MISTÉRIOS

O sonho é imutável,
A todo instante se agiganta
Para que em todos os momentos
Se possa sobreviver na Terra
Já que o destino é incógnito
E o tempo é efêmero.

Distâncias... Aonde se vai?
Lentamente a penumbra se faz
E a sombra caminha à revelia
Dos que buscam mitigar a sede
E saciar a fome de luz...
É doce, então, a vida
E acre um deserto sem estrelas.

Enquanto o dia se desfaz,
A noite é sutil aroma
E, mesmo que o fogo se apague,
Há o calor intrínseco das horas
Que cresce dentre o frio
Que faz borbulhar a sensibilidade
Que, agora, é plenamente incenso!

DE  Ivan de Oliveira Melo

Submited by

Monday, October 19, 2020 - 02:20

Poesia :

No votes yet

imelo

imelo's picture
Offline
Title: Membro
Last seen: 3 years 24 weeks ago
Joined: 09/09/2009
Posts:
Points: 1659

Add comment

Login to post comments

other contents of imelo

Topic Title Replies Views Last Postsort icon Language
Poesia/Love Amor Delinquente 2 1.547 09/16/2009 - 02:04 Portuguese
Poesia/Love Desejos os desejos 1 983 09/14/2009 - 19:43 Portuguese
Poesia/General Ansiedade 1 1.036 09/14/2009 - 19:28 Portuguese
Poesia/Love Pontos Estratégicos ( Alicerces do Amor ) 1 1.826 09/14/2009 - 19:19 Portuguese
Poesia/Aphorism Sentença Inevitável 1 1.135 09/12/2009 - 20:40 Portuguese
Poesia/General Alegorias Letais 1 1.264 09/09/2009 - 21:55 Portuguese