CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Ela

Fazia anos que não a via,
Ainda estava só e desconsolado...
E ela ali, radiante ao meu lado,
Provocando-me frenética taquicardia...

Seus lindos olhos não perceberam os meus
Que estavam atônitos, literalmente atordoados...
Ela sorria revelando os dentes bem cuidados
E logo todo um passado distante me envolveu.

Pude observá-la detalhadamente,
Notei que em nada ela mudara...
Seus longos cabelos presos numa tiara
Recordaram-me aquele rosto jovial e inocente...

O tempo que passou a tornara mais bela,
Transformara-se numa mulher experiente...
Seus modos eram os mesmos de antigamente
E em meu íntimo ainda a amava tal qual ela era.

Não desviei meu olhar um só instante,
Era preciso dissipar o meu deserto...
Agora que ela estava tão perto
Renovava-se em mim um sentimento distante.

De súbito tomei coragem e me pus à sua frente,
Era tudo ou nada para mim aquele momento,
Minhas pernas tremiam de contentamento
E ela me reconheceu imediatamente.

O susto a deixou petrificada,
Seu copo espatifou-se no chão...
Transferi a taquicardia para o seu coração
E segurei suas mãos trêmulas e geladas.

Duas lágrimas rolaram em sua face,
Ela não acreditava no que via,
Era o final de uma longa nostalgia
Que não havia sentido se continuasse...

Igualmente a mim ela estava só
E nos beijamos depois de tantos anos...
Ali mesmo fizemos planos e nos abraçamos
Desatando de dentro nós aquele nó.

Assim é a vida de quem ama,
Curte-se a saudade até onde ela for...
E para concretizar-se um grande amor,
Mata-se a dor em cima de uma cama !

Submited by

quarta-feira, setembro 23, 2009 - 19:20

Poesia :

No votes yet

imelo

imagem de imelo
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 2 semanas 6 dias
Membro desde: 09/09/2009
Conteúdos:
Pontos: 1644

Comentários

imagem de MarneDulinski

Re: Ela

imelo!
Ela

Igualmente a mim ela estava só
E nos beijamos depois de tantos anos...
Ali mesmo fizemos planos e nos abraçamos
Desatando de dentro nós aquele nó.

Assim é a vida de quem ama,
Curte-se a saudade até onde ela for...
E para concretizar-se um grande amor,
Mata-se a dor em cima de uma cama !

Lindíssimo seu Poema, ao todo!
MarneDulinski

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of imelo

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Soneto HOMEM/MULHER 0 32 11/10/2020 - 01:56 Português
Poesia/Gótico PAISAGEM 0 24 11/04/2020 - 01:15 Português
Poesia/Soneto INFINITESIMAL 0 19 11/03/2020 - 00:52 Português
Poesia/Geral SENSAÇÕES 0 17 11/02/2020 - 22:51 Português
Poesia/Soneto SENSAÇÕES EÓLICAS 0 24 11/01/2020 - 23:32 Português
Poesia/Geral HÁBITOS & VÍCIOS 0 29 11/01/2020 - 20:34 Português
Poesia/Gótico ALUVIÃO 0 82 10/29/2020 - 02:23 Português
Poesia/Soneto JUÍZO 0 36 10/26/2020 - 01:03 Português
Poesia/Soneto NEGRUME 0 21 10/25/2020 - 13:12 Português
Poesia/Geral CIENTÍFICO 0 49 10/21/2020 - 03:47 Português
Poesia/Geral MISTÉRIOS 0 39 10/19/2020 - 01:20 Português
Poesia/Geral OS SENTIDOS 0 71 10/18/2020 - 13:48 Português
Poesia/Geral IDONEIDADE 0 50 10/17/2020 - 13:11 Português
Poesia/Soneto INTRÉPIDO 0 35 10/17/2020 - 00:37 Português
Poesia/Soneto EMBALOS 0 45 10/11/2020 - 23:36 Português
Poesia/Geral FUTUM 0 47 10/11/2020 - 23:00 Português
Poesia/Geral FUTUM 0 83 10/11/2020 - 22:57 Português
Poesia/Geral DOUTRINA 0 52 10/06/2020 - 03:33 Português
Poesia/Geral AMAR 0 66 09/30/2020 - 01:36 Português
Poesia/Gótico AGONY 0 65 09/26/2020 - 23:58 Português
Poesia/Geral AGONY 0 169 09/26/2020 - 23:21 inglês
Poesia/Geral INDOMÁVEL 0 69 09/26/2020 - 14:45 Português
Poesia/Geral HISTÓRICO 0 82 09/18/2020 - 22:28 Português
Poesia/Geral IN NATURA 0 69 09/16/2020 - 23:36 Português
Poesia/Geral CONTEXTO IDEOLÓGICO 0 82 09/16/2020 - 01:05 Português