CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Minha voz não vê …

(Minha voz não vê)

De significados nada sei,

A voz é a alma dos crentes
Com a qual se invadem os
Pulmões e outros hortos,
Assim como horizontes, lagos

Sem fundo, mares de sonhos
Pode-os haver na voz de quem
Se transponha da garganta
Ao coração e tantos pomares

Hortos assim, horizontes em fumo,
Sem fundo e só de ar raro
Feitos ou maremotos d’luas cheias,
A voz é isto e tudo o mais

Que eu aqui dispo do peito,
De significados pouco ou nada sei,
Deduzo o universo no que digo,
Ainda que finito o que penso,

A voz é a alma de quem sente,
Tudo dentro de mim nem gente é,
Apenas a sensação de sê-lo,
Por castigo idêntico ao da alma.

De significados nada sei,
Entre a onda e a cava há uma pausa
Depois do movimento,
A voz é outra coisa, no meio da alma,

Não vê, sente …

Jorge Santos (01/2018)
http://namastibetpoems.blogspot.com

Submited by

quinta-feira, fevereiro 8, 2018 - 09:27

Ministério da Poesia :

Your rating: None Average: 5 (1 vote)

Joel

imagem de Joel
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 1 semana 23 horas
Membro desde: 12/20/2009
Conteúdos:
Pontos: 40650

Comentários

imagem de Joel

.

.

imagem de Joel

Como vês à vezes nem tenho voz

Como vês à vezes nem tenho voz

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Joel

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Ministério da Poesia/Geral O Egeu e a Trácia… 10 207 03/20/2018 - 15:55 Português
Ministério da Poesia/Geral Longa é a noite em mim… 10 51 03/20/2018 - 15:55 Português
Ministério da Poesia/Geral Há pessoas de linho-branco… 10 61 03/20/2018 - 15:54 Português
Ministério da Poesia/Geral Embriaguem-se PORRA… 10 193 03/20/2018 - 15:53 Português
Ministério da Poesia/Geral Em tempos quis o mundo inteiro 10 213 03/20/2018 - 15:52 Português
Ministério da Poesia/Geral Tão íntimo como… 10 203 03/20/2018 - 15:50 Português
Ministério da Poesia/Geral Sou um homem mau. 12 177 03/20/2018 - 15:28 Português
Ministério da Poesia/Geral Meto os chinelos na beira da cama… 10 59 03/20/2018 - 12:43 Português
Ministério da Poesia/Geral No teu,meu povoado. 11 132 03/20/2018 - 12:38 Português
Ministério da Poesia/Geral Nada em mim mora… 10 147 03/20/2018 - 12:36 Português
Ministério da Poesia/Geral Louros de poeta… 10 90 03/20/2018 - 12:34 Português
Ministério da Poesia/Geral Que encanto é o teu. 10 108 03/20/2018 - 12:31 Português
Ministério da Poesia/Geral Pressa 10 249 03/20/2018 - 12:00 Português
Ministério da Poesia/Geral A minha validade 11 128 03/20/2018 - 11:57 Português
Ministério da Poesia/Geral Sou feliz porque não escrevo… 10 48 03/20/2018 - 11:54 Português
Ministério da Poesia/Geral É fácil apagar pegadas… 10 110 03/20/2018 - 11:48 Português
Ministério da Poesia/Geral Por me saber maior do que ele é… 10 102 03/20/2018 - 11:46 Português
Ministério da Poesia/Geral Gente em Technicolor… 10 51 03/20/2018 - 11:43 Português
Ministério da Poesia/Geral O anel dos Nibelungos 10 154 03/20/2018 - 11:41 Português
Ministério da Poesia/Geral Canto ao dia, pra que à noite não… 10 53 03/20/2018 - 11:39 Português
Ministério da Poesia/Geral Dorme em mim, parte de um país sem tecto… 10 377 03/20/2018 - 11:37 Português
Ministério da Poesia/Geral Hostil o tempo. 10 218 03/20/2018 - 11:35 Português
Ministério da Poesia/Geral …que fizer por cá… 10 187 03/20/2018 - 11:32 Português
Ministério da Poesia/Geral Canção Cansei 10 114 03/20/2018 - 11:30 Português
Ministério da Poesia/Geral Porque Poema és Tu 10 51 03/20/2018 - 11:28 Português