CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Ser Diferente - Agostinho da Silva - A minha reflexão - Júlia Barbosa

Ser Diferente

A única salvação do que é diferente é ser diferente até o fim, com todo o valor, todo o vigor e toda a rija impassibilidade; tomar as atitudes que ninguém toma e usar os meios de que ninguém usa; não ceder a pressões, nem aos afagos, nem às ternuras, nem aos rancores; ser ele; não quebrar as leis eternas, as não-escritas, ante a lei passageira ou os caprichos do momento; no fim de todas as batalhas — batalhas para os outros, não para ele, que as percebe — há-de provocar o respeito e dominar as lembranças; teve a coragem de ser cão entre as ovelhas; nunca baliu; e elas um dia hão-de reconhecer que foi ele o mais forte e as soube em qualquer tempo defender dos ataques dos lobos.

Agostinho da Silva, in 'Diário de Alcestes'
Tema(s): Diferença

Reflexões de Júlia Barbosa

Ser Diferente

 
 
Em tempos já fui diferente, muito diferente em relação aos outros… Sentia-o. Mas os outros  também me fizeram
senti-lo. Cheguei a um ponto que pensava que não pertencia a este mundo…e sentia-me frágil…e sem forças…
porque valorizava tudo aquilo que os outros desvalorizavam…porque não me interessavam as conversas vazias e ocas sobre a vida do próximo, sobre a miséria material ou espiritual do outro…aquelas tertúlias fúteis… Vivia no meu mundo  mas não era nem nunca fui  alheia ao sofrimento daqueles que nascem pobres, que são  diferentes  (quer ideologicamente, politicamente, sexualmente, racialmente, economicamente etc) e sem oportunidades…num mundo tão cruel e demasiadamente competitivo…  porque os que sofrem são muitos e eles existem……choram por amor, gemem  com  fome e vão perdendo a sua dignidade…por estes eu também choro e lamento porque pouco posso fazer …não sou uma celebridade…nem sou rica porque se o fosse sentia o dever moral de fazer algo.. Nunca me despertou interesse viver numa sociedade ávida por uma  riqueza exacerbada, por um status social,..viver com ostentação, com luxo para mostrar e exercer  poder  sobre os outros…Mas tudo isto se  para alguns parece ser uma  virtude, em demasia pode tornar-se num grande sofrimento…porque  esquecemo-nos de nós próprios… sentimos e vivemos demais os problemas dos outros… e a nossa vida, o nosso destino vai ficando por fazer…Então um dia acordei e resolvi que tinha  que começar a fazer algo e este algo começa por mim, na minha própria família, nos meus filhos, no meu companheiro, nos meus sobrinhos,nos meus irmãos, nos meus pais e  naqueles que escolhi para amigos…. E nunca pensei que ia encontrar neste pequeno  mundo,muitos  mundos, todos  diferentes e todos  iguais…e ás vezes a coragem desvanece-se.…   

Submited by

quarta-feira, maio 16, 2012 - 15:37

Críticas :

No votes yet

juliabarbosa

imagem de juliabarbosa
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 8 anos 11 semanas
Membro desde: 04/24/2012
Conteúdos:
Pontos: 74

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of juliabarbosa

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Meditação O Despertar 5 729 10/31/2012 - 22:30 Português
Ministério da Poesia/Meditação Lembras-te ? 2 780 10/30/2012 - 12:51 Português
Poesia/Meditação Monólogo - O fiel 2 766 10/29/2012 - 14:07 Português
Poesia/Amor Foi apenas um sonho 5 935 10/28/2012 - 17:39 Português
Ministério da Poesia/Meditação O fiel 0 1.267 10/28/2012 - 15:44 inglês
Ministério da Poesia/Meditação O fiel 0 1.410 10/28/2012 - 15:44 inglês
Poesia/Meditação Monólogo - O fiel 0 548 10/28/2012 - 15:33 Português
Poesia/Meditação Monólogo - O fiel 0 16 10/28/2012 - 15:33 Português
Ministério da Poesia/Dedicado A velhinha 0 1.162 10/03/2012 - 23:49 inglês
Críticas/Outros A menina que conhecia o mar 2 1.110 09/04/2012 - 14:35 Português
Poesia/Meditação A ultima viagem 4 806 06/05/2012 - 22:59 Português
Críticas/Outros Ser Diferente - Agostinho da Silva - A minha reflexão - Júlia Barbosa 0 1.727 05/16/2012 - 15:37 Português
Críticas/Outros Vinicius de Moraes - Reflexão - Júlia Barbosa 2 793 05/08/2012 - 00:33 Português
Críticas/Outros Vinicius de Moraes - Reflexão - Júlia Barbosa 0 674 05/04/2012 - 14:52 Português
Críticas/Outros Vinicius de Moraes - Reflexão - Júlia Barbosa 0 807 05/04/2012 - 14:51 Português