CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

O VERSO E O REVERSO

Vejo o mundo de dois lados
Pelo verso e o reverso
Beleza e o lado do avesso
Que por mim são comparados
Esquecidos e “abençoados”
Em meio a guerra e a paz
É o mundo a andar pra trás
Causa da minha tristeza
E eu só posso ver beleza
Se achar que isso, tanto faz

Porém eu não acho isso
A moldura não me enquadra
Meu coração não é pedra
Não me deixa ser omisso
No meu umbigo não me fixo
E embora pouco a fazer
O que não posso dizer
É que a vida é uma beleza
Mas seria com certeza
Se eu tivesse algum poder

O espaço é infinito
E eu faria reformas
Lugar para ódio e armas
Não teria onde habito
Para um lugar restrito
Longe da terra, anos luz
Líderes que fazem jus
Ao desaparecimento
Seriam nesse momento
Pó no apagador de giz

Asso seria o começo
Para o mundo melhorar
Pois dentro do meu sonhar
O mal pagaria o preço
Seria um “faço e aconteço”
Para o bem prevalecer
E sempre permanecer
Para que o mal não avance
Pois seria zero a chance
De outra vez acontecer.

Sérgio da Silva Teixeira
BAGÉ/RS.

Submited by

segunda-feira, junho 10, 2024 - 21:45

Poesia :

No votes yet

Sérgio Teixeira

imagem de Sérgio Teixeira
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 11 horas 54 minutos
Membro desde: 01/24/2011
Conteúdos:
Pontos: 832

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Sérgio Teixeira

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Soneto SONNETO DE LA ESPERANZA 1 904 06/24/2024 - 20:28 Espanhol
Poesia/Soneto QUANDO O SONO ME ABANDONA 0 24 06/24/2024 - 19:42 Português
Poesia/Geral O VERSO E O REVERSO 0 81 06/10/2024 - 21:45 Português
Poesia/Geral EU E O CHÃO DO PÁTIO 0 131 05/23/2024 - 23:35 Português
Poesia/Geral INCREDULIDADE 0 392 04/19/2024 - 18:10 Português
Poesia/Soneto SONETO DE DIA E NOITE 0 229 04/17/2024 - 00:39 Português
Poesia/Meditação O ÓCIO E A GANGORRA 0 152 03/07/2024 - 00:14 Português
Poesia/Tristeza POESIA CATASTRÓFICA 0 201 03/03/2024 - 21:20 Português
Poesia/Soneto SONETO DO MEDO 0 168 03/02/2024 - 00:39 Português
Poesia/Geral PRINCÍPIOS (IA) 0 258 02/20/2024 - 17:48 Português
Poesia/Geral TEMPO DA GRAÇA - (O CAOS NO COMANDO) 0 333 01/12/2024 - 02:10 Português
Poesia/Geral O DIA SEGUINTE 0 218 12/24/2023 - 20:25 Português
Poesia/Soneto SONETO À ESPERANÇA 2 1.475 12/19/2023 - 18:54 Português
Poesia/Geral DE QUEM VIAJA NO TEMPO 2 1.771 12/15/2023 - 16:34 Português
Poesia/Geral A MESMA COISA DIFERENTE 0 213 12/03/2023 - 17:09 Português
Poesia/Geral RASTROS DE VERSOS 0 230 11/25/2023 - 18:11 Português
Poesia/Geral DISTRAINDO O TEMPO 0 296 11/10/2023 - 14:14 Português
Poesia/Geral MINHAS MADRUGADAS 0 326 10/28/2023 - 15:11 Português
Poesia/Geral DESPEDIDA 0 220 09/04/2023 - 15:35 Português
Poesia/Geral SETEMBRO PRESENTE 0 390 09/01/2023 - 14:57 Português
Poesia/Dedicado ORAÇÃO DE AMÉM A MIM 0 376 08/24/2023 - 22:16 Português
Poesia/Geral ENTRE A TERRA E O INFINITO 0 435 08/10/2023 - 13:07 Português
Poesia/Geral PRA QUEM TEM MEDO DE AGOSTO 0 400 08/01/2023 - 15:28 Português
Poesia/Geral AMIGOS E O TEMPO 0 487 07/20/2023 - 18:15 Português
Poesia/Dedicado BAGÉ MEU CHÃO 0 380 07/17/2023 - 15:53 Português