CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

É PRECISO PARAR PARA PENSAR

 

Saber ouvir, em silêncio, guardado e respeitoso, o que nos estão a dizer,
assimilando a «palavra», para, só depois, retorquirmos e darmos nosso testemunho,
acerca do que em silêncio escutamos, é uma verdade, que, a muito poucos, tem dizer.

Saber ouvir é uma virtude… e quanto mais despidos, da fragilidade humana, mais
coerentes nos tornamos, perante nós e os demais.

Todos precisamos da diferença, sabendo ser auto-críticos, no momento crucial, em
que, o pensamento, se formula… nunca idealistas.

Quem não souber ser flexível, fala com o coração na boca… cria estigmas!
e, agindo, por impulso compulsivo… perde toda a razão.

Se a «palavra», tem de ser pluralista, cabe pois ao Homem divulgá-la, sem ideias pré concebidas nem retórica, que a esmaguem, nos olhos assimétricos, das esquinas.

Por não nos escutarmos nem aos outros, é que a sociedade se tornou em algo pouco
mais que sintético, com jardins de cimento, ferindo nossos olhos, rasgados pelo corte
torpe, de nossa incongruência… na vã demanda, de nos bastarmos!

Parar para pensar… amar ao próximo como a nós mesmos, não nos retira a nossa
individualidade, nem nos fragiliza… antes nos aproxima, dessa mesma individualidade, que vai caracterizar o indivíduo, como ser uno… divisível… integrando um todo.

A única fé, plausível, de credibilidade, é a fé no Homem!

Tudo o mais é proveito próprio… misantropia entre quatro paredes, xenofobia e fundamentalismo exacerbado.

Portanto paremos para nos escutar e escutarmos o outro, sem ideias formuladas à
partida nem julgamentos precipitados… que deitem tudo a perder.

Vide, os rejeitados, pela, não já tão nova, Inquisição, de nossos tempos!

Jorge Humberto
13/05/08

Submited by

segunda-feira, janeiro 23, 2012 - 12:46

Poesia :

No votes yet

Jorge Humberto

imagem de Jorge Humberto
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 4 horas 5 minutos
Membro desde: 01/15/2012
Conteúdos:
Pontos: 1819

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Jorge Humberto

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Dedicado NÃO EXISTE AMOR A SÓS! (dedicado…) JORGE HUMBERTO 0 5 06/04/2020 - 21:56 Português
Poesia/Dedicado O Guardador De Sonhos (a Pessoa) por Jorge Humberto 0 142 05/05/2020 - 20:14 Português
Poesia/Intervenção O QUE SE SEGUE? 0 43 05/05/2020 - 17:48 Português
Poesia/Alegria ZÉZITO 0 43 05/05/2020 - 17:42 Português
Poesia/Meditação Recorro uma vez mais ao pensamento... 0 365 01/21/2020 - 19:33 Português
Poesia/Meditação QUER ISTO QUER AQUILO VERSOS DE JORGE HUMBERTO 0 155 01/19/2020 - 14:56 Português
Poesia/Pensamentos VERSOS PARA PENSAR 0 294 01/19/2020 - 12:28 Português
Poesia/Amor POEMA DE AMOR por JORGE HUMBERTO 0 208 01/18/2020 - 14:58 Português
Poesia/Alegria CHOVE ENQUANTO ESCREVO 0 224 01/16/2020 - 19:47 Português
Poesia/Soneto A NATUREZA EM FÚRIA 6 284 01/16/2020 - 12:37 Português
Poesia/Geral AH, UMA LÁGRIMA! 1 729 12/31/2018 - 01:01 Português
Poesia/Geral A minha presunção 0 531 09/01/2018 - 19:08 Português
Poesia/Amor SIMPLESMENTE TU 11 1.576 08/05/2015 - 01:33 Português
Poesia/Amor PARA TI NANCI LAURINO 2 1.221 04/26/2015 - 21:28 Português
Poesia/Tristeza PARA TI MEU QUERIDO PAULINHO! 1 981 04/26/2015 - 21:25 Português
Prosas/Pensamentos A CRIANÇA QUE HÁ EM NÓS 12 1.638 04/26/2015 - 20:50 Português
Poesia/Soneto FELIZ NATAL, MEU AMIGO, MEU IRMÃO! 1 1.025 06/19/2014 - 23:21 Português
Poesia/Geral FESTAS FELIZES, A TODOS OS AMIGOS DA WAF! 6 1.067 03/18/2014 - 15:15 Português
Poesia/Amor AMAR A QUEM UM SORRISO BASTASSE 6 1.359 12/04/2013 - 16:17 Português
Poesia/Soneto QUANDO DEIXEI A DROGA 4 1.235 12/04/2013 - 15:56 Português
Poesia/Aforismo Cada um, à sua maneira, escreve e é escritor. 0 1.506 07/27/2013 - 16:58 Português
Poesia/Soneto TUA LINDA MÃO 0 1.297 07/27/2013 - 16:54 Português
Poesia/Dedicado AMOR DE PAI! (No cumprir de seu 1º Aniversário, sem nós! 1 1.375 07/20/2013 - 19:20 Português
Poesia/Geral A CRIATURA 0 818 06/17/2013 - 13:20 Português
Poesia/Amor DOIRA O SOL E OS CORAÇÕES! 0 754 06/10/2013 - 15:02 Português