CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Voz antiga e eterna

Nos confins da terra vasta e serena, 
As lembranças dos homens seguem misteriosas e simplórias. 
Nas cidades que dançam e nas que lamentam, 
Há murmúrios antigos, contos e histórias. 

Olhando com os olhos da antiguidade, 
O mundo é um espelho de ilusões e verdades. 
Reflete os desejos, os medos, os dias idos, 
E nos lembra das marcas de passos perdidos. 

No silêncio da noite, na calada do dia, 
Emerge a percepção, clara e fria. 
Existe uma voz, sussurrando na brisa, 
Que ninguém quer ouvir, mas insiste, precisa. 

Ela canta os segredos, as dores esquecidas, 
As promessas quebradas, as vidas partidas. 
Mas, também, entoa esperanças e sonhos, 
E nos envolve em seus laços tristonhos. 

Os viveiros dos homens, na dança do tempo, 
Guardam memórias, sentimentos e vento. 
Mas o eco dessa voz, tão antiga e pura, 
É o chamado da alma, a eterna aventura. 

 Poema: Odair José, Poeta Cacerense

www.odairpoetacacerense.blogspot.com

Submited by

segunda-feira, agosto 21, 2023 - 18:58

Poesia :

No votes yet

Odairjsilva

imagem de Odairjsilva
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 1 dia 1 hora
Membro desde: 04/07/2009
Conteúdos:
Pontos: 15650

Comentários

imagem de Odairjsilva

Visitem os

imagem de Odairjsilva

Visitem os

imagem de Odairjsilva

Visitem os

imagem de Odairjsilva

Visitem os

imagem de Odairjsilva

Visitem os

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Odairjsilva

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Amor Nunca tenho as palavras certas 6 195 05/28/2024 - 13:40 Português
Poesia/Desilusão Vejo que está feliz 6 140 05/27/2024 - 20:43 Português
Poesia/Pensamentos Porcos no poder 6 329 05/25/2024 - 13:45 Português
Poesia/Pensamentos Circo de horrores 6 407 05/24/2024 - 12:09 Português
Poesia/Pensamentos Trombetas que ecoam no vazio 6 354 05/23/2024 - 20:47 Português
Poesia/Pensamentos Isso é totalmente estupidez 6 219 05/23/2024 - 01:31 Português
Poesia/Pensamentos Soltos pelas ruas 6 387 05/21/2024 - 21:04 Português
Poesia/Pensamentos Espero a ressurreição nos campos humanos 6 319 05/20/2024 - 23:11 Português
Poesia/Pensamentos O vazio é o parasita 6 407 05/19/2024 - 14:19 Português
Poesia/Pensamentos A voz que ninguém quer ouvir 6 481 05/18/2024 - 23:41 Português
Poesia/Desilusão Tão triste e vazio 6 392 05/14/2024 - 12:16 Português
Poesia/Amor Sob o luar 6 227 05/12/2024 - 14:19 Português
Poesia/Pensamentos Um abismo chama outro 6 1.097 05/11/2024 - 13:22 Português
Poesia/Tristeza A dor de quem perde o que mais ama 6 697 05/09/2024 - 20:39 Português
Poesia/Meditação Almas quietas 6 507 05/08/2024 - 11:42 Português
Poesia/Desilusão No silêncio da noite 6 379 05/07/2024 - 20:36 Português
Poesia/Dedicado No coração do Pantanal 6 295 05/06/2024 - 23:01 Português
Poesia/Desilusão O horizonte faz lembrar 6 810 05/04/2024 - 14:29 Português
Poesia/Meditação Medeia 6 525 05/03/2024 - 20:12 Português
Poesia/Amor Quem dera eu tivesse o poder 6 524 05/02/2024 - 12:06 Português
Poesia/Pensamentos O último suspiro 6 1.055 05/01/2024 - 14:29 Português
Poesia/Amor A inquietude do amor 6 508 04/30/2024 - 11:54 Português
Poesia/Meditação Meu lado sombrio 6 481 04/29/2024 - 20:30 Português
Poesia/Alegria A vida que se abre 6 566 04/28/2024 - 14:11 Português
Poesia/Pensamentos Condicionacérebros 6 728 04/27/2024 - 14:06 Português