CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

São como nossas as lágrimas

São como nossas, as lágrimas,

São como gente, as nossas lágrimas
Lentes criadas de inevitável, esculpidas
Em vida, em almas são, como só elas

Levitáveis, entre o fim e o todo, entre
Mim e o fundo de mim próprio, serão
Sensações conscientes como são sempre,

Ou a promessa frágil de quem naufraga
Nas mesmas estéreis lágrimas com que
Me lavo, imundo e inviável como o mundo,

E julgo eu que se pode lá caminhar, mudar
De rumo, afundar rente ao porto, comum
Na muralha da minha dividida atenção.

São como nossas as lágrimas dos outros,
Acima da linha dos ombros, sonhos serão
Sempre sonhos, cardeais fidalgos, pontos

Finais, parágrafos de uma aristocracia
Parada e fria, assim como o brilho de
Um farol distante e a maresia do mar

Pouco amigo, indiferente digo eu fechando
Os olhos e perdendo a realidade concreta
No que digo ou no que sou “levado-a-ver”,

Nas lavradas lágrimas dos outros.

Joel Matos (Março 2023)

https://namastibet.wordpress.com
http://joel-matos.blogspot.com

Submited by

sexta-feira, novembro 24, 2023 - 09:36

Ministério da Poesia :

No votes yet

Joel

imagem de Joel
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 1 semana 3 dias
Membro desde: 12/20/2009
Conteúdos:
Pontos: 41974

Comentários

imagem de Joel

São como nossas as lágrimas

São como nossas as lágrimas dos outros,
Acima da linha dos ombros, sonhos serão
Sempre sonhos

imagem de Joel

São como nossas as lágrimas

São como nossas as lágrimas dos outros,
Acima da linha dos ombros, sonhos serão
Sempre sonhos

imagem de Joel

São como nossas as lágrimas

São como nossas as lágrimas dos outros,
Acima da linha dos ombros, sonhos serão
Sempre sonhos

imagem de Joel

São como nossas as lágrimas

São como nossas as lágrimas dos outros,
Acima da linha dos ombros, sonhos serão
Sempre sonhos

imagem de Joel

São como nossas as lágrimas

São como nossas as lágrimas dos outros,
Acima da linha dos ombros, sonhos serão
Sempre sonhos

imagem de Joel

São como nossas as lágrimas

São como nossas as lágrimas dos outros,
Acima da linha dos ombros, sonhos serão
Sempre sonhos

imagem de Joel

São como nossas as lágrimas

São como nossas as lágrimas dos outros,
Acima da linha dos ombros, sonhos serão
Sempre sonhos

imagem de Joel

São como nossas as lágrimas

São como nossas as lágrimas dos outros,
Acima da linha dos ombros, sonhos serão
Sempre sonhos

imagem de Joel

São como nossas as lágrimas

São como nossas as lágrimas dos outros,
Acima da linha dos ombros, sonhos serão
Sempre sonhos

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Joel

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Geral Por onde passo não há s’trada. 30 184 02/18/2024 - 20:21 Português
Poesia/Geral Sonhei-me sonhando, 17 201 02/12/2024 - 16:06 Português
Ministério da Poesia/Geral A alegria que eu tinha 23 170 12/11/2023 - 20:29 Português
Ministério da Poesia/Geral Notas de um velho nojento 7 208 12/06/2023 - 21:30 Português
Ministério da Poesia/Geral (Creio apenas no que sinto) 17 116 12/02/2023 - 10:12 Português
Ministério da Poesia/Geral Vamos falar de mapas 15 295 11/30/2023 - 11:20 Português
Ministério da Poesia/Geral São como nossas as lágrimas 9 232 11/28/2023 - 11:11 Português
Poesia/Geral Entrego-me a quem eu era, 28 324 11/28/2023 - 10:47 Português
Ministério da Poesia/Geral O Homem é um animal “púbico” 11 188 11/26/2023 - 18:59 Português
Ministério da Poesia/Geral A essência do uso é o abuso, 1 348 11/25/2023 - 11:02 Português
Ministério da Poesia/Geral Insha’Allah 2 184 11/24/2023 - 12:43 Português
Ministério da Poesia/Geral No meu espírito chove sempre, 12 209 11/24/2023 - 12:42 Português
Ministério da Poesia/Geral Os destinos mil de mim mesmo. 21 224 11/24/2023 - 12:42 Português
Poesia/Geral “Daqui-a-nada” 20 735 11/24/2023 - 11:17 Português
Ministério da Poesia/Geral Cada passo que dou 0 325 11/24/2023 - 09:27 Português
Ministério da Poesia/Geral Quem sou … 0 288 11/24/2023 - 09:26 Português
Ministério da Poesia/Geral Ricardo Reis 0 69 11/24/2023 - 09:24 Português
Ministério da Poesia/Geral A dança continua 0 208 11/24/2023 - 09:23 Português
Ministério da Poesia/Geral A importância de estar … 0 109 11/24/2023 - 09:17 Português
Ministério da Poesia/Geral Se eu fosse eu 0 103 11/24/2023 - 09:15 Português
Ministério da Poesia/Geral Má Casta 0 229 11/24/2023 - 09:14 Português
Ministério da Poesia/Geral Neruda Passáro 0 150 11/24/2023 - 09:12 Português
Ministério da Poesia/Geral Pouco sei, pouco faço 0 96 11/24/2023 - 09:11 Português
Ministério da Poesia/Geral Do que tenho dito … 0 229 11/24/2023 - 09:09 Português
Ministério da Poesia/Geral Com’um grito 0 124 11/24/2023 - 09:08 Português