CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

GRITO …

É de silêncio o meu olhar.

Disperso

como um vento sussurrante.

É deserto o fácil onde me deito.

Ceara infértil com que me enfeito,

desfeito em sede.

Alvorada atada às sombras,

o pensar que desse olhar grita,

solidões comungantes,

histórias,

entes.

Olhar

de muralhas devolutas,

de cegueiras que tudo vêem,

de multidões mortas pelo chão.

Uma voz

que da lágrima chora

sobre os leitos da minha demora

entender-me.

Dizer-me do tempo,

ser-me do ser.
.
.
.
.

Submited by

sábado, setembro 1, 2012 - 19:56

Poesia :

Your rating: None (5 votes)

Henrique

imagem de Henrique
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 5 anos 6 semanas
Membro desde: 03/07/2008
Conteúdos:
Pontos: 34817

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Henrique

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Videos/Outros Já viram o Pedro abrunhosa sem óculos? Pois ora aqui o têm. 1 37.039 06/11/2019 - 09:39 Português
Poesia/Tristeza TEUS OLHOS SÃO NADA 1 1.629 03/06/2018 - 21:51 Português
Poesia/Pensamentos ONDE O INFINITO SEJA O PRINCÍPIO 4 2.242 02/28/2018 - 17:42 Português
Poesia/Pensamentos APALPOS INTERMITENTES 0 2.151 02/10/2015 - 22:50 Português
Poesia/Aforismo AQUILO QUE O JUÍZO É 0 1.998 02/03/2015 - 20:08 Português
Poesia/Pensamentos ISENTO DE AMAR 0 4.019 02/02/2015 - 21:08 Português
Poesia/Amor LUME MAIS DO QUE ACESO 0 2.704 02/01/2015 - 22:51 Português
Poesia/Pensamentos PELO TEMPO 0 1.694 01/31/2015 - 21:34 Português
Poesia/Pensamentos DA POESIA 0 5.443 01/30/2015 - 23:06 Português
Poesia/Pensamentos DO AMOR 0 1.842 01/30/2015 - 21:48 Português
Poesia/Pensamentos DO SENTIMENTO 0 2.284 01/29/2015 - 22:55 Português
Poesia/Pensamentos DO PENSAMENTO 0 2.375 01/29/2015 - 19:53 Português
Poesia/Pensamentos DO SONHO 0 1.642 01/29/2015 - 01:04 Português
Poesia/Pensamentos DO SILÊNCIO 0 2.860 01/29/2015 - 00:36 Português
Poesia/Pensamentos DA CALMA 0 2.194 01/28/2015 - 21:27 Português
Poesia/Pensamentos REPASTO DE ESQUECIMENTO 0 1.877 01/27/2015 - 22:48 Português
Poesia/Pensamentos MORRER QUE POR DENTRO DA PELE VIVE 0 1.768 01/27/2015 - 16:59 Português
Poesia/Aforismo NENHUMA MULTIDÃO O SERÁ 0 1.776 01/26/2015 - 20:44 Português
Poesia/Pensamentos SILENCIOSA SOMBRA DE SOLIDÃO 0 2.933 01/25/2015 - 22:36 Português
Poesia/Pensamentos MIGALHAS DE SAUDADE 0 1.566 01/22/2015 - 22:32 Português
Poesia/Pensamentos ONDE O AMOR SEMEIA E COLHE A SOLIDÃO 0 1.473 01/21/2015 - 18:00 Português
Poesia/Pensamentos PALAVRAS À LUPA 0 2.396 01/20/2015 - 19:38 Português
Poesia/Pensamentos MADRESSILVA 0 1.434 01/19/2015 - 21:07 Português
Poesia/Pensamentos NA SOLIDÃO 0 1.766 01/17/2015 - 23:32 Português
Poesia/Pensamentos LÁPIS DE SER 0 1.673 01/16/2015 - 20:47 Português