CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

PASSOS

Sigo os passos apressados
Que da ilusão, se alimentam
Que do seu andar despojados
Me seguem, perseguem, e sustentam

Passos incertos, inconstantes...
Que conduzem meu andar
Passos dúbios, vadios, errantes
Esta força, não consigo parar

Sigo em frente, em ziguezague
Em constante mutação
Por muito que os passos parem...
Não param o coração

Coração que com os passos
Que os passos que a vida dá!
Não resiste á tentação
Este pobre coração
De dar os passos…que dá.

Mário Margaride (GIL60)

Submited by

terça-feira, junho 5, 2012 - 17:42

Poesia :

Your rating: None (1 vote)

GIL60

imagem de GIL60
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 6 anos 33 semanas
Membro desde: 02/08/2012
Conteúdos:
Pontos: 712

Comentários

imagem de Henricabilio

passos & Passos

Muitos os passos que damos,
tantos que vai um conselho:
Por mais que forem os danos,
Passos, sempre sem Coelho.

(rss)

Saudações ao Mário!

Abilio

imagem de GIL60

Olá, amigo Abílio

Tens toda a razão meu amigo!
Obrigado, pelo comentário.

Abraço e bom S.João!!

imagem de Dany May

OLá Gil!

Dar passos atrás de quem se ama,
sem desistir e persistir até alcançar,
isto é amar de verdade!

Parabéns,é muito linda a sua poesia!

Abraços

imagem de GIL60

Olá, amiga Dany!

Obrigado, pelo simpático comentário.

Beijinhos

imagem de apsferreira

É muito bom, quando o

É muito bom, quando o coração
acompanha-nos nos passos da vida,
amigo poeta.
:-)

imagem de GIL60

Obrigado, amigo apsferreira

Assim é amigo poeta.

Abraço!

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of GIL60

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Intervenção NÃO VENHAM! 2 395 03/14/2018 - 18:23 Português
Poesia/Intervenção ENTROIKADOS 0 853 04/01/2013 - 16:40 Português
Poesia/Meditação NEM SEMPRE A FORÇA TEM FORÇA... 0 325 04/01/2013 - 16:37 Português
Poesia/Pensamentos INDIFERENÇA 0 523 02/19/2013 - 16:32 Português
Poesia/Meditação CAMINHOS 0 487 02/19/2013 - 16:30 Português
Poesia/Paixão NO SEIO DA NOITE 0 616 12/27/2012 - 17:36 Português
Poesia/Paixão QUANDO ME BEIJAS 0 686 12/09/2012 - 16:18 Português
Poesia/Geral LIVRO POR INVENTAR 2 558 12/09/2012 - 15:56 Português
Poesia/Intervenção ACORDEMOS O SILÊNCIO 2 443 12/05/2012 - 18:36 Português
Poesia/Geral NESTE SILÊNCIO QUASE BRANCO 2 444 11/21/2012 - 23:00 Português
Poesia/Tristeza TSUNAMI 2 586 11/16/2012 - 16:54 Português
Poesia/Tristeza INCOMPREENSÃO 0 551 11/16/2012 - 16:42 Português
Poesia/Meditação PASSAGEM 2 685 11/13/2012 - 16:29 Português
Poesia/Amor VOU FALAR-TE, AMOR... 1 555 07/19/2012 - 22:14 Português
Poesia/Amor SABES AMOR? 2 604 07/19/2012 - 17:01 Português
Poesia/Intervenção APENAS ATORDOADO 2 754 07/12/2012 - 16:18 Português
Poesia/Amor BOSQUE INEXPLORADO 4 543 07/12/2012 - 16:17 Português
Poesia/Amor NO RIO DOS TEUS LÁBIOS 6 439 07/05/2012 - 17:27 Português
Poesia/Amor AUSÊNCIA 4 815 07/05/2012 - 17:22 Português
Poesia/Amor CAMINHOS 2 624 06/30/2012 - 15:13 Português
Poesia/Geral SOU 2 836 06/25/2012 - 16:42 Português
Poesia/Geral JUNTO AO MAR 4 988 06/25/2012 - 16:40 Português
Poesia/Geral PASSOS 6 655 06/22/2012 - 16:19 Português
Poesia/Amor SILÊNCIOS 2 574 06/05/2012 - 17:31 Português
Poesia/Amor QUANDO TE ENCONTREI 8 919 05/31/2012 - 17:45 Português