CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Simplesmente Maria


No brilho de metal oxidado,
do cabelo
o suor lambia-lhe
cansaços,
o relógio de ponto
avança,
sem hora marcada
a máquina não
pára
na rua cinzenta da cidade,
ganha-pão
pão não tem,
o ponto avança
avança o ponto
sem passado
nem futuro,
eles papam tudo
tudo papam
mudam-se os tempos
e não muda nada

…mataram-lhe um sonho
a sangue frio…

Conceição Bernardino
 

Submited by

quarta-feira, setembro 28, 2011 - 20:03

Poesia :

Your rating: None (2 votes)

ConceiçãoBernardino

imagem de ConceiçãoBernardino
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 8 anos 31 semanas
Membro desde: 03/28/2008
Conteúdos:
Pontos: 330

Comentários

imagem de SuzeteBrainer

Oi Conceição! A força das

Oi Conceição!

A força das marias, trabalhadoras sol a sol e muito suor, com os sonhos esmagados diariamente...

Gostei muito, muito!!

Bjsmiley

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of ConceiçãoBernardino

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Intervenção ainda ontem saltei o muro de Berlim 1 1.045 06/10/2012 - 11:25 Português
Prosas/Erótico Uma pena, dois momentos 2 1.024 12/09/2011 - 16:15 Português
Poesia/Intervenção Simplesmente Maria 1 769 09/28/2011 - 21:45 Português
Poesia/Amor amor… 2 1.030 09/27/2011 - 21:33 Português
Prosas/Outros Retalhos I 0 1.125 09/27/2011 - 21:30 Português
Poesia/Intervenção Os filhos de Hiroshima 0 1.022 09/26/2011 - 23:07 Português
Poesia/Tristeza ainda que eu morresse hoje 0 839 09/25/2011 - 23:47 Português
Poesia/Amor …segredam-se 2 1.005 09/25/2011 - 23:43 Português
Poesia/Intervenção No sense 0 742 09/20/2011 - 15:08 Português
Poesia/Amor Ama-me antes do fim… 0 1.152 09/20/2011 - 15:04 Português
Poesia/Amor já não sinto medo, amor… 0 836 09/20/2011 - 14:58 Português
Poesia/Geral que bem que me sabe o bolor… 3 900 05/23/2011 - 02:03 Português
Poesia/Geral olha-me sem dor… 2 1.064 04/07/2011 - 22:43 Português
Poesia/Intervenção Não creias só nas lágrimas dos homens 2 831 03/16/2011 - 12:20 Português
Prosas/Erótico «lágrimas de dois gumes» 0 1.070 02/15/2011 - 00:16 Português
Poesia/Intervenção Sirvam-se…qualquer nome me serve 0 1.121 02/06/2011 - 18:12 Português
Poesia/Meditação …nunca digas adeus 0 929 02/06/2011 - 18:12 Português
Poesia/Meditação Epicentro 2 1.034 02/05/2011 - 21:34 Português
Prosas/Tristeza como um quadrado sem lados… 0 1.062 02/05/2011 - 21:27 Português
Poesia/Intervenção Hei-de arrancar as palavras com os dentes 0 717 02/03/2011 - 23:05 Português
Poesia/Amor Ama-me antes do fim… 0 843 02/03/2011 - 11:24 Português
Poesia/Amor já não sinto medo, amor… 0 1.220 02/02/2011 - 15:51 Português
Videos/Perfil 147 0 1.266 11/24/2010 - 21:48 Português
Videos/Perfil 145 0 1.048 11/24/2010 - 21:48 Português
Videos/Perfil 82 0 990 11/24/2010 - 21:48 Português