CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Abstinência tecnológica (sobre a dependência do celular)

Há muitas coisas
que me inquietam
o espírito.

Um telefonema inesperado,
uma notícia repentina,
um chamado por socorro.

Fazia tempo,
ah, muito tempo
que não usava um rádio.

Na verdade,
eu usei na época
um aparelho de Bip

Isto foi na época
em que era Pediatra
de sobre-aviso
na Maternidade Mãe-Pobre

Nascia um bebê
com problemas
e a enfermeira
prontamente me "bipava"

Depois surgiu
a telemensagem
eram os famosos
aparelhos Teletrim

Mas, confesso
que a chegada do celular
e do fone-rádio mantém
em constante estado de alerta

E, isso é tão complicado
que esta dependência
tecnológica angustia
gera apreensão e culpa

Vai que você esteja
fora de área?
Vai que a carga
da bateria acabe?

Outro dia,
sem celular ou rádio,
sem relógio de pulso,
senti uma liberdade

Após - devo confessar -
certo período de abstinência,
que fazia tempo que não sentia
a de me guiar pelo ciclo do tempo

AjAraujo, o poeta humanista, escrito em setembro de 2013.

Submited by

segunda-feira, setembro 16, 2013 - 10:23

Poesia :

No votes yet

AjAraujo

imagem de AjAraujo
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 2 anos 5 semanas
Membro desde: 10/29/2009
Conteúdos:
Pontos: 15584

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of AjAraujo

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Poetrix Poemas - de "Magma" (Guimarães Rosa) 2 18.734 06/11/2019 - 11:48 Português
Videos/Música Ave Maria - Schubert (Andre Rieu & Mirusia Louwerse) 1 24.910 06/11/2019 - 11:02 inglês
Poesia/Fantasia Cabelos de fogo 0 2.005 04/28/2018 - 21:38 Português
Poesia/Dedicado A criança dentro de ti 0 1.286 04/28/2018 - 21:20 Português
Poesia/Pensamentos O porto espiritual 0 1.241 04/28/2018 - 21:00 Português
Poesia/Dedicado Ano Novo (Ferreira Gullar) 1 1.125 02/20/2018 - 19:17 Português
Prosas/Drama Os ninguéns (Eduardo Galeano) 0 1.394 12/31/2017 - 19:09 Português
Poesia/Dedicado Passagem de ano (Carlos Drummond de Andrade) 0 1.715 12/31/2017 - 18:59 Português
Prosas/Contos Um conto de dor e neve (AjAraujo) 0 2.356 12/20/2016 - 11:42 Português
Prosas/Contos Conto de Natal (Rubem Braga) 0 1.748 12/20/2016 - 11:28 Português
Prosas/Contos A mensagem na garrafa - conto de Natal (AjAraujo) 0 3.041 12/04/2016 - 13:46 Português
Poesia/Intervenção Educar não é... castigar (AjAraujo) 0 1.191 07/08/2016 - 00:54 Português
Poesia/Intervenção Dois Anjos (Gabriela Mistral) 0 2.870 08/04/2015 - 23:50 Português
Poesia/Dedicado Fonte (Gabriela Mistral) 0 1.983 08/04/2015 - 22:58 Português
Poesia/Meditação O Hino Cotidiano (Gabriela Mistral) 0 1.896 08/04/2015 - 22:52 Português
Poesia/Pensamentos As portas não são obstáculos, mas diferentes passagens (Içami Tiba) 0 2.381 08/02/2015 - 23:48 Português
Poesia/Dedicado Pétalas sobre o ataúde - a história de Pâmela (microconto) 0 3.250 03/30/2015 - 11:56 Português
Poesia/Dedicado Ode para a rendição de uma infância perdida 0 1.810 03/30/2015 - 11:45 Português
Poesia/Tristeza Entre luzes e penumbras 0 2.230 03/30/2015 - 11:39 Português
Poesia/Tristeza No desfiladeiro 1 3.307 07/26/2014 - 00:09 Português
Poesia/Intervenção Sinais da história 0 1.894 07/17/2014 - 00:54 Português
Poesia/Fantasia E você ainda acha pouco? 0 2.966 07/17/2014 - 00:51 Português
Poesia/Aforismo Descanso eterno 2 3.577 07/03/2014 - 22:28 Português
Poesia/Intervenção Paisagem (Charles Baudelaire) 0 2.576 07/03/2014 - 03:16 Português
Poesia/Meditação Elevação (Charles Baudelaire) 0 2.672 07/03/2014 - 03:05 Português