CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

TENHO TU …

Cada ciência tem a sua pseudociência… a razão o ser.

A psicologia tem a parapsicologia… o possível impossíveis.

A astronomia tem astrologia… o destino o ir.

O dia tem a noite… as horas o acontecer.

A poesia tem o sol e a lua,
os poetas a loucura… as musas a tinta.

A realidade tem o sonho… os amantes prazer.

A Terra tem o mar e o vento,
a primavera as flores… as árvores o fruto.

O céu tem o azul e as estrelas… o ar os pássaros.

O tempo tem a eternidade,
o beijo a imortalidade… a verdade mentira.

A saudade tem o fado,
os olhos as lágrimas… a morte o adeus.

O pensamento tem o infinito… a perfeição o desenho.

O fogo tem a água… o erro o arrependimento.

A chuva tem o chão,
o desejo o pecado… o deserto a sede.

O rio tem as margens e as pontes… a fonte a foz.

A coragem tem a força… o grito a liberdade.

O corpo tem a alma… o amor a paixão.

A idade tem o saber e a vida,
a voz as palavras… a mão o gesto.

O silêncio tem a paz… as pedras o pó.

O sofrer tem a aprendizagem… a canção a música.

A desculpa tem o perdão… o ciúme a solidão.

E eu tenho tu...
.
.
.
.

Submited by

sexta-feira, setembro 28, 2012 - 22:20

Poesia :

Your rating: None (9 votes)

Henrique

imagem de Henrique
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 5 anos 6 semanas
Membro desde: 03/07/2008
Conteúdos:
Pontos: 34817

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Henrique

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Videos/Outros Já viram o Pedro abrunhosa sem óculos? Pois ora aqui o têm. 1 36.998 06/11/2019 - 09:39 Português
Poesia/Tristeza TEUS OLHOS SÃO NADA 1 1.616 03/06/2018 - 21:51 Português
Poesia/Pensamentos ONDE O INFINITO SEJA O PRINCÍPIO 4 2.221 02/28/2018 - 17:42 Português
Poesia/Pensamentos APALPOS INTERMITENTES 0 2.143 02/10/2015 - 22:50 Português
Poesia/Aforismo AQUILO QUE O JUÍZO É 0 1.990 02/03/2015 - 20:08 Português
Poesia/Pensamentos ISENTO DE AMAR 0 4.009 02/02/2015 - 21:08 Português
Poesia/Amor LUME MAIS DO QUE ACESO 0 2.687 02/01/2015 - 22:51 Português
Poesia/Pensamentos PELO TEMPO 0 1.687 01/31/2015 - 21:34 Português
Poesia/Pensamentos DA POESIA 0 5.424 01/30/2015 - 23:06 Português
Poesia/Pensamentos DO AMOR 0 1.830 01/30/2015 - 21:48 Português
Poesia/Pensamentos DO SENTIMENTO 0 2.262 01/29/2015 - 22:55 Português
Poesia/Pensamentos DO PENSAMENTO 0 2.365 01/29/2015 - 19:53 Português
Poesia/Pensamentos DO SONHO 0 1.633 01/29/2015 - 01:04 Português
Poesia/Pensamentos DO SILÊNCIO 0 2.831 01/29/2015 - 00:36 Português
Poesia/Pensamentos DA CALMA 0 2.176 01/28/2015 - 21:27 Português
Poesia/Pensamentos REPASTO DE ESQUECIMENTO 0 1.872 01/27/2015 - 22:48 Português
Poesia/Pensamentos MORRER QUE POR DENTRO DA PELE VIVE 0 1.751 01/27/2015 - 16:59 Português
Poesia/Aforismo NENHUMA MULTIDÃO O SERÁ 0 1.754 01/26/2015 - 20:44 Português
Poesia/Pensamentos SILENCIOSA SOMBRA DE SOLIDÃO 0 2.920 01/25/2015 - 22:36 Português
Poesia/Pensamentos MIGALHAS DE SAUDADE 0 1.560 01/22/2015 - 22:32 Português
Poesia/Pensamentos ONDE O AMOR SEMEIA E COLHE A SOLIDÃO 0 1.465 01/21/2015 - 18:00 Português
Poesia/Pensamentos PALAVRAS À LUPA 0 2.389 01/20/2015 - 19:38 Português
Poesia/Pensamentos MADRESSILVA 0 1.426 01/19/2015 - 21:07 Português
Poesia/Pensamentos NA SOLIDÃO 0 1.754 01/17/2015 - 23:32 Português
Poesia/Pensamentos LÁPIS DE SER 0 1.663 01/16/2015 - 20:47 Português