CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Eu sou tudo aquilo por onde me perco…

(Sou tudo aquilo por onde me perco)

Eu sou tudo aquilo por onde me perco,
Excepto aquele outro que não quero ser e sou,
Paisagens do que suponho eu ser real sonho
Ver na mente calcinada, imaginando d’screvo

Estações de carvão e lagos sem peixes dentro
Em vez de florestas de abetos verdes cinza,
Impérios do nada, paredes lisas e corredores
Para o vazio, assim sou eu e torno ao que sei ser

Defeito, eu e tudo aquilo por onde me perco.
Só há uma maneira de me separar do sonho,
É sonhar-me desperto, seja lá que isso for
Em vez de me inquietar com o que não desejo,

Uma flor, uma estrela, um fim do mundo
A cores, excepto aquele sonho curto em que sou
Outra pessoa, um ermo, uma brisa suave,
Uma outra passagem para o pensamento meu,

Fosse assim o céu, assim fosse eu
Afinal, pois se tudo por onde me perco
Sou, um olhar, o sonho de existir e a ilusão
Do que vejo sem haver,

Uma flor, uma estrela, um fim do mundo
A branco e preto, estações de carvão e lagos
Sem peixes por perto…

Jorge Santos(01/2018)
http://namastibetpoems.blogspot.com

Submited by

quinta-feira, fevereiro 8, 2018 - 09:24

Ministério da Poesia :

Your rating: None Average: 5 (1 vote)

Joel

imagem de Joel
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 3 dias 1 hora
Membro desde: 12/20/2009
Conteúdos:
Pontos: 11333

Comentários

imagem de Joel

.

.

imagem de Joel

.

.

imagem de Joel

.

.

imagem de Joel

.

.

imagem de Joel

.

.

imagem de Joel

.

.

imagem de Joel

.

.

imagem de Joel

.

.

imagem de Joel

.

.

imagem de Joel

.

.

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Joel

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Ministério da Poesia/Geral Gostaria de ter um Cadillac novo, 20 254 12/07/2018 - 17:04 Português
Poesia/Geral Sonho d'Midas ... 21 302 12/07/2018 - 17:03 Português
Ministério da Poesia/Geral Que será da nossa viúva sombra, 20 181 12/07/2018 - 17:01 Português
Ministério da Poesia/Geral Sem casas não haveriam ruas ... 17 226 12/03/2018 - 16:54 Português
Ministério da Poesia/Geral Temo as sombras e o burburinho … 21 233 12/03/2018 - 16:53 Português
Poesia/Geral Último Poema 21 1.190 12/03/2018 - 16:51 Português
Poesia/Geral (1820) 23 362 12/03/2018 - 16:50 Português
Ministério da Poesia/Geral Convenço, convencei, convençai… 21 261 12/03/2018 - 16:48 Português
Ministério da Poesia/Geral Cansei. 25 310 12/03/2018 - 16:47 Português
Ministério da Poesia/Geral Eu sou tudo aquilo por onde me perco… 29 179 12/03/2018 - 16:45 Português
Ministério da Poesia/Geral Colossal o Oceano, 15 212 12/03/2018 - 16:44 Português
Ministério da Poesia/Geral Minha alma é um lego 14 252 12/03/2018 - 16:44 Português
Ministério da Poesia/Geral V de Vitória - Revolução - 14 245 12/03/2018 - 16:43 Português
Ministério da Poesia/Geral O Gebo e o Sonho. 11 189 12/03/2018 - 16:42 Português
Ministério da Poesia/Geral "Je ne dis rien, tu m'écoutes" 13 314 12/03/2018 - 16:42 Português
Ministério da Poesia/Geral À dimensão do horto … 12 188 12/03/2018 - 16:40 Português
Ministério da Poesia/Geral Ridículo q.b. 16 336 12/03/2018 - 16:40 Português
Ministério da Poesia/Geral Sofro por não ter falta , 14 230 12/03/2018 - 16:39 Português
Ministério da Poesia/Geral Calmo 30 202 12/03/2018 - 12:04 Português
Poesia/Geral (Vive la France) 39 377 12/03/2018 - 12:00 Português
Ministério da Poesia/Geral O Cavaleiro da Dinamarca. 23 220 12/03/2018 - 11:39 Português
Ministério da Poesia/Geral Frágil 30 317 12/03/2018 - 11:37 Português
Ministério da Poesia/Geral Qual viagem… 29 201 12/03/2018 - 11:26 Português
Ministério da Poesia/Geral Posso soltar as asas… 24 217 12/03/2018 - 11:17 Português
Ministério da Poesia/Geral Por amor ao meu país… 44 273 12/03/2018 - 10:55 Português