CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

e a inercia teima em não deixar acontecer o amanhã

Não digas nada,
não vale a pena sonhar os desejos,
As ânsias,
os encejos

sonhar-los é entorpecer sua realização,
o constante adiar do desejo,
apenas deixar viver o sonho,
por receio de como será se "real"

do imaginário ao constante,
do prospecto ao factual

irrisório dormir,
sonhar a vida perfeita,
ter ganas, vontade,
necessidade de a ver feita

mas em sonho apenas,
até...

até ao momento de acordar,
vagarosamente entre bocejos,
de sonhos sonhados perfeitos

de vontades,
quereres,
desejos

concomitantes caricias e beijos

mas como?  quando?
aonde? porquê?

e o amanhã acontece...
tudo igual,
sereno,
real,
constante,

ainda por aqui novamente?

Submited by

quarta-feira, março 21, 2012 - 23:16

Poesia :

Your rating: None (1 vote)

Rui Lima

imagem de Rui Lima
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 4 anos 5 semanas
Membro desde: 03/04/2011
Conteúdos:
Pontos: 1584

Comentários

imagem de Henrique

ainda por aqui novamente

ainda por aqui novamente a velha-guarda do Rei... O Poema.

 

Gostei.

 

e o amanhã acontece acontecido.

 

Abraço Rui

imagem de Rui Lima

Agradecido pelo maravilhoso

Agradecido pelo maravilhoso comentário.

Abraço,
Rui Lima

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Rui Lima

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Prosas/Outros Ancestral e sisuda, Sé é o epicentro de Braga, em Portugal 3 19.167 06/11/2019 - 08:38 Português
Poesia/Intervenção ¿¿O que é isso da liberdade?? 1 1.425 02/27/2018 - 11:15 Português
Ministério da Poesia/Amor o meu 1º poema de amor EVER 9 2.978 12/07/2014 - 10:18 Português
Poesia/Pensamentos [PENSAMENTO/REFLEXÃO]"Me_Ditação" 3 1.748 07/25/2014 - 23:16 Português
Poesia/Pensamentos "moral" sociedade 1 1.482 06/13/2014 - 20:22 Português
Poesia/Meditação os nossos sonhos e as alegorias que vivemos 1 2.011 06/13/2014 - 02:29 Português
Poesia/Geral folha branca de papel 2 2.281 05/30/2014 - 15:32 Português
Poesia/Geral A Árvore dos Patafúrdios 0 2.245 04/07/2014 - 14:59 Português
Poesia/Pensamentos [PENSAMENTO/REFLEXÃO]Do Económico ao Social... 0 1.913 03/26/2014 - 00:16 Português
Poesia/Intervenção o dia passa, a vida passa, tudo nasce, tudo morre 0 2.879 02/21/2014 - 17:08 Português
Poesia/Intervenção Distrofia Social 0 1.990 02/17/2014 - 17:04 Português
Poesia/Geral Uma mão cheia de nada 0 1.809 01/25/2014 - 03:50 Português
Poesia/Geral o tempo passa e vai passando e deixa tudo para trás 0 4.214 01/02/2014 - 17:49 Português
Críticas/Outros [ANALISE DE MERCADO] Segmento/nicho de mercado dos "salgadinho" low-cost nas lojas de estações de serviço em Portugal 0 5.653 12/04/2013 - 01:42 Português
Poesia/Pensamentos [PENSAMENTO/REFLEXÃO]Respeito Vs. Desrespeito 0 2.023 11/01/2013 - 19:04 Português
Poesia/Geral FADO 0 2.026 10/30/2013 - 14:29 Português
Poesia/Pensamentos [PENSAMENTO/REFLEXÃO]Condicionalismos 0 1.549 10/26/2013 - 00:02 Português
Poesia/Pensamentos [PENSAMENTO/REFLEXÃO]limitações sociais 0 1.742 10/25/2013 - 23:56 Português
Poesia/Pensamentos [PENSAMENTO/REFLEXÃO]hipóteses... factos... certezas... 0 1.783 10/25/2013 - 22:45 Português
Poesia/Pensamentos [PENSAMENTO/REFLEXÃO]Formatação Social 0 1.428 10/25/2013 - 22:40 Português
Poesia/Pensamentos [PENSAMENTO/REFLEXÃO]Bem Vs. Mal 0 3.066 10/25/2013 - 22:32 Português
Prosas/Outros 15% do IVA dedutivel para o IRS... como manipular a seu favor para receber mais no seu IRS 2013 0 3.189 10/17/2013 - 15:04 Português
Poesia/Geral little moments in time 0 3.498 09/24/2013 - 20:06 inglês
Poesia/Geral TODOS (menos nenhum) 0 2.311 09/02/2013 - 20:18 Português
Poesia/Geral INTENSAMENTE 2 2.009 09/02/2013 - 20:09 Português