Os Lusos Poetas

Fala-me Camões do salso argento;
e logo vejo e acrescento
uma nota de lamento.

Como se só lusa fosse a dor,
a lamúria, o clamor,
o espanto e o horror.

E Pessoa me fala
do tamanho da alma.
É uma lágrima que cala
no meio da noite calma.

Lusos poetas. Latinos poetas.
Cantam de onde vim.
Das almas que me antecederam
nas paixões em que arderam.

Lusos poetas
da lusa poesia:
saudade e maresia
na espera de cada Maria.

Homenagem pouca ao maior Poeta vivo de Portugal, Filipe Campos Melo.
 


Produção e divulgação de Vera L. M. Teragosa.

Submited by

Sunday, January 17, 2016 - 21:16

Poesia :

No votes yet

fabiovillela

fabiovillela's picture
Offline
Title: Moderador Poesia
Last seen: 3 years 34 weeks ago
Joined: 05/07/2009
Posts:
Points: 6158

Add comment

Login to post comments

other contents of fabiovillela

Topic Title Replies Views Last Postsort icon Language
Poesia/General Bruxas 2 1.390 07/14/2009 - 14:56 Portuguese
Poesia/General Por quem 1 1.368 07/12/2009 - 21:19 Portuguese
Poesia/Sadness Outono 2 1.027 07/09/2009 - 19:26 Portuguese
Poesia/Dedicated Isabel 1 2.013 07/08/2009 - 13:08 Portuguese
Poesia/Aphorism "Vivere Est" 2 1.114 07/07/2009 - 18:57 Portuguese
Poesia/General Foto 1 1.353 07/04/2009 - 22:41 Portuguese