CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Come to me ( Ruthie Henshall & Colm Wilkinson, from Les Miserables)

[Fantine is lying in a hospital bed, deliriously dreaming of her daughter Cosette.]

Fantine
Cosette, it's turned so cold
Cosette, it's past your bedtime
You've played the day away
And soon it will be night.
Come to me, Cosette, the light is fading
Don't you see the evening star appearing?
Come to me, and rest against my shoulder
How fast the minutes fly away and every minute colder.
Hurry near, another day is dying
Don't you hear, the winter wind is crying?
There's a darkness which comes without a warning
But I will sing you lullabies and wake you in the morning.

[Valjean enters.]

Valjean
Oh, Fantine, our time is running out
But Fantine, I swear this on my life

Fantine
Look, M'sieur, where all the children play

Valjean
Be at peace, be at peace evermore.

Fantine
My Cosette...

Valjean
Shall live in my protection

Fantine

Take her now

Valjean
Your child will want for nothing

Fantine
Good M'sieur, you come from God in Heaven.

Valjean
And none will ever harm Cosette
As long as I am living.

Fantine
Take my hand,
The night grows ever colder.

Valjean
Then I will keep you warm.

Fantine
Take my child, I give her to your keeping.

Valjean
Take shelter from the storm

Fantine
For God's sake, please stay till I am sleeping
And tell Cosette I love her
And I'll see her when I wake...

[She dies with a smile; Javert arrives.]

Submited by

terça-feira, janeiro 4, 2011 - 20:57

Videos :

No votes yet

AjAraujo

imagem de AjAraujo
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 1 ano 7 semanas
Membro desde: 10/29/2009
Conteúdos:
Pontos: 15584

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of AjAraujo

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Poetrix Poemas - de "Magma" (Guimarães Rosa) 2 17.206 06/11/2019 - 11:48 Português
Videos/Música Ave Maria - Schubert (Andre Rieu & Mirusia Louwerse) 1 23.683 06/11/2019 - 11:02 inglês
Poesia/Fantasia Cabelos de fogo 0 596 04/28/2018 - 21:38 Português
Poesia/Dedicado A criança dentro de ti 0 516 04/28/2018 - 21:20 Português
Poesia/Pensamentos O porto espiritual 0 534 04/28/2018 - 21:00 Português
Poesia/Dedicado Ano Novo (Ferreira Gullar) 1 675 02/20/2018 - 19:17 Português
Prosas/Drama Os ninguéns (Eduardo Galeano) 0 666 12/31/2017 - 19:09 Português
Poesia/Dedicado Passagem de ano (Carlos Drummond de Andrade) 0 657 12/31/2017 - 18:59 Português
Prosas/Contos Um conto de dor e neve (AjAraujo) 0 1.680 12/20/2016 - 11:42 Português
Prosas/Contos Conto de Natal (Rubem Braga) 0 1.044 12/20/2016 - 11:28 Português
Prosas/Contos A mensagem na garrafa - conto de Natal (AjAraujo) 0 2.101 12/04/2016 - 13:46 Português
Poesia/Intervenção Educar não é... castigar (AjAraujo) 0 780 07/08/2016 - 00:54 Português
Poesia/Intervenção Dois Anjos (Gabriela Mistral) 0 2.305 08/04/2015 - 23:50 Português
Poesia/Dedicado Fonte (Gabriela Mistral) 0 1.304 08/04/2015 - 22:58 Português
Poesia/Meditação O Hino Cotidiano (Gabriela Mistral) 0 1.373 08/04/2015 - 22:52 Português
Poesia/Pensamentos As portas não são obstáculos, mas diferentes passagens (Içami Tiba) 0 1.417 08/02/2015 - 23:48 Português
Poesia/Dedicado Pétalas sobre o ataúde - a história de Pâmela (microconto) 0 2.106 03/30/2015 - 11:56 Português
Poesia/Dedicado Ode para a rendição de uma infância perdida 0 1.362 03/30/2015 - 11:45 Português
Poesia/Tristeza Entre luzes e penumbras 0 1.682 03/30/2015 - 11:39 Português
Poesia/Tristeza No desfiladeiro 1 2.529 07/26/2014 - 00:09 Português
Poesia/Intervenção Sinais da história 0 1.484 07/17/2014 - 00:54 Português
Poesia/Fantasia E você ainda acha pouco? 0 2.280 07/17/2014 - 00:51 Português
Poesia/Aforismo Descanso eterno 2 2.899 07/03/2014 - 22:28 Português
Poesia/Intervenção Paisagem (Charles Baudelaire) 0 2.059 07/03/2014 - 03:16 Português
Poesia/Meditação Elevação (Charles Baudelaire) 0 2.005 07/03/2014 - 03:05 Português