CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

SOCIEDADE PROSTITUTA

Pranto…

Quanto
mar exterior
me ceifa vendaval!

Animal…

Ampla temeridade de perder!

Nascer para morrer…

Quanta vida
enverga a porcaria
que me venda os olhos!

Lixo aos molhos…

Furor amável dos insensatos!

Rostos falam abstractos…

Quanta
vergonha enterra
os actos hipócritas
no logro dos ignorantes!

Ecos repugnantes…

Quanto
fede nos ventos!

Lamentos…

Sonhos que já ninguém escuta!

Sociedade prostituta…

Quanto
drama oculto
num vulto sem tecto!

Vida sem projecto…

Corpo absorto sem sentido!

Humano simplesmente parido…

Submited by

quinta-feira, fevereiro 18, 2010 - 01:11

Poesia :

No votes yet

Henrique

imagem de Henrique
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 5 anos 15 semanas
Membro desde: 03/07/2008
Conteúdos:
Pontos: 34817

Comentários

imagem de Henrique

Re: SOCIEDADE PROSTITUTA/para todos

todos somos prostitutos, pois todos vendemos a força dos braços e da mente para ter um ordenado...

Quase escravos sociais!!!

:-)

imagem de nunomarques

Re: SOCIEDADE PROSTITUTA

Poema crítico de uma sociedade cada vez com menos sentido.

Gostei imenso

Abraço

imagem de mariacarla

Re: SOCIEDADE PROSTITUTA

"Quanta vida
enverga a porcaria
que me venda os olhos!

Lixo aos molhos…"

Podes crer! :-)

Carla

imagem de VeraSilva

Re: SOCIEDADE PROSTITUTA

Um poema marcante e bem actual, forte e áspero, e muito bom!

Beijo

imagem de Betofelix

Re: SOCIEDADE PROSTITUTA

O tema é complicado, mas você o enfrentou.
Inteligente e direto. Muito bom!

imagem de AnaCoelho

Re: SOCIEDADE PROSTITUTA

A voz do poeta na revolta da sociadade que cada vez está mais degradante.

Um bom poema numa temática pretinente.

Beijos

imagem de marialds

Re: SOCIEDADE PROSTITUTA

Um poema, que mostra uma sociedade hipócrita de humanos corrompidos em sua personalidade e que de aparências vivem.
Gostei muito.
Parabens.

imagem de apsferreira

Re: SOCIEDADE PROSTITUTA

Um poema, resultante, de
um sentido de observação
e crítico, apurado. Muito
oportuno. Gostei,
bastante.
:-)

imagem de MarneDulinski

Re: SOCIEDADE PROSTITUTA

LINDO POEMA, GOSTEI!

INFELIZMENTE TEMOS HUMANOS QUE SIMPLESMENTE FORAM PARIDOS, NESTA SOCIEDADE QUE INTITULAS DE PROSTITUTA; QUE DEVERÍAMOS, NÓS, GOVERVOS, SOCIEDADE E HOMENS BEM PARIDOS, ZELAREM POR ESTES INFELIZES, QUE NÃO TIVERAM A SORTE DE SEREM BEM PARIDOS!
Meus parabéns,
Marne

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Henrique

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Pensamentos DA POESIA 1 5.747 05/26/2020 - 23:50 Português
Videos/Outros Já viram o Pedro abrunhosa sem óculos? Pois ora aqui o têm. 1 37.593 06/11/2019 - 09:39 Português
Poesia/Tristeza TEUS OLHOS SÃO NADA 1 1.791 03/06/2018 - 21:51 Português
Poesia/Pensamentos ONDE O INFINITO SEJA O PRINCÍPIO 4 2.468 02/28/2018 - 17:42 Português
Poesia/Pensamentos APALPOS INTERMITENTES 0 2.319 02/10/2015 - 22:50 Português
Poesia/Aforismo AQUILO QUE O JUÍZO É 0 2.152 02/03/2015 - 20:08 Português
Poesia/Pensamentos ISENTO DE AMAR 0 4.135 02/02/2015 - 21:08 Português
Poesia/Amor LUME MAIS DO QUE ACESO 0 2.951 02/01/2015 - 22:51 Português
Poesia/Pensamentos PELO TEMPO 0 1.814 01/31/2015 - 21:34 Português
Poesia/Pensamentos DO AMOR 0 1.976 01/30/2015 - 21:48 Português
Poesia/Pensamentos DO SENTIMENTO 0 2.527 01/29/2015 - 22:55 Português
Poesia/Pensamentos DO PENSAMENTO 0 2.505 01/29/2015 - 19:53 Português
Poesia/Pensamentos DO SONHO 0 1.791 01/29/2015 - 01:04 Português
Poesia/Pensamentos DO SILÊNCIO 0 3.158 01/29/2015 - 00:36 Português
Poesia/Pensamentos DA CALMA 0 2.453 01/28/2015 - 21:27 Português
Poesia/Pensamentos REPASTO DE ESQUECIMENTO 0 1.999 01/27/2015 - 22:48 Português
Poesia/Pensamentos MORRER QUE POR DENTRO DA PELE VIVE 0 2.000 01/27/2015 - 16:59 Português
Poesia/Aforismo NENHUMA MULTIDÃO O SERÁ 0 2.014 01/26/2015 - 20:44 Português
Poesia/Pensamentos SILENCIOSA SOMBRA DE SOLIDÃO 0 3.147 01/25/2015 - 22:36 Português
Poesia/Pensamentos MIGALHAS DE SAUDADE 0 1.656 01/22/2015 - 22:32 Português
Poesia/Pensamentos ONDE O AMOR SEMEIA E COLHE A SOLIDÃO 0 1.624 01/21/2015 - 18:00 Português
Poesia/Pensamentos PALAVRAS À LUPA 0 2.565 01/20/2015 - 19:38 Português
Poesia/Pensamentos MADRESSILVA 0 1.568 01/19/2015 - 21:07 Português
Poesia/Pensamentos NA SOLIDÃO 0 1.853 01/17/2015 - 23:32 Português
Poesia/Pensamentos LÁPIS DE SER 0 1.842 01/16/2015 - 20:47 Português