CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

A VIDA E O NADA

Fim de tarde e o dia chora
Chuva mansa sem barulho
O meu país nesse embrulho
E o meu tempo indo embora
Sem ganhar eu uso a hora
Trabalhando no meu ócio
E o lucro desse negócio
Dou ao tempo de penhora

Nesse momento pesado
Quando eu encontro o nada
Parece a vida parada
E o tempo estar parado
Mas não vejo tudo errado
Pois há sempre uma saída
Quando a gente vive a vida
Com quem se ama ao nosso lado.

Sérgio da Silva Teixeira
Bagé/RS/Brasil.

Submited by

terça-feira, janeiro 22, 2019 - 07:20

Poesia :

No votes yet

Sérgio Teixeira

imagem de Sérgio Teixeira
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 10 horas 32 minutos
Membro desde: 01/24/2011
Conteúdos:
Pontos: 375

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Sérgio Teixeira

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Geral INÚTIL SABER (DÉCIMAS) 0 56 01/22/2020 - 21:41 Português
Fotos/Pessoais LIVRO RECENTE 0 25 01/05/2020 - 13:06 Português
Fotos/Pessoais LIVRO RECENTE 0 25 01/05/2020 - 12:59 Português
Poesia/Geral AGONIA DO ANO 0 60 12/29/2019 - 23:45 Português
Poesia/Geral DEVANEIO 2 418 12/22/2019 - 11:08 Português
Poesia/Geral ADEUS À PRIMAVERA 0 227 12/22/2019 - 10:36 Português
Poesia/Geral O IDÓLATRA 0 91 11/10/2019 - 16:29 Português
Poesia/Geral RIMAS COM SINAIS 0 183 10/16/2019 - 00:35 Português
Poesia/Soneto SONETO DO SER INVISÍVEL 2 332 10/02/2019 - 22:54 Português
Poesia/Geral SUPERSTIÇÃO (SEXTA-FEIRA TREZE) 1 313 09/13/2019 - 16:22 Português
Poesia/Geral SENTIMENTOS E CORES 1 355 08/19/2019 - 12:00 Português
Poesia/Geral MEU TEMPO, MEU REINO 2 332 08/18/2019 - 18:38 Português
Poesia/Geral SOLSTÍCIO DE INVERNO 2 495 06/23/2019 - 11:42 Português
Poesia/Geral CANTO, SILÊNCIO E LIBERDADE 3 533 06/03/2019 - 11:39 Português
Poesia/Soneto SONETO AO EXPEDICIONÁRIO "SEU ZÉCA" 0 373 05/05/2019 - 13:35 Português
Poesia/Geral OS SONS DO TEMPO 0 352 04/27/2019 - 15:12 Português
Poesia/Tristeza AS FLORES FIÉIS 0 327 04/12/2019 - 18:07 Português
Poesia/Geral A ILUSÃO DE SER POETA 2 438 04/04/2019 - 18:50 Português
Poesia/Geral MUITO ALÉM DO MÊS DE ABRIL 0 348 04/01/2019 - 23:10 Português
Poesia/Geral QUANDO O SILÊNCIO AUMENTA 0 278 03/27/2019 - 11:11 Português
Poesia/Geral O DIABO INOCENTE 2 556 03/12/2019 - 15:11 Português
Poesia/Tristeza SOFRIMENTO 2 533 02/15/2019 - 16:53 Português
Poesia/Geral REFAZENDO O MUNDO 2 2.150 01/26/2019 - 17:13 Português
Poesia/Geral A VIDA E O NADA 0 465 01/22/2019 - 07:20 Português
Poesia/Geral O NOVO NÚMERO 2 397 01/01/2019 - 12:43 Português