CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Ah! O Amor.

O Amor.

Ah! O amor
Algo que desperta em mim inspiração
O amor breve e carente
Que vem do coração
Pois ele não mente.
Ele é diferente da paixão.

Esse sentimento confuso
Porém belo
Impossivel de se esconder
Algo profundo
É o amor que me liberta
É ele quem me faz viver.

É só o amor, algo tão improvável, tão complicado
Só ele pra me deixar assim, todo desajeitado
Todo fora de si, enfrentando tudo, saltando abismos
Abismos do amor, que salto com todo um prazer, um carinho íntimo.

A procura do amor real que me faz acordar todos os dias
Procurando nos becos mais escuros, nos vãos, nas "entre linhas" da vida
Caçando o amor, me perdendo em paixões intensas, enlouquecido por inteiro
Mas eu sempre acordo e continuo minha busca, minha busca sentimental pela procura do amor verdadeiro.

Já sei de cór salteado de como manobrar as paixões passageiras
Driblando-as sem nenhum problema, pois eis tão corriqueira
O amor não, ele é dificil de se encontrar, quase impossível
Mas como eu adoro desafios, continuo procurando com um prazer indescritível.

Sentimento humano
Sentimento irracional e incolor
Sentimento sem sentido
Algo a mais, superior.

Fiz com uma garota essa também, ela começou e eu terminei. Espero que gostem. =]

Submited by

quinta-feira, abril 15, 2010 - 15:44

Poesia :

No votes yet

Giovane

imagem de Giovane
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 9 anos 10 semanas
Membro desde: 02/01/2010
Conteúdos:
Pontos: 351

Comentários

imagem de marialds

Re: Ah! O Amor.

Belo poema de amor.
Um poema muito bem desenvolvido.
Gostei.

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Giovane

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Soneto Hipertensão (Hipertenluz). 1 673 04/19/2011 - 23:31 Português
Fotos/ - 3002 0 928 11/23/2010 - 23:53 Português
Fotos/ - 3003 0 1.070 11/23/2010 - 23:53 Português
Fotos/ - 3001 0 1.206 11/23/2010 - 23:53 Português
Fotos/ - Assis, Giovane 0 1.063 11/23/2010 - 23:53 Português
Poesia/Amor O Pobre Poeta Pintado De Várias Faces. 0 542 11/18/2010 - 15:31 Português
Poesia/Geral Proibido Proibir. 0 575 11/18/2010 - 15:04 Português
Poesia/Paixão De Acordo Com a Música. 0 543 11/18/2010 - 15:01 Português
Poesia/Desilusão Desiludido e Solitário. 0 601 11/18/2010 - 15:01 Português
Poesia/Desilusão A Tea From My Tears. 1 436 05/30/2010 - 13:01 Português
Poesia/Paixão Coração Perpétuo. 1 733 05/17/2010 - 23:08 Português
Poesia/Paixão Garota Rara. 1 557 05/10/2010 - 01:17 Português
Poesia/Amor Eis Aqui e Agora, O Meu Conceito De Amor. 2 674 05/06/2010 - 20:39 Português
Poesia/Pensamentos Perguntas Sem Respostas? 1 577 05/06/2010 - 20:39 Português
Poesia/Amor Meus Dons. 2 903 05/04/2010 - 21:33 Português
Poesia/Amor Cosmopolita Dos Amores. 1 632 04/30/2010 - 21:53 Português
Poesia/Geral Pra Longe Dessa Paranóia. 1 716 04/30/2010 - 21:20 Português
Poesia/Desilusão Realidade Cruel. (Desafio Poético) 1 767 04/29/2010 - 00:03 Português
Poesia/Geral Oh! Minha Terra. 1 596 04/29/2010 - 00:02 Português
Poesia/Pensamentos O Martelo Do Poder. 1 627 04/21/2010 - 15:57 Português
Poesia/Paixão Vem e Acaba Comigo. 1 805 04/21/2010 - 15:57 Português
Poesia/Paixão Quem Sabe Um Dia? 2 697 04/21/2010 - 15:56 Português
Poesia/Amor Ah! O Amor. 1 676 04/17/2010 - 04:25 Português
Poesia/Geral Comodismo Fatal. 1 670 04/14/2010 - 17:43 Português
Poesia/Desilusão Alarme Falso. 0 1.009 04/14/2010 - 07:00 Português