(Poesia coletiva, resultado do primeiro Sarau, produzida através de palavras que cada assistido falou)

“Casa de Repouso – Pousada da Maturidade – Jardim Pauliceia”
(Poesia coletiva, resultado do primeiro Sarau, produzida através de palavras que cada assistido falou)
Projeto “Ondulações” – ANLPPB

As coisas simples da vida são as mais preciosas e nos propiciam mais prazer

Entra em cena Jacira trazendo consigo o amor
Maria Helena cita “Bezerra de Menezes”
Para Cosme aquele é um momento de paixão
Angelina nos lembra bem: Oremos a  Jesus, nosso Deus
Vanda sauda a Dalva, Wagner e a mim.
E Jorge quer enviar um sedex
Com o que?
Diz Sebastião: para falar que bonito o que estamos fazendo
E Osvaldo acrescenta isto é grandeza de alma.
Ana sentanda quietinha se lembra da vida,
Vida com esperança fala Helena
E Rosa ainda completa: esperança de uma paixão vivida.
Mas com prazer e alegria - diz Clotilde
Reafirma Alaide tenho sim muita esperança.
E Wagner canta a beleza e encanta com seu carisma..
Dalva conta histórias sem trabalho, só memória.
Brinca feliz com os personagens
E nos faz rir e recordar.

Todos formamos as ondulações que formam o mar, que dessenbocará no oceano onde muitos outros mares virão com suas ondulações a nos encontrar. Nossa gratidão e carinho a Cida, funcionários, assistidos e visitantes desta Instituição que abriram suas portas para que que nossa poesia entrasse e florescesse. Ao Deus Trino de amor e bondade pedimos que seja sempre conosco para que possamos honrar a receptividade e dizer que ao sair sempre vamos saltitantes, com corações transbordantes, saudosos e ansiosos pelo próximo Sarau.

Aline Romariz - Presidente
Dalva Saudo Arte Naif - poeta, artista plástica, escritora e contadora de histórias
Rosana Marinho - poeta, escritora e atriz
Wagner Félix - poeta, escritor e músico
Teresa Azevedo - poeta, escritora e coordenadora do Projeto

Submited by

Friday, June 27, 2014 - 18:06
No votes yet

teresaazevedo

teresaazevedo's picture
Offline
Title: Membro
Last seen: 1 year 25 weeks ago
Joined: 09/16/2010
Posts:
Points: 608

Add comment

Login to post comments

other contents of teresaazevedo

Topic Title Replies Views Last Postsort icon Language
Poesia/Sadness Simples assim 0 801 05/25/2018 - 19:42 Portuguese
Poesia/Passion Dono dos meus caprichos 0 567 05/25/2018 - 19:15 Portuguese
Poesia/Passion Dono dos meus caprichos 0 676 05/25/2018 - 19:15 Portuguese
Poesia/General O êxtase do poeta é a poesia 0 815 11/06/2015 - 10:34 Portuguese
Poesia/General Poeta é gente diferente 0 1.002 11/06/2015 - 10:32 Portuguese
Poesia/General Nós eremitas 0 779 11/06/2015 - 10:31 Portuguese
Poesia/General Ser coletivo 0 965 11/05/2015 - 17:08 Portuguese
Poesia/General Transcendemos corpos e emoções 0 1.422 11/05/2015 - 17:06 Portuguese
Poesia/Meditation Ondulações 0 885 11/05/2015 - 17:04 Portuguese
Videos/Poetry Projeto Ondulações 2014 0 3.886 11/05/2015 - 07:02 Portuguese
Poesia/Sadness Batem as asas do adeus 1 1.554 07/29/2014 - 00:08 Portuguese
Poesia/Poetrix Crescer sim, beber não! 1 1.110 07/25/2014 - 23:30 Portuguese
Poesia/General Miscelânea poética 1 1.551 07/17/2014 - 22:58 Portuguese
Poesia/Aldravias Aldravia 1 0 1.721 07/17/2014 - 15:36 English
Poesia/General Tarde, mormaço 1 1.183 07/13/2014 - 22:57 Portuguese
Poesia/General Descortine-os 0 1.089 07/12/2014 - 17:42 Portuguese
Poesia/General Intocável 0 834 07/12/2014 - 17:01 Portuguese
Poesia/Text Files Como alcançar o inalcançável 0 1.447 07/11/2014 - 03:39 English
Poesia/Text Files Como alcançar o inalcançável 0 1.287 07/11/2014 - 03:39 English
Poesia/Text Files (Poesia coletiva, resultado do primeiro Sarau, produzida através de palavras que cada assistido falou) 0 1.292 06/27/2014 - 18:06 English
Poesia/Passion Casados em cópula 1 1.484 06/18/2014 - 23:12 Portuguese
Poesia/Disillusion Pássaro Errante 1 1.128 06/16/2014 - 02:15 Portuguese
Poesia/Fantasy Sonhei, tão somente sonhei 1 956 06/14/2014 - 18:28 Portuguese
Poesia/Passion Com a força dos temporais 1 1.074 06/12/2014 - 03:55 Portuguese
Poesia/Love Fragmento da poesia “Nós” 0 907 06/11/2014 - 05:21 Portuguese