CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

As esquinas do século vinte e um

Todas as esquinas oferecem um perigo iminente
Você nunca sabe o que pode encontrar
Assim que cruzar o limiar do desconhecido
Suas sombras adormecidas podem ser despertas
E monstros serem libertos de suas prisões.

Velhos mortos estão espalhados pelo tempo
Eu até tenho o meu roteiro preparado
Mas não posso desenvolver sozinho
Se nem todo dia posso ouvir uma sintonia
Nem mesmo uma melodia barata nas vielas.

Choramos lágrimas de festim para disfarçar
Transbordamos fantasias para esconder
Um pequeno circo se forma nas penumbras
Onde artistas maquiados pedem aplausos
Quando existe apenas vaidade refletida nos olhos.

Ninguém se importa com a nossa maturidade
Quando todos estão envolvidos em seus segredos
Nada existe debaixo dos seus olhos
Se máscaras tentam cobrir todas as cicatrizes
Talvez nunca venhamos a saber a história.

Onde estão todas as crianças perdidas?
O perigo do talvez nunca está com os adultos
Apenas o sorriso de um gato invisível
Pode entregar as atrocidades que se fazem
Nos gramados esverdeados e jardins floridos.

Por que um poeta triste deveria se importar
Com a mácula de mente juvenis sem direção?
Por que deveria gritar em seus versos políticos
Brados de advertências contra esses corruptos
Lobos vestidos de ovelhas entre nós?

Todas as esquinas do século vinte e um
Escancaram o seu trágico recado de alerta
Em algum canto escuro por ai
Almas inocentes estão sendo devoradas
Pelos monstros por trás de figuras públicas.

Poema: Odair José, Poeta Cacerense

www.odairpoetacacerense.blogspot.com

Submited by

domingo, novembro 5, 2023 - 12:54

Poesia :

No votes yet

Odairjsilva

imagem de Odairjsilva
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 14 horas 35 minutos
Membro desde: 04/07/2009
Conteúdos:
Pontos: 16313

Comentários

imagem de Odairjsilva

Visitem os

imagem de Odairjsilva

Visitem os

imagem de Odairjsilva

Visitem os

imagem de Odairjsilva

Visitem os

imagem de Odairjsilva

Visitem os

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Odairjsilva

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Desilusão Vivo da saudade que sinto 6 151 07/24/2024 - 22:41 Português
Poesia/Desilusão Querer estar longe 6 243 07/24/2024 - 00:56 Português
Poesia/Amor Hipnotizado 6 181 07/23/2024 - 11:55 Português
Poesia/Amor Não posso imaginar 6 163 07/22/2024 - 21:23 Português
Poesia/Amor Por onde ando agora 6 240 07/21/2024 - 14:08 Português
Poesia/Pensamentos Aqui deitarei o meu reinado 6 390 07/20/2024 - 23:15 Português
Poesia/Amor As tramas sutis do amor 6 277 07/20/2024 - 14:07 Português
Poesia/Amor Um mistério que seduz 6 147 07/19/2024 - 23:58 Português
Poesia/Desilusão Saudade que sufoca 6 261 07/19/2024 - 13:23 Português
Poesia/Paixão Linda morena 6 221 07/18/2024 - 14:14 Português
Poesia/Pensamentos Arautos da ignorância 7 487 07/17/2024 - 13:51 Português
Poesia/Intervenção A poesia para os tristes 6 329 07/16/2024 - 19:34 Português
Poesia/Amor A mensagem do amor em seus enredos 6 270 07/15/2024 - 23:35 Português
Poesia/Meditação A loucura da verdade 6 304 07/15/2024 - 13:45 Português
Poesia/Canção Tudo o que desejei 6 240 07/14/2024 - 17:02 Português
Poesia/Pensamentos Palavras escritas para os perdidos 6 920 07/13/2024 - 14:36 Português
Poesia/Amor Amanhã, quem sabe? 6 191 07/12/2024 - 13:50 Português
Poesia/Desilusão O tempo faz esquecer 6 324 07/11/2024 - 14:37 Português
Poesia/Pensamentos Esquecemos o que aconteceu ontem 6 777 07/10/2024 - 16:47 Português
Poesia/Desilusão Passados recompostos 6 533 07/09/2024 - 15:15 Português
Poesia/Desilusão Fere como um punhal 6 332 07/08/2024 - 16:19 Português
Poesia/Pensamentos Que mundo criamos? 6 690 07/07/2024 - 14:34 Português
Poesia/Intervenção Convoco os poetas 8 433 07/07/2024 - 14:28 Português
Poesia/Pensamentos Todas as canções possíveis 6 1.061 07/05/2024 - 14:21 Português
Poesia/Dedicado Canção ao Festival de Pesca 6 261 07/04/2024 - 14:55 Português