A calma aturdida pela instância

O momento perene

lento

cadente

 

Soslaios de tempo

imberbe

inconsequente

 

Momentaneamente vislumbrado

entre brumas de amor

e mar salgado

 

Salgado entre orvalhadas de despudor

de amalgamas de sonhos

de sensações

 

Dor,

amor,

e cor

Submited by

Domingo, Enero 8, 2012 - 00:27

Poesia :

Sin votos aún

Rui Lima

Imagen de Rui Lima
Desconectado
Título: Membro
Last seen: Hace 3 años 33 semanas
Integró: 03/04/2011
Posts:
Points: 1584

Comentarios

Imagen de RICARDORODEIA

Simples. Belo. Simplesmente

Simples.

Belo.

Simplesmente belo.

 

Parabéns pela inspiração.

Gostei muito.

 

Votos de um soberbo 2012.

Um grande Abraço.

Imagen de Rui Lima

Agradecido Ricardo por mais

Agradecido Ricardo por mais este teu comentário.

 

Um 2012 em grande também para ti.

 

Enorme Abraço,

Rui Lima

Add comment

Inicie sesión para enviar comentarios

other contents of Rui Lima

Tema Título Respuestas Lecturas Último envíoordenar por icono Idioma
Prosas/Otros Ancestral e sisuda, Sé é o epicentro de Braga, em Portugal 3 18.794 06/11/2019 - 09:38 Portuguese
Poesia/Intervención ¿¿O que é isso da liberdade?? 1 1.207 02/27/2018 - 12:15 Portuguese
Ministério da Poesia/Amor o meu 1º poema de amor EVER 9 2.730 12/07/2014 - 11:18 Portuguese
Poesia/Pensamientos [PENSAMENTO/REFLEXÃO]"Me_Ditação" 3 1.592 07/26/2014 - 00:16 Portuguese
Poesia/Pensamientos "moral" sociedade 1 1.325 06/13/2014 - 21:22 Portuguese
Poesia/Meditación os nossos sonhos e as alegorias que vivemos 1 1.803 06/13/2014 - 03:29 Portuguese
Poesia/General folha branca de papel 2 1.998 05/30/2014 - 16:32 Portuguese
Poesia/General A Árvore dos Patafúrdios 0 1.543 04/07/2014 - 15:59 Portuguese
Poesia/Pensamientos [PENSAMENTO/REFLEXÃO]Do Económico ao Social... 0 1.537 03/26/2014 - 01:16 Portuguese
Poesia/Intervención o dia passa, a vida passa, tudo nasce, tudo morre 0 2.662 02/21/2014 - 18:08 Portuguese
Poesia/Intervención Distrofia Social 0 1.743 02/17/2014 - 18:04 Portuguese
Poesia/General Uma mão cheia de nada 0 1.601 01/25/2014 - 04:50 Portuguese
Poesia/General o tempo passa e vai passando e deixa tudo para trás 0 3.974 01/02/2014 - 18:49 Portuguese
Críticas/Varios [ANALISE DE MERCADO] Segmento/nicho de mercado dos "salgadinho" low-cost nas lojas de estações de serviço em Portugal 0 5.213 12/04/2013 - 02:42 Portuguese
Poesia/Pensamientos [PENSAMENTO/REFLEXÃO]Respeito Vs. Desrespeito 0 1.797 11/01/2013 - 20:04 Portuguese
Poesia/General FADO 0 1.756 10/30/2013 - 15:29 Portuguese
Poesia/Pensamientos [PENSAMENTO/REFLEXÃO]Condicionalismos 0 1.346 10/26/2013 - 01:02 Portuguese
Poesia/Pensamientos [PENSAMENTO/REFLEXÃO]limitações sociais 0 1.538 10/26/2013 - 00:56 Portuguese
Poesia/Pensamientos [PENSAMENTO/REFLEXÃO]hipóteses... factos... certezas... 0 1.518 10/25/2013 - 23:45 Portuguese
Poesia/Pensamientos [PENSAMENTO/REFLEXÃO]Formatação Social 0 1.250 10/25/2013 - 23:40 Portuguese
Poesia/Pensamientos [PENSAMENTO/REFLEXÃO]Bem Vs. Mal 0 2.744 10/25/2013 - 23:32 Portuguese
Prosas/Otros 15% do IVA dedutivel para o IRS... como manipular a seu favor para receber mais no seu IRS 2013 0 2.935 10/17/2013 - 16:04 Portuguese
Poesia/General little moments in time 0 3.271 09/24/2013 - 21:06 Inglés
Poesia/General TODOS (menos nenhum) 0 1.829 09/02/2013 - 21:18 Portuguese
Poesia/General INTENSAMENTE 2 1.818 09/02/2013 - 21:09 Portuguese