor UMA ILUSÃO LETAL 1 650 02/13/2021 - 19:20 Português
Poesia/Geral JOSÉ DE TAL 1 358 02/10/2021 - 21:42 Português
Poesia/Geral CORAL DE MARMANJOS 1 483 02/10/2021 - 21:27 Português
Poesia/Geral E, AS VACAS ? 1 529 02/10/2021 - 21:20 Português
Poesia/Geral PORQUE ME TORNEI POETA 4 623 02/10/2021 - 11:36 Português