CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Vou me entregar

Vou me entregar

O vírus do amor quer entrar em meus poros
e invadir com uma nova paixão.

Os hormônios da essência da loucura boa
e filtrada em meu ser carne e emoção.

Está de novo correndo em minhas veias e
estufando-as do gosto inebriante e excitante
do prazer de amar.

Alucinando-me e meu rosto vibrante e saltitante
do meu ser misturando-se no ar.

Respiro o amor enlouqueço na dor gostosa
prazerosa de viver o sonho e não só sonhar.

Vou me entregar, vou amar amar e amar.

O NOVO POETA. (W.Marques).

O NOVO POETA. (W.Marques).

Submited by

sábado, agosto 15, 2009 - 17:13

Poesia :

No votes yet

onovopoeta

imagem de onovopoeta
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 1 ano 50 semanas
Membro desde: 04/19/2009
Conteúdos:
Pontos: 1469

Comentários

imagem de Hisalena

Re: Vou me entregar

A descoberta ou a redescoberta do amor é sempre uma coisa emocionante...uma luta entre os prós e os contras, um pesar de quês e porquês...mas no fianl a solução é sempre a mesma: abrir os braços e cair nesse amor em queda livre...o resto? O resto quando for hora se enfrenta, viva o momento e seja feliz!

imagem de Danielagomes

Re: Vou me entregar

Ficou muito lindo,
O amor foi muito bem retratado nesse
poema de entrega.Belos versos,parabéns!
Bjo :-)

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of onovopoeta

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Geral Picareta 1 805 04/21/2009 - 01:29 Português
Poesia/Meditação Sempre preso 2 717 04/21/2009 - 10:43 Português
Poesia/Meditação Tem que ser assim 1 1.087 04/23/2009 - 00:31 Português
Poesia/Meditação Bem dito seja 1 1.347 04/23/2009 - 02:58 Português
Poesia/Intervenção Mão em comunhão com meus neurônios imbecís 2 496 05/01/2009 - 13:10 Português
Poesia/Meditação Pobre pato 1 882 05/01/2009 - 23:23 Português
Poesia/Geral A ave triste 2 522 05/09/2009 - 22:57 Português
Poesia/Meditação Só meio cheio 3 646 05/10/2009 - 11:07 Português
Poesia/Amor Trocamos nossas vestes carnais 2 1.181 05/13/2009 - 10:37 Português
Poesia/Meditação Velha negra e transparente 2 1.889 05/13/2009 - 10:45 Português
Poesia/Amor O jogo da Maria 4 463 05/15/2009 - 23:28 Português
Poesia/Fantasia O louco poeta. (dia de visita). 4 693 05/19/2009 - 14:45 Português
Poesia/Meditação Viagem astral 2 699 05/20/2009 - 01:38 Português
Poesia/Amor A espera do acaso 1 909 05/21/2009 - 23:14 Português
Poesia/Meditação Ser poeta 2 835 05/22/2009 - 10:04 Português
Poesia/Meditação Sou eu e o computador 2 642 05/25/2009 - 18:02 Português
Poesia/Meditação Jogo da insensatez 0 1.509 05/28/2009 - 19:13 Português
Poesia/Meditação Será pura imaginação? 1 933 06/01/2009 - 13:48 Português
Poesia/Meditação Me espalhafatei 2 881 06/03/2009 - 23:00 Português
Poesia/Fantasia Gotas de horrores 3 841 06/10/2009 - 14:56 Português
Poesia/Amor Enxugando-me em êxtase 1 868 06/10/2009 - 19:42 Português
Poesia/Meditação Onde habita a paz aqui na terra? 4 622 06/14/2009 - 18:43 Português
Poesia/Meditação Poeta rebelde 3 1.146 06/17/2009 - 05:32 Português
Poesia/Meditação Eu era 1 2.606 06/21/2009 - 06:06 Português
Poesia/Comédia Vadia 2 643 06/24/2009 - 20:49 Português