CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Na Pele

Distante vai o dia,
Longo como a noite,
a essa estrada eu iria,
se eu tivesse mais um dia...

Se eu tivesse mais um dia...

A Saliva chama os órfãos, que vêm a seguir,
O Sangue à muito que secou...

Agonia preguiçosa, um pequeno odor a nada,
Afinal é como todos nós acabamos...

Aquele que vai a meu lado empresta uma lágrima,
mas não chega... como poderia chegar?

O cão não ladra mais, no chão de mais um dia...

Ai, se eu tivesse mais um dia...
Se eu tivesse mais um dia...

E onde está agora a raiva que espumavas sem fim?
Longe, bem longe, à distância de mim...

No fundo de mim um hóspede.
E tive o sabor de mais um dia...
O sabor de mais um dia...

A partir de ontem o perigo já não é avô de todos os prazeres.
Gosto demasiado da minha própria morte,
e não penso que ela deva acontecer no meio dos outros...

Submited by

segunda-feira, abril 26, 2010 - 01:20

Poesia :

Your rating: None (2 votes)

Ex-Ricardo

imagem de Ex-Ricardo
Offline
Título: Administrador
Última vez online: há 7 semanas 4 dias
Membro desde: 02/15/2008
Conteúdos:
Pontos: 1125

Comentários

imagem de Ema Moura

Na pele

Na pele me perdi um dia, em sonhos que não acalentei. Adormecidos quis todos os meus dias, do que um dia sentir assim...

Lido e sentido pela e na pele.

Parabéns e obrigada pela oportunidade de reflexão.

Ema

imagem de Ana_fm

Que poema lindo. mesmo

Que poema lindo.

mesmo muito bem escrito.

tens muito talento.

 

ate mais,

ana fm

imagem de Claudia_Martins

Re: Na Pele

Agonia preguiçosa, um pequeno odor a nada, Afinal é como todos nós acabamos...

Gostei!!

xoxo

imagem de Conchinha

Re: Na Pele

As coisas têm valor relativo.
É o que retiro.

Saber morrer é uma arte, mas não permite auto-avaliação...
Saber viver...

Por tudo isto, saber escrever é uma coisa muito pequena.
Mesmo assim, sabes escrever e és grande.

Abraço

imagem de brunoteenager

Re: Na Pele

O amigo nos faz remeter ao grande escritor e poeta Álvares de Azevedo (1831-1852) em seu poema "Se Eu Morresse Amanhã!"

"Se eu morresse amanhã, viria ao menos
Fechar meus olhos minha triste irmã;
Minha mãe de saudades morreria
Se eu morresse amanhã!
Quanta glória pressinto em meu futuro!
Que aurora de porvir e que manhã!
Eu perdera chorando essas coroas
Se eu morresse amanhã!
Que sol! que céu azul! que dove n'alva
Acorda a natureza mais loucã!
Não me batera tanto amor no peito
Se eu morresse amanhã!
Mas essa dor da vida que devora
A ânsia de glória, o dolorido afã...
A dor no peito emudecera ao menos
Se eu morresse amanhã!"

Seu texto ganha expressão nesta releitura do clássico e um dos maiores poetas românticos da época e nos permite pela evasão porposta em seu texto ( criativo e sugestivo) visitar no tempo as ansiedades da alma humana presentes na atemporalidade da poesia e do tema aos quais dedicas aqui em sua poética.
Subjuntivos na mesma esperança de evadir no tempo.

"A partir de ontem o perigo já não é avô de todos os prazeres...

Ai, se eu tivesse mais um dia...
Se eu tivesse mais um dia..."

Melhor ainda quando findas em concisa decisão-sintese:

Gosto demasiado da minha própria morte,
e não penso que ela deva acontecer no meio dos outros...

Parabéns, colega

imagem de Librisscriptaest

Re: Na Pele

Ai! Se eu tivesse mais um dia!
Mas temos tantos dias q nos passam tão ao lado, às vezes meses,às vezes anos e damos connosco a pensar, perdidos em lamentos de tormentos, no leito da morte, seja da alma, da liberdade, ou ate mesmo do corpo e se... se eu... tivesse mais um dia...

Muito bom Ex, faz meditar e enche-nos de "ses"...
Concordo com o Gi, tem musicalidade!
;-) :plol
Beijinho grande em ti!
Inês

imagem de Henrique

Re: Na Pele

A Saliva chama os órfãos, que vêm a seguir,
O Sangue (h)à muito que secou...

Agonia preguiçosa, um pequeno odor a nada,
Afinal é como todos nós acabamos...

Mas é no meio dos outros que morremos, somos também os outros quer ladrem os cães ou não!!!

Fantástico Ex!!!

:plol

imagem de jopeman

Re: Na Pele

Excelente poema, na pele de mais um dia

"Se eu tivesse mais um dia...

um pequeno odor a nada,
Afinal é como todos nós acabamos...

Gosto demasiado da minha própria morte,
e não penso que ela deva acontecer no meio dos outros..."

Adorei

Abraço

imagem de analyra

Re: Na Pele

A partir de ontem o perigo já não é avô de todos os prazeres. Gosto demasiado da minha própria morte, e não penso que ela deva acontecer no meio dos outros...

Uma reflexão relativa a vida e expressão da existência. O exercício de escolhas da expressão da unicidade do Eu, mesmo achando-se derradeiro.

Grande abraço, sempre um prazer ler-te.

imagem de angelalugo

Re: Na Pele

Olá caro poeta Ricardo

A sorte é não sabermos o que vai
no conteúdo do outro dia nem mesmo
a morte se é sabida, mas existe a
sorte de se ter mais um dia...
Adorei teu poema

Beijinhos no coração

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Ex-Ricardo

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Videos/Música Ex-Ricardo "Lábio Posto" 4 2.500 02/27/2018 - 10:14 Português
Poesia/Dedicado Sonhei esta noite que te trazia a Primavera aos dias 30 2.877 01/22/2018 - 14:33 Português
Poesia/Tristeza -Erro- 10 2.278 08/13/2012 - 17:26 Português
Fotos/Eventos Exposição Colectiva 0 2.371 06/18/2012 - 16:16 Português
Poesia/Meditação Um café Sol 23 2.831 03/24/2012 - 17:39 Português
Poesia/Meditação My head blossoms 4 3.662 12/19/2011 - 14:55 inglês
Poesia/Intervenção O rapaz que tinha um cão pendurado na voz 14 2.201 08/15/2011 - 08:48 Português
Fotos/Eventos Marta Pinto e Patrícia Taz 2 3.291 07/18/2011 - 15:28 Português
Videos/Outros Luísa Vaz Tavares - Autora da Corpos no Jornal da Noite da SIC 0 4.718 07/10/2011 - 19:34 Português
Fotos/Pintura Ex-Ricardo Avatar 3 2.935 05/21/2011 - 20:42 Português
Poesia/Meditação Mi Cabeza en Flor 3 3.096 05/08/2011 - 11:26 Espanhol
Fotos/Eventos Entrevista de Ex-Ricardo ao programa de TV Travessa de Cedofeita 5 4.566 04/24/2011 - 10:57 Português
Fotos/Eventos Ex-Ricardo e Raquel Fontes ao vivo 2 3.425 04/13/2011 - 22:14 Português
Fotos/Eventos Pedro Romualdo 1 2.750 04/06/2011 - 01:25 Português
Fotos/Eventos Patrícia Taz 0 2.909 04/05/2011 - 23:25 Português
Fotos/Eventos Marta Pinto, Isabel Andrade, Joana Dias e Miguel Mancellos 0 4.064 04/05/2011 - 01:33 Português
Fotos/Eventos Ex-Ricardo ao vivo 0 2.701 04/05/2011 - 01:31 Português
Fotos/Eventos Declamação de Poesia 0 3.734 04/05/2011 - 01:28 Português
Fotos/Eventos Maria Beatriz 0 3.027 04/05/2011 - 01:26 Português
Fotos/Eventos A. Pedro Ribeiro 0 3.118 04/05/2011 - 01:24 Português
Fotos/Eventos Luís Carvalho 0 2.971 04/05/2011 - 01:23 Português
Fotos/Eventos Marta Boaventura Pinto 0 3.474 04/05/2011 - 01:21 Português
Fotos/Eventos Um grande Momento de Poesia e música 0 2.871 04/05/2011 - 01:20 Português
Fotos/Eventos Ironic Salazar ao Saxofone 0 2.951 04/05/2011 - 01:15 Português
Poesia/Desilusão Na Pele 11 1.880 03/28/2011 - 14:35 Português