CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

O pensamento humano

Uma voz que sussurra na madrugada fria
Apenas uma sombra em meio a escuridão
E o medo percorre a espinha
O desejo translouco de uma alma que viaja no tempo
Na esperança de encontrar alento para sua procura
E tudo não passa de pesadelos
De incertezas que bailam em sua mente.

O pensamento humano pode te levar longe
Onde não há limite entre o real e a imaginação
Tal como o lobo solitário nas montanhas
Olhando além do horizonte distante
Na esperança de avistar a próxima vítima indefesa
Sem saber que está na mira do caçador.

Tudo pode parecer não fazer sentido algum
São como letras misturadas em um tabuleiro
Ou peças de um grande quebra-cabeças sobre a mesa
Os pensamentos soltos na mente do ser humano
Uma fonte inesgotável de maluquices
Tão sórdidos às vezes que nem podem ser imaginados
E não há inocentes no mundo.

O que podemos fazer contra os pensamentos
Quando eles chegam sorrateiros e fazem morada
Na sentimento controlados pelo coração?
Porque só existe um que pode vê-los no seu esconderijo
O Criador do próprio ser humano.

Poema: Odair José, Poeta Cacerense

www.odairpoetacacerense.blogspot.com

Submited by

terça-feira, janeiro 11, 2022 - 16:42

Poesia :

No votes yet

Odairjsilva

imagem de Odairjsilva
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 8 horas 18 minutos
Membro desde: 04/07/2009
Conteúdos:
Pontos: 6748

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Odairjsilva

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Pensamentos O pensador 0 82 01/19/2022 - 11:19 Português
Poesia/Meditação Se o medo é real em mim 0 30 01/18/2022 - 09:04 Português
Poesia/Desilusão Não seja cega 0 32 01/17/2022 - 16:18 Português
Poesia/Meditação Aprendi que Deus gosta dos aflitos 0 125 01/16/2022 - 19:37 Português
Poesia/Fantasia Sob o olhar da coruja 0 42 01/15/2022 - 18:20 Português
Poesia/Amor Se eu não puder te esquecer 0 60 01/15/2022 - 11:51 Português
Poesia/Pensamentos A longa viagem de Stone Halls 0 169 01/14/2022 - 11:37 Português
Poesia/Pensamentos Dias de um futuro esquecido 0 153 01/13/2022 - 11:23 Português
Poesia/Amor Quando tudo parecia real 0 65 01/12/2022 - 16:46 Português
Poesia/Pensamentos O pensamento humano 0 195 01/11/2022 - 16:42 Português
Poesia/Pensamentos Tormentas 0 66 01/10/2022 - 16:36 Português
Poesia/Desilusão Um dia termina 0 51 01/09/2022 - 17:05 Português
Poesia/Desilusão Pavor 0 43 01/09/2022 - 17:01 Português
Poesia/Intervenção A humanidade não causa mais afeição 0 60 01/07/2022 - 11:28 Português
Poesia/Amor Um dia de chuva na lembrança de quem tanto amou 0 67 01/06/2022 - 11:04 Português
Poesia/Amor O sonho mais bonito 0 93 01/05/2022 - 11:15 Português
Prosas/Pensamentos O Deus da História 0 86 01/04/2022 - 11:17 Português
Poesia/Meditação A loucura nem sempre é caos 0 220 01/03/2022 - 14:53 Português
Poesia/Amor Amar, como eu amei 0 63 01/03/2022 - 11:33 Português
Poesia/Amor Peregrinações 0 183 01/02/2022 - 11:45 Português
Prosas/Pensamentos Resoluções 0 51 01/02/2022 - 11:40 Português
Poesia/Meditação Raízes profundas 0 52 12/30/2021 - 11:11 Português
Poesia/Intervenção O caos é uma escada 0 102 12/29/2021 - 11:45 Português
Poesia/Canção Não se pode mensurar 0 49 12/28/2021 - 10:48 Português
Poesia/Desilusão O que o sol fez com aquela alegria 0 61 12/27/2021 - 11:00 Português