CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Não insista

Chega já é demais pra mim
Assim não pode ser, por quê?
Dois bons amigos, não!
Porque assim?
Não quero, concordo, mas não aprovo
Minha vida será ainda mai vaga
Acontecerá de novo!

Obrigado pela presença fiel
Obrigado pelos abraços sinceros
Obrigado por existir
Mas assim será difícil prosseguir

Vos amo caros amigos
Sem vocês não sei viver
Mas acho que não agüentarei
Vê-los juntos será difícil entender

Peço se escolherdes assim ficarem se afastem de mim um pouco
Não muito, mas será necessário
Estarei novamente “sozinho”
Um sofrimento único e diário

Não estou sendo egoísta
Menos ainda individualista
O que quero é permanecer como estamos
Se não aceitares, me deixem, não insista
 

Submited by

quinta-feira, fevereiro 17, 2011 - 00:16

Poesia :

No votes yet

L.S. Paiva

imagem de L.S. Paiva
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 8 anos 4 semanas
Membro desde: 01/28/2011
Conteúdos:
Pontos: 526

Comentários

imagem de MarneDulinski

Não insista

Não estou sendo egoísta
Menos ainda individualista
O que quero é permanecer como estamos
Se não aceitares, me deixem, não insista

 

Meus parabéns, lindo texto!

MarneDulinski
 

imagem de L.S. Paiva

Advindo da alma é o desejo do

Advindo da alma é o desejo do coração!

Obrigado pelo comentário!

É mesmo! O que move o poeta além de tudo isso é o amor, amor as letras, aos versos, a si proprio, e aos demais!!

Poeta é vida! Poesia é viver!

 

L.S.Paiva

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of L.S. Paiva

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Aforismo Eterno teatro 7 1.006 06/03/2019 - 21:22 Português
Anúncios/Outros - Oferece-se Fragmentos - Uma nova forma de poesia... (1º Livro do Autor) 0 1.042 03/08/2011 - 04:18 Português
Poesia/Aforismo Suindara' 4 1.546 02/25/2011 - 15:31 Português
Poesia/Aforismo Voluntários 2 979 02/17/2011 - 15:15 Português
Poesia/Dedicado Impossível tradução 2 945 02/17/2011 - 15:11 Português
Poesia/Dedicado Não é tarde 2 907 02/17/2011 - 15:09 Português
Poesia/Dedicado Desabafo 2 693 02/17/2011 - 15:07 Português
Poesia/Geral Um novo desafio 4 935 02/17/2011 - 15:04 Português
Poesia/Geral Reflexos e reflexões 1 961 02/17/2011 - 05:56 Português
Poesia/Dedicado Pequeno presente 2 1.000 02/17/2011 - 05:16 Português
Poesia/Dedicado Abraço coletivo 2 934 02/17/2011 - 05:14 Português
Poesia/Dedicado Revelação 2 606 02/17/2011 - 05:00 Português
Poesia/Dedicado Revelação 2 680 02/17/2011 - 04:54 Português
Poesia/Geral É quando o jogo vira 2 900 02/17/2011 - 04:46 Português
Poesia/Aforismo A vida e seus conceitos 2 846 02/17/2011 - 04:44 Português
Poesia/Aforismo O que move o poeta 2 774 02/17/2011 - 04:42 Português
Poesia/Geral Não insista 2 700 02/17/2011 - 04:40 Português
Poesia/Geral Erros... 2 761 02/17/2011 - 04:37 Português
Poesia/Dedicado Esta declaração se procede 2 782 02/17/2011 - 04:33 Português
Poesia/Dedicado Surpresas 2 735 02/17/2011 - 04:30 Português
Poesia/Dedicado Surpresas 2 786 02/17/2011 - 04:28 Português
Poesia/Amor Inestimável é o poder de amar 2 783 02/17/2011 - 04:26 Português
Poesia/Geral Antecipação 2 941 02/17/2011 - 04:22 Português
Poesia/Geral A pior dor humana 2 625 02/17/2011 - 04:20 Português
Poesia/Dedicado Espero-te 2 788 02/17/2011 - 04:17 Português