CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

No silêncio do meu caminhar

Tudo é silêncio na noite fria do tempo
Onde procuro respostas para perguntas
Que nem eu mesmo sei quais são.
Não quero saber qual será o fim
Porque nem sei como aconteceu o início
Se é que houve um começo.
Ando devagar pela estrada à minha frente
E não tenho pressa de chegar
Pois não sei onde meus passos me levam.
Quero viver na solidão
Que me tira os seus olhos
E descansar-me na esperança
De encontrar o seu sorriso só mais uma vez.
Tudo é deserto por onde ando
E sinto na pele o sol escaldante
De uma tarde de verão.
Saber que você existe
Causa em mim uma angústia
De não poder estar junto a fonte da alegria.
Seus olhos tão meigos
Sempre estavam ali sozinhos
Como um convite ao amor.
Prossigo no silêncio do meu caminhar
E ouço a sua voz ao longe
E ouço também a sua risada
E sei que está feliz.
Meu coração bate mais forte
Quer te encontrar e não sabe como será
E eu paro de caminhar
Quero descansar de tudo isso.
Mas, em meus olhos já não há lágrimas
Para que as deixem cair.
Não há uma sombra sequer para recostar-me
E meus pés estão cansados.
Olho para o horizonte
Não sei se consigo chegar
No lugar de onde sai.
No silêncio do meu caminhar
As perguntas continuam sem respostas.

Poema: Odair

http://odairpoetacacerense.blogspot.com

Submited by

quinta-feira, junho 18, 2015 - 15:46

Poesia :

No votes yet

Odairjsilva

imagem de Odairjsilva
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 2 dias 21 horas
Membro desde: 04/07/2009
Conteúdos:
Pontos: 3788

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Odairjsilva

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Desilusão Ter e não ter 0 10 09/13/2019 - 01:14 Português
Poesia/Paixão Insensato coração 0 18 09/10/2019 - 00:41 Português
Poesia/Meditação Se quero crescer 0 20 09/08/2019 - 18:50 Português
Poesia/Paixão Loucura e ternura 0 20 09/05/2019 - 23:30 Português
Poesia/Meditação Não diga nada 0 24 09/03/2019 - 23:25 Português
Poesia/Amor Eu penso em você 0 45 09/02/2019 - 23:09 Português
Poesia/Desilusão Máscaras 0 49 08/30/2019 - 22:06 Português
Poesia/Meditação Sonhos revisitados 0 38 08/28/2019 - 22:21 Português
Poesia/Intervenção Mato Grosso em chamas 0 37 08/27/2019 - 01:39 Português
Poesia/Meditação Mauvaiseté 0 179 08/24/2019 - 00:18 Português
Poesia/Meditação Pássaros feridos 0 77 08/22/2019 - 21:04 Português
Poesia/Amor Nem tudo que penso agora 0 37 08/20/2019 - 23:19 Português
Poesia/Meditação Anjos e demônios 0 92 08/18/2019 - 17:47 Português
Poesia/Desilusão Este amor vai ser o meu fim 0 39 08/16/2019 - 01:15 Português
Poesia/Paixão Minha forma de amar 0 75 08/15/2019 - 23:09 Português
Poesia/Meditação Os tentáculos do sistema 0 38 08/15/2019 - 22:48 Português
Poesia/Amor A bailar em minha mente 0 71 08/13/2019 - 02:39 Português
Poesia/Meditação Onde estão às poesias dos que são mortos? 0 45 08/10/2019 - 20:10 Português
Poesia/Pensamentos Tudo 0 58 08/07/2019 - 20:08 Português
Poesia/Amor O amor que procurei a vida toda 0 55 08/06/2019 - 21:40 Português
Poesia/Paixão Vejo seu sorriso e fico a contemplar-te 0 82 08/05/2019 - 23:02 Português
Poesia/Meditação Medo primitivo 0 58 08/02/2019 - 19:59 Português
Poesia/Amor O Sorriso e a Lágrima 0 43 08/01/2019 - 23:19 Português
Poesia/Fantasia Jardim exótico 0 53 07/31/2019 - 20:50 Português
Poesia/Pensamentos O flanelinha e a puta (parte 2) - A puta 0 94 07/30/2019 - 20:28 Português