CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

La muralla, de Nicolas Guillén (Ana Belén y Victor Manuel)

Cantando para el pueblo en 1980 frente a la UNEAC, unión de escritores y artistas de cuba, fundada por Nicolás Guillén. Video obtenido en elastrolabio (youtube)

La Muralla

Nicolas Guillen, poeta cubano.

Para hacer esta muralla,
tráiganme todas las manos:
Los negros, su manos negras,
los blancos, sus blancas manos.
Ay,
una muralla que vaya
desde la playa hasta el monte,
desde el monte hasta la playa, bien,
allá sobre el horizonte.

—¡Tun, tun!
—¿Quién es?
—Una rosa y un clavel...
—¡Abre la muralla!
—¡Tun, tun!
—¿Quién es?
—El sable del coronel...
—¡Cierra la muralla!
—¡Tun, tun!
—¿Quién es?
—La paloma y el laurel...
—¡Abre la muralla!
—¡Tun, tun!
—¿Quién es?
—El alacrán y el ciempiés...
—¡Cierra la muralla!

Al corazón del amigo,
abre la muralla;
al veneno y al puñal,
cierra la muralla;
al mirto y la yerbabuena,
abre la muralla;
al diente de la serpiente,
cierra la muralla;
al ruiseñor en la flor,
abre la muralla...

Alcemos una muralla
juntando todas las manos;
los negros, sus manos negras,
los blancos, sus blancas manos.
Una muralla que vaya
desde la playa hasta el monte,
desde el monte hasta la playa, bien,
allá sobre el horizonte...
 

Nicolas Guillén

Submited by

quinta-feira, julho 28, 2011 - 22:31

Videos :

No votes yet

AjAraujo

imagem de AjAraujo
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 42 semanas 6 dias
Membro desde: 10/29/2009
Conteúdos:
Pontos: 15585

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of AjAraujo

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Fantasia Cabelos de fogo 0 404 04/28/2018 - 20:38 Português
Poesia/Dedicado A criança dentro de ti 0 366 04/28/2018 - 20:20 Português
Poesia/Pensamentos O porto espiritual 0 379 04/28/2018 - 20:00 Português
Poesia/Dedicado Ano Novo (Ferreira Gullar) 1 516 02/20/2018 - 18:17 Português
Prosas/Drama Os ninguéns (Eduardo Galeano) 0 493 12/31/2017 - 18:09 Português
Poesia/Dedicado Passagem de ano (Carlos Drummond de Andrade) 0 459 12/31/2017 - 17:59 Português
Prosas/Contos Um conto de dor e neve (AjAraujo) 0 1.476 12/20/2016 - 10:42 Português
Prosas/Contos Conto de Natal (Rubem Braga) 0 868 12/20/2016 - 10:28 Português
Prosas/Contos A mensagem na garrafa - conto de Natal (AjAraujo) 0 1.993 12/04/2016 - 12:46 Português
Poesia/Intervenção Educar não é... castigar (AjAraujo) 0 668 07/07/2016 - 23:54 Português
Poesia/Intervenção Dois Anjos (Gabriela Mistral) 0 2.036 08/04/2015 - 22:50 Português
Poesia/Dedicado Fonte (Gabriela Mistral) 0 1.107 08/04/2015 - 21:58 Português
Poesia/Meditação O Hino Cotidiano (Gabriela Mistral) 0 1.223 08/04/2015 - 21:52 Português
Poesia/Pensamentos As portas não são obstáculos, mas diferentes passagens (Içami Tiba) 0 1.230 08/02/2015 - 22:48 Português
Poesia/Dedicado Pétalas sobre o ataúde - a história de Pâmela (microconto) 0 1.906 03/30/2015 - 10:56 Português
Poesia/Dedicado Ode para a rendição de uma infância perdida 0 1.215 03/30/2015 - 10:45 Português
Poesia/Tristeza Entre luzes e penumbras 0 1.467 03/30/2015 - 10:39 Português
Poesia/Tristeza No desfiladeiro 1 2.182 07/25/2014 - 23:09 Português
Poesia/Intervenção Sinais da história 0 1.347 07/16/2014 - 23:54 Português
Poesia/Fantasia E você ainda acha pouco? 0 2.140 07/16/2014 - 23:51 Português
Poesia/Aforismo Descanso eterno 2 2.715 07/03/2014 - 21:28 Português
Poesia/Intervenção Paisagem (Charles Baudelaire) 0 1.817 07/03/2014 - 02:16 Português
Poesia/Meditação Elevação (Charles Baudelaire) 0 1.857 07/03/2014 - 02:05 Português
Poesia/Intervenção A uma mendiga ruiva (Charles Baudelaire) 0 3.458 07/03/2014 - 01:55 Português
Poesia/Intervenção Coração avariado 1 1.407 06/25/2014 - 02:09 Português