CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Teresa, mulher menina

Singela de pele marfim

Seus olhos um imenso jardim

Teresa, de seu nome e assim

Em seus caracóis alegria sem fim!

Podiam dizer-se coisas mais

De sua sensibilidade, que jamais,

Contraria a sua doçura com os animais

Felinos e, bem assim, outros mais…

Teresa que vivendo em flor

Contenta, apazigua e dá mais cor

Protege, encanta e inspira amor

Arco íris e sol em seu redor.

À sua volta ela semeia,

A alegria com que nos premeia!

Num gesto simples, por que se anseia,

Que do resto se permeia…

Sem egoísmo ou falsidade

Teresa, a que deixa saudade!

Que franca não tem maldade.

Que singela demonstra vontade.

Cuidando das suas flores,

Estimando os seus amores,

Intrépida e sem rancores,

Mulher de mil e uma cores!

Submited by

sexta-feira, outubro 19, 2012 - 15:54

Ministério da Poesia :

No votes yet

Elle Franco

imagem de Elle Franco
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 8 anos 43 semanas
Membro desde: 10/16/2012
Conteúdos:
Pontos: 58

Comentários

imagem de Nuno Lago

Teresa, mulher menina

Romântica e dedicada Elle!

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Elle Franco

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Dedicado Quarenta anos 1 652 10/23/2012 - 09:03 Português
Poesia/Pensamentos Desalma 0 722 10/22/2012 - 17:12 Português
Poesia/Dedicado Trinta anos 0 543 10/22/2012 - 16:51 Português
Ministério da Poesia/Geral Tempo 2 585 10/22/2012 - 16:41 Português
Ministério da Poesia/Dedicado Teresa, mulher menina 1 936 10/20/2012 - 15:43 Português
Fotos/Artes alcoutim 0 1.095 10/19/2012 - 16:14 Português
Prosas/Pensamentos Equals to... 0 1.824 10/19/2012 - 15:59 inglês
Prosas/Pensamentos O sentido das coisas 2 513 10/19/2012 - 15:43 Português
Poesia/Paixão Tempestade 4 617 10/19/2012 - 15:35 Português
Poesia/Dedicado Desatino consciente 0 604 10/19/2012 - 15:27 Português
Poesia/Dedicado Pedro 0 583 10/19/2012 - 15:21 Português
Poesia/Geral Timeless 0 847 10/19/2012 - 15:19 inglês