CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

A trilha do novo caminho

Sonolento ainda,
desperto ante ao inevitável chamado
do cronometrado relógio biológico
embora, o corpo oponha resistência

Semanas de tensões,
ansiedades ante expectativas
encontros e desencontros
compromissos e novos desafios

Agora, findo o congresso
resta a trilha do novo caminho
resta a esperança de vencer o adverso
resta a rima para compor o verso

Na manhã que o sol preguiçoso
Aos poucos derrama seus feixes de luz
Alivia a dureza da jornada deste momento
E traz o repouso, um instante de paz.

AjAraújo, o poeta humanista, escrito em 20 de novembro de 2010.
 

Submited by

quarta-feira, dezembro 29, 2010 - 21:29

Poesia :

No votes yet

AjAraujo

imagem de AjAraujo
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 1 ano 24 semanas
Membro desde: 10/29/2009
Conteúdos:
Pontos: 15584

Comentários

imagem de Susan

Por vezes é preciso ter essa

Por vezes é preciso ter essa força de viver  ao se levantar  ....

Muito bom !!!

Beijo

Susan

imagem de AjAraujo

Obrigado, Susan, cada dia é

Obrigado, Susan, cada dia é uma nova e generosa janela de oportunidade para operarmos mudanças em nossas vidas.

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of AjAraujo

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Poetrix Poemas - de "Magma" (Guimarães Rosa) 2 17.606 06/11/2019 - 11:48 Português
Videos/Música Ave Maria - Schubert (Andre Rieu & Mirusia Louwerse) 1 24.022 06/11/2019 - 11:02 inglês
Poesia/Fantasia Cabelos de fogo 0 746 04/28/2018 - 21:38 Português
Poesia/Dedicado A criança dentro de ti 0 646 04/28/2018 - 21:20 Português
Poesia/Pensamentos O porto espiritual 0 695 04/28/2018 - 21:00 Português
Poesia/Dedicado Ano Novo (Ferreira Gullar) 1 849 02/20/2018 - 19:17 Português
Prosas/Drama Os ninguéns (Eduardo Galeano) 0 816 12/31/2017 - 19:09 Português
Poesia/Dedicado Passagem de ano (Carlos Drummond de Andrade) 0 828 12/31/2017 - 18:59 Português
Prosas/Contos Um conto de dor e neve (AjAraujo) 0 1.850 12/20/2016 - 11:42 Português
Prosas/Contos Conto de Natal (Rubem Braga) 0 1.212 12/20/2016 - 11:28 Português
Prosas/Contos A mensagem na garrafa - conto de Natal (AjAraujo) 0 2.318 12/04/2016 - 13:46 Português
Poesia/Intervenção Educar não é... castigar (AjAraujo) 0 909 07/08/2016 - 00:54 Português
Poesia/Intervenção Dois Anjos (Gabriela Mistral) 0 2.515 08/04/2015 - 23:50 Português
Poesia/Dedicado Fonte (Gabriela Mistral) 0 1.452 08/04/2015 - 22:58 Português
Poesia/Meditação O Hino Cotidiano (Gabriela Mistral) 0 1.535 08/04/2015 - 22:52 Português
Poesia/Pensamentos As portas não são obstáculos, mas diferentes passagens (Içami Tiba) 0 1.585 08/02/2015 - 23:48 Português
Poesia/Dedicado Pétalas sobre o ataúde - a história de Pâmela (microconto) 0 2.246 03/30/2015 - 11:56 Português
Poesia/Dedicado Ode para a rendição de uma infância perdida 0 1.498 03/30/2015 - 11:45 Português
Poesia/Tristeza Entre luzes e penumbras 0 1.809 03/30/2015 - 11:39 Português
Poesia/Tristeza No desfiladeiro 1 2.787 07/26/2014 - 00:09 Português
Poesia/Intervenção Sinais da história 0 1.605 07/17/2014 - 00:54 Português
Poesia/Fantasia E você ainda acha pouco? 0 2.430 07/17/2014 - 00:51 Português
Poesia/Aforismo Descanso eterno 2 3.093 07/03/2014 - 22:28 Português
Poesia/Intervenção Paisagem (Charles Baudelaire) 0 2.213 07/03/2014 - 03:16 Português
Poesia/Meditação Elevação (Charles Baudelaire) 0 2.116 07/03/2014 - 03:05 Português