CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Versos Eternos

Ouças os versos que te dou
fi-los, pois, sinto o coração contente
enquanto, teu amor for meu somente
farei poemas com alegria, paz, amor, vou...

E, hei de fazê-los vida afora,
versos de fantasia, utopia e amor,
possas lembrar o passado, nosso ardor
neste tempo célere que começa agora

Estes versos plenos de ternura
são versos teus, mas que são meus também
sozinha, hás de escutá-los, lê-los, sem ninguém
que possa perturbar nossa ventura

Ah, quando o tempo clarear nossos cabelos
irás um dia, quem sabe, acender a chama
e sorvê-los, revivê-los,
nas lembranças que a vida não apaga

E, ao lê-los com saudade, em tua dor,
hás de rever, a cada vez,
chorando o nosso amor,
e hás de recordar sofrendo quem os fez

E, nesse instante, se eu já tiver partido
e se você desejar ler outros poemas,
procures ocultas mensagens ao lado das marcas,
da cruz do meu tortuoso caminho

Quando lá novamente fores,
poderás então colher do chão todas as flores
que brotarem no jardim do silêncio de meu corpo
pois, são versos de amor que não morrem, viverei em meu verso...

AjAraújo, o poeta humanista, poema escrito em outubro de 1979.

Submited by

segunda-feira, março 8, 2010 - 18:38

Poesia :

No votes yet

AjAraujo

imagem de AjAraujo
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 2 anos 14 semanas
Membro desde: 10/29/2009
Conteúdos:
Pontos: 15584

Comentários

imagem de nunomarques

Re: Versos Eternos

Quando o amor morrer, ficará sempre a poesia e os versos que dele nasceram, para o eternizar.

Gostei muito de ler

Abraço
Nuno

imagem de Henrique

Re: Versos Eternos

E, hei de fazê-los vida afora,
versos de fantasia, utopia e amor,
possas lembrar o passado, nosso ardor
neste tempo célere que começa agora...

Eternizas o namoro de forma espectacular!!!

Jamais será esquecido!!!

:-)

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of AjAraujo

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Poetrix Poemas - de "Magma" (Guimarães Rosa) 2 18.931 06/11/2019 - 11:48 Português
Videos/Música Ave Maria - Schubert (Andre Rieu & Mirusia Louwerse) 1 25.240 06/11/2019 - 11:02 inglês
Poesia/Fantasia Cabelos de fogo 0 2.109 04/28/2018 - 21:38 Português
Poesia/Dedicado A criança dentro de ti 0 1.363 04/28/2018 - 21:20 Português
Poesia/Pensamentos O porto espiritual 0 1.367 04/28/2018 - 21:00 Português
Poesia/Dedicado Ano Novo (Ferreira Gullar) 1 1.243 02/20/2018 - 19:17 Português
Prosas/Drama Os ninguéns (Eduardo Galeano) 0 1.488 12/31/2017 - 19:09 Português
Poesia/Dedicado Passagem de ano (Carlos Drummond de Andrade) 0 1.836 12/31/2017 - 18:59 Português
Prosas/Contos Um conto de dor e neve (AjAraujo) 0 2.542 12/20/2016 - 11:42 Português
Prosas/Contos Conto de Natal (Rubem Braga) 0 1.888 12/20/2016 - 11:28 Português
Prosas/Contos A mensagem na garrafa - conto de Natal (AjAraujo) 0 3.335 12/04/2016 - 13:46 Português
Poesia/Intervenção Educar não é... castigar (AjAraujo) 0 1.253 07/08/2016 - 00:54 Português
Poesia/Intervenção Dois Anjos (Gabriela Mistral) 0 2.985 08/04/2015 - 23:50 Português
Poesia/Dedicado Fonte (Gabriela Mistral) 0 2.071 08/04/2015 - 22:58 Português
Poesia/Meditação O Hino Cotidiano (Gabriela Mistral) 0 2.017 08/04/2015 - 22:52 Português
Poesia/Pensamentos As portas não são obstáculos, mas diferentes passagens (Içami Tiba) 0 2.484 08/02/2015 - 23:48 Português
Poesia/Dedicado Pétalas sobre o ataúde - a história de Pâmela (microconto) 0 3.429 03/30/2015 - 11:56 Português
Poesia/Dedicado Ode para a rendição de uma infância perdida 0 1.962 03/30/2015 - 11:45 Português
Poesia/Tristeza Entre luzes e penumbras 0 2.311 03/30/2015 - 11:39 Português
Poesia/Tristeza No desfiladeiro 1 3.435 07/26/2014 - 00:09 Português
Poesia/Intervenção Sinais da história 0 2.013 07/17/2014 - 00:54 Português
Poesia/Fantasia E você ainda acha pouco? 0 3.059 07/17/2014 - 00:51 Português
Poesia/Aforismo Descanso eterno 2 3.664 07/03/2014 - 22:28 Português
Poesia/Intervenção Paisagem (Charles Baudelaire) 0 2.654 07/03/2014 - 03:16 Português
Poesia/Meditação Elevação (Charles Baudelaire) 0 2.922 07/03/2014 - 03:05 Português