CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Não me substituam a realidade

Não me substituam na realidade
A ideia de verdade por base nula,
Jamais abdicarei de ser eu próprio,
Nunca me vergarei ao opróbrio, ao jugo,

Nem ao blindado de guerra, ao genocida.
Todas as minhas causas são justas e vivas,
Consciência não é uma circunferência,
Mais profunda é minha casta, meu mérito

E não a desonra, sigo linhas puras,
Não substituam realidade por outra,
Por outra coisa obscura preta, negra
Sem decote, como se fosse arte crua,

Carne viva é o meu mote e dura
Minha sentença, a morte é regalia
Que dou aos vis, aos insignificantes
E aos fracos, aos tímidos, a timidez

Me irrita até fazer dor nos punhos,
Quebro qualquer muro, parto até
Uma faca que me vire o gume,
Se vir alguém humilhar um outro,

Não me troquem a verdade, estou
Farto de hipocrisia fútil de “gang” e do
“Agir” pra dentro” como quem esboça
Um aceno, um gesto, minha glote

E traqueia são um exército, uma fauna,
Minha fala não mais será humana,
Não faço uso de anéis de damas,
Sim de espadas e catanas nuas, centenas

Puras e escuras, duras aljavas
Otomanas …

Jorge Santos (17 Dezembro 2021)

https://namastibet.wordpress.com

http://namastibetpoems.blogspot.com

Submited by

terça-feira, janeiro 4, 2022 - 10:45

Poesia :

Your rating: None (1 vote)

Joel

imagem de Joel
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 1 dia 2 horas
Membro desde: 12/20/2009
Conteúdos:
Pontos: 41130

Comentários

imagem de Joel

obrigado por lerem

obrigado por lerem

imagem de Joel

obrigado por lerem

obrigado por lerem

imagem de Joel

obrigado por lerem

obrigado por lerem

imagem de Joel

obrigado por lerem

obrigado por lerem

imagem de Joel

obrigado por lerem

obrigado por lerem

imagem de Joel

obrigado por lerem

obrigado por lerem

imagem de Joel

obrigado por lerem

obrigado por lerem

imagem de Joel

obrigado por lerem

obrigado por lerem

imagem de Joel

obrigado por lerem

obrigado por lerem

imagem de Joel

obrigado por lerem

obrigado por lerem

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Joel

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Geral Não me substituam a realidade 36 84 01/15/2022 - 09:31 Português
Ministério da Poesia/Geral Sou tudo quanto dou e devo ... 18 45 01/04/2022 - 18:16 Português
Ministério da Poesia/Geral O facto de respirar … 0 63 01/04/2022 - 11:51 Português
Poesia/Geral Perfeitos no amor e no pranto … 0 42 01/04/2022 - 10:21 Português
Poesia/Geral Send'a própria imagem minha, Continuo'a ser eu ess’outro … 0 58 01/04/2022 - 10:02 Português
Poesia/Geral Cada um de todos nós é todo'mundo, 31 251 12/11/2021 - 20:10 Português
Ministério da Poesia/Geral Sem nada … 2 573 07/07/2021 - 14:16 Português
Poesia/Geral A tenaz negação do eu, 2 324 07/01/2021 - 15:31 Português
Poesia/Geral Sou minha própria imagem, 2 382 07/01/2021 - 11:50 Português
Poesia/Geral Há um vão à minha espera 2 375 07/01/2021 - 11:50 Português
Poesia/Geral leve 4 1.981 06/28/2021 - 14:39 Português
Poesia/Geral Feliz como poucos … 1 658 06/24/2021 - 10:53 Português
Poesia/Geral Deus Ex-Machina, “Anima Vili” ... 1 759 06/24/2021 - 10:38 Português
Poesia/Geral Da significação aos sonhos ... 1 751 06/22/2021 - 09:01 Português
Ministério da Poesia/Geral Sonho sem fim, nem fundo ... 1 811 06/21/2021 - 15:27 Português
Ministério da Poesia/Geral Absurdo e Sem-Fim… 1 1.217 06/21/2021 - 15:26 Português
Ministério da Poesia/Geral A Rua ao meu lado ou O Valor do riso... 1 1.160 06/21/2021 - 15:25 Português
Ministério da Poesia/Geral Rua dos Douradores 30 ... 1 929 06/21/2021 - 15:25 Português
Ministério da Poesia/Geral Excerto “do que era certo” 1 798 06/21/2021 - 15:25 Português
Ministério da Poesia/Geral Ladram cães à distância, Mato o "Por-Matar" ... 2 987 06/21/2021 - 15:22 Português
Ministério da Poesia/Geral Morri lívido e nu ... 1 901 06/21/2021 - 15:22 Português
Ministério da Poesia/Geral Sou "O-Feito-Do-Primeiro-Vidente" 1 914 06/21/2021 - 15:21 Português
Ministério da Poesia/Geral Pedra, tesoura ou papel..."Do que era certo" 1 1.160 06/21/2021 - 15:21 Português
Ministério da Poesia/Geral Nada se parece comigo 1 872 06/21/2021 - 15:20 Português
Ministério da Poesia/Geral Quantos Césares fui eu !!! 1 981 06/21/2021 - 15:20 Português