CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Caravelas

- Caravelas -

Marinheiros foram ao mar
encontraram abrigo
velas sopravam o ar
deixando um mundo para trás,
não voltaram jamais

A saudade foi a direção
um mistério se abriu
tesouros foram encontrados
muitos valores perdidos

O sol nascia atrás da montanha
as gaivotas acompanhavam as caravelas
enquanto as mulheres acendiam velas
para os seus maridos voltarem para elas

Uma espera sofrida
pior do que àquela
do dia da partida

Um sonho ruim
um pesadelo acordado
um futuro virando presente
fazendo nascer o passado

Marinheiros chegaram na ilha
caíram em armadilhas
por índios foram capturados
seus pés foram queimados
todos os corpos decaptados

Mulheres todos os dias acendiam velas
esperavam cartas, sofriam...
nada acontecia, ninguém chegara

Marinheiros já estavam em outro plano
seus espectros vagam sem os pés pelo vale da morte
um Capitão sem olhos, sem alma
conduz a caravela fantasma sem luz

Mulheres choram todos os dias
marinheiros viraram piratas
num mundo distante...

Agora adiante sobrarão as velas
derretidas pela fé delas
as preces sobem aos céus,
iluminando as caravelas!

Submited by

terça-feira, setembro 19, 2017 - 13:46

Poesia :

No votes yet

fabio ferreira do amaral

imagem de fabio ferreira do amaral
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 4 dias 11 horas
Membro desde: 05/07/2013
Conteúdos:
Pontos: 1958

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of fabio ferreira do amaral

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Amor Primavera 0 221 02/14/2024 - 20:57 Português
Poesia/Fantasia Avenidas 0 219 02/14/2024 - 20:41 Português
Poesia/Geral O velhinho 0 1.069 01/19/2022 - 13:52 Português
Poesia/Geral Verdades irreais 0 1.090 01/19/2022 - 13:35 Português
Poesia/Geral Clausura 0 670 12/29/2021 - 14:24 Português
Poesia/Desilusão Os erros 0 752 12/29/2021 - 14:08 Português
Poesia/Pensamentos Solidão 0 570 12/29/2021 - 13:53 Português
Poesia/Pensamentos Carminha 0 1.065 12/27/2021 - 14:33 Português
Poesia/Fantasia Mel 0 1.090 12/27/2021 - 14:10 Português
Poesia/Intervenção Impossível ? 0 916 12/27/2021 - 13:51 Português
Poesia/Pensamentos Zé-ninguém 0 816 09/16/2021 - 14:47 Português
Poesia/Pensamentos Tempo Fora 1 1.166 06/17/2021 - 16:45 Português
Poesia/Fantasia Os tomates 1 1.252 06/17/2021 - 16:45 Português
Poesia/Amor Minha Musa 1 1.248 06/17/2021 - 16:43 Português
Poesia/Pensamentos Vazio 0 5.274 06/17/2021 - 13:23 inglês
Poesia/Geral Debaixo do sol 0 952 05/21/2021 - 15:10 Português
Poesia/Geral O amor 0 851 05/21/2021 - 14:52 Português
Poesia/Geral Fotografias 0 1.134 05/21/2021 - 14:38 Português
Poesia/Meditação Voz longínqua 0 1.362 05/19/2021 - 14:53 Português
Poesia/Pensamentos O porteiro 0 1.119 05/19/2021 - 14:21 Português
Poesia/Pensamentos Sombras 0 1.010 12/29/2020 - 17:02 Português
Poesia/Pensamentos Gotas 0 905 12/29/2020 - 16:47 Português
Poesia/Pensamentos Rastros 0 952 12/29/2020 - 16:33 Português
Poesia/Pensamentos Serpentes 0 1.270 12/28/2020 - 16:13 Português
Poesia/Pensamentos O deus do verão 0 1.315 12/26/2020 - 16:45 Português