INGÊNUO


 
O poeta em sua ingênua adolescência
o brilho e a beleza da estrela enaltece.
A estrela desconhece sua diva aparência
e ignora o urdidor que o seu brilho tece.

Com brilhos e luzes espalham os astros
caminhos e estradas pelo firmamento.
Estrelas cadentes deixam seus rastros
como rimas na fração de um momento.

Atônitos, ingênuos olhamos para o céu
procurando um verso para falar de amor;
mas, tudo é passageiro e se perde ao léu
e impera a saudade e permanece a dor.

J. Thamiel
Guarulhos, 13.03.18
18:07

Submited by

Martes, Marzo 13, 2018 - 21:08

Poesia :

Su voto: Nada (1 vote)

J. Thamiel

Imagen de J. Thamiel
Desconectado
Título: Membro
Last seen: Hace 30 semanas 5 días
Integró: 05/02/2016
Posts:
Points: 3642

Comentarios

Imagen de Joel

mas não consigo evitá-la É

mas não consigo evitá-la É verdade, a dor é tão importante quanto a paz da natureza e o que ela me traz

Imagen de Joel

mas não consigo evitá-la É

mas não consigo evitá-la É verdade, a dor é tão importante quanto a paz da natureza e o que ela me traz

Imagen de Joel

Creio no universo como um

Creio no universo como um homem vulgar,
Não tenho filosofia que me defina,
Nem lugar em que gostasse de falecer,
Não consinto a vida, assimilo-a como a morfina,

Imagen de Joel

tudo é passageiro excepto o

tudo é passageiro excepto o motorista e o cobrador

Imagen de Joel

permanece a dor.

permanece a dor.

Imagen de J. Thamiel

A dor é tão importante quanto

A dor é tão importante
quanto a saudade e os
caminhos que nos podem
mostrar o universo.

Add comment

Inicie sesión para enviar comentarios

other contents of J. Thamiel

Tema Título Respuestas Lecturas Último envíoordenar por icono Idioma
Poesia/Dedicada NÃO ESTOU SOZINHO 1 616 12/15/2022 - 10:30 Portuguese
Poesia/Soneto SONETO TRÊMULO 0 1.020 08/13/2022 - 20:47 Portuguese
Poesia/Meditación TRÊMULA 0 1.206 07/30/2022 - 12:59 Portuguese
Poesia/General NADA ESTÁ PERDIDO 0 1.143 07/21/2022 - 13:02 Portuguese
Poesia/Fantasía PARALELAMENTE OPOSTOS 1 1.738 07/14/2022 - 12:46 Portuguese
Poesia/Meditación VIDA VELA 0 1.675 12/10/2021 - 13:55 Portuguese
Poesia/Fantasía PARALELAMENTE OPOSTOS 2 1.209 11/16/2021 - 17:59 Portuguese
Poesia/Desilusión O POETA TRISTE 3 1.669 11/13/2021 - 11:51 Portuguese
Poesia/Intervención IMPASSIBILIDADE 1 1.619 11/13/2021 - 11:49 Portuguese
Poesia/Pensamientos A ESTRADA COMEÇA AQUI 2 1.515 09/20/2021 - 20:02 Portuguese
Poesia/General DELÍRIO DO ÍNDIO PYATÃ 3 1.530 06/28/2021 - 14:40 Portuguese
Poesia/General REFLEJO DE UNA GALINNA 0 2.158 05/05/2021 - 15:46 Portuguese
Poesia/General O POETA FERIDO 3 1.710 04/22/2021 - 19:43 Portuguese
Poesia/Desilusión AGORA É SAUDADE 0 1.827 04/21/2021 - 14:14 Portuguese
Poesia/Fantasía H A R M O N I A 4 1.452 04/07/2021 - 14:39 Portuguese
Poesia/General A CHUVA MOLHA AS ALMAS DISTRAÍDAS 0 1.631 04/03/2021 - 15:13 Portuguese
Poesia/General REFLEJO DE UNA GALLINA 0 3.430 03/11/2021 - 17:39 Español
Poesia/General R E F L E X Ã O DE U M A G A L I N H A 0 1.860 03/11/2021 - 16:38 Portuguese
Poesia/Desilusión D E S T I N O 0 1.648 03/10/2021 - 12:24 Portuguese
Poesia/Fantasía R E V E R Ê C I A 0 1.592 02/28/2021 - 18:01 Portuguese
Poesia/Amor PERDIDOS NO TEMPO 0 1.720 02/25/2021 - 21:55 Portuguese
Poesia/Poetrix GUARULHOS HOJE 0 2.611 02/23/2021 - 19:03 Portuguese
Poesia/Amor O MAIS BELO POEMA FEITO PARA VOCÊ 0 1.531 02/18/2021 - 19:19 Portuguese
Poesia/Amor TUA BELEZA 0 1.689 02/15/2021 - 12:49 Portuguese
Poesia/Amor O ETERNAMENTE 0 2.119 02/15/2021 - 11:39 Portuguese