CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Sua cantiga alguém cantou

Sua cantiga alguém cantou

Passa o primeiro ano,
passa o segundo ano,
Passa o terceiro ano,
E passa outro e mais outra vez.
Mas vai-se longe o que será
Sua procura interior o alcançará.
Viva os dias, corra, anseie
Lembre-se dos sonhos.
Desperte, oh, Maria!
Corra pelas colinas,
Olhe nos montes.
Perca os olhares por sobre a cidade.
Busque no âmago sua alegria
E na sua pele sinta algo que não a orgia.
Corra, ande, durma e pense.
Mas não deixe jamais de sonhar
Pois é aí que mora seu amor.
Tenha certeza ele virá.
E, quando já cansada de aguardar, adormecer...
Vai vê-lo a esperar bem paciente,
Vai tê-lo a lhe amar bem consciente.
Não tema, vai sem medo,
Sua hora chegou
Seu desejo se realizou.
Sua cantiga alguém cantou.

Texto de Teresa Azevedo, extraído do livro “Faíscas da Paixão”, readaptado para publicação em 2014.

Tela de John William Godward, pintor inglês do final do período Pré-rafaelita.

Submited by

sexta-feira, maio 16, 2014 - 07:52

Poesia :

No votes yet

teresaazevedo

imagem de teresaazevedo
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 1 ano 44 semanas
Membro desde: 09/16/2010
Conteúdos:
Pontos: 608

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of teresaazevedo

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Tristeza Simples assim 0 950 05/25/2018 - 20:42 Português
Poesia/Paixão Dono dos meus caprichos 0 715 05/25/2018 - 20:15 Português
Poesia/Paixão Dono dos meus caprichos 0 817 05/25/2018 - 20:15 Português
Poesia/Geral O êxtase do poeta é a poesia 0 952 11/06/2015 - 11:34 Português
Poesia/Geral Poeta é gente diferente 0 1.103 11/06/2015 - 11:32 Português
Poesia/Geral Nós eremitas 0 931 11/06/2015 - 11:31 Português
Poesia/Geral Ser coletivo 0 1.128 11/05/2015 - 18:08 Português
Poesia/Geral Transcendemos corpos e emoções 0 1.534 11/05/2015 - 18:06 Português
Poesia/Meditação Ondulações 0 973 11/05/2015 - 18:04 Português
Videos/Poesia Projeto Ondulações 2014 0 4.183 11/05/2015 - 08:02 Português
Poesia/Tristeza Batem as asas do adeus 1 1.704 07/29/2014 - 01:08 Português
Poesia/Poetrix Crescer sim, beber não! 1 1.222 07/26/2014 - 00:30 Português
Poesia/Geral Miscelânea poética 1 1.660 07/17/2014 - 23:58 Português
Poesia/Aldravias Aldravia 1 0 1.880 07/17/2014 - 16:36 inglês
Poesia/Geral Tarde, mormaço 1 1.264 07/13/2014 - 23:57 Português
Poesia/Geral Descortine-os 0 1.190 07/12/2014 - 18:42 Português
Poesia/Geral Intocável 0 939 07/12/2014 - 18:01 Português
Poesia/Arquivo de textos Como alcançar o inalcançável 0 1.577 07/11/2014 - 04:39 inglês
Poesia/Arquivo de textos Como alcançar o inalcançável 0 1.414 07/11/2014 - 04:39 inglês
Poesia/Arquivo de textos (Poesia coletiva, resultado do primeiro Sarau, produzida através de palavras que cada assistido falou) 0 1.472 06/27/2014 - 19:06 inglês
Poesia/Paixão Casados em cópula 1 1.655 06/19/2014 - 00:12 Português
Poesia/Desilusão Pássaro Errante 1 1.224 06/16/2014 - 03:15 Português
Poesia/Fantasia Sonhei, tão somente sonhei 1 1.058 06/14/2014 - 19:28 Português
Poesia/Paixão Com a força dos temporais 1 1.178 06/12/2014 - 04:55 Português
Poesia/Amor Fragmento da poesia “Nós” 0 1.043 06/11/2014 - 06:21 Português