FORMIGAS

Há um poeta triste sentado na calçada
contemplando uma retilínea procissão
de compenetradas formigas.
Seguem juntas como amigas,

Nem todas tem a mesma função,
Mas fazem com garra e coração.
Presta muita atenção, camarada:
há uma lição de vida nesta jornada.

O poeta vê operárias, soldados e sentinelas,
que ignoram qualquer poeta e vão adiante.
O poeta observa e poetisa sobre elas,
mas, formiga é mais que o poeta, relevante.

J. Thamiel
Guarulhos, 29.10.18
09:53h

Submited by

Monday, October 29, 2018 - 13:54

Poesia :

No votes yet

J. Thamiel

J. Thamiel's picture
Offline
Title: Membro
Last seen: 11 hours 14 min ago
Joined: 05/02/2016
Posts:
Points: 2596

Comments

J. Thamiel's picture

Na verdade, poetas são pragas

Na verdade, poetas são pragas e fazem poesias que não servem para nada.
Mas, em um mundo em que tudo tem uma finalidade, tudo tem um preço...
tinha que existir alguma coisa que não servisse para nada.

Sérgio Teixeira's picture

Só um verdadeiro poeta pode

Só um verdadeiro poeta pode ter essa visão das formigas, que normalmente são vistas como praga.

Creio que além das formigas, algumas pessoas ignoram os poetas, ou por não gostarem deles como pessoas, ou por não gostarem do que eles escrevem, mas, muitas pessoas ignoram os poetas pela mágoa de não terem a capacidade de escrever nem a coragem de se exporem às criticas que possuem os poetas.

Add comment

Login to post comments

other contents of J. Thamiel

Topic Title Replies Views Last Postsort icon Language
Poesia/Dedicated O BOM POETA - (Homenagem) 0 82 02/07/2019 - 16:38 Portuguese
Poesia/General A CALMA DA GRANDE CIDADE 0 220 02/05/2019 - 14:52 Portuguese
Poesia/General ÁGUA DA MORINGA 0 120 02/02/2019 - 11:50 Portuguese
Poesia/General NUVEM NEGRA 0 150 01/27/2019 - 14:46 Portuguese
Poesia/Dedicated CADÊ OS POETAS? 0 147 01/21/2019 - 16:43 Portuguese
Poesia/General ILUSÃO LETAL 0 174 01/15/2019 - 17:32 Portuguese
Poesia/Intervention AUTENTICIDADE 0 183 01/15/2019 - 16:00 Portuguese
Poesia/Intervention POEMA... PRA QUÊ? 0 142 01/14/2019 - 12:40 Portuguese
Poesia/General LEMBRANÇAS DE PIRACAIA 0 131 01/11/2019 - 14:43 Portuguese
Poesia/Dedicated 590 DEGRAUS - Acesso ao Cruzeiro de Piracaia 0 161 01/05/2019 - 13:51 Portuguese
Poesia/General SOBRE MIM, NÃO IRIA DIZER NADA 0 194 12/27/2018 - 16:45 Portuguese
Poesia/Love H E L O I S A 1 220 12/20/2018 - 15:32 Portuguese
Poesia/Fantasy SEMIDEUS 0 230 12/17/2018 - 10:41 Portuguese
Poesia/General M É R I T O 0 191 12/07/2018 - 10:54 Portuguese
Poesia/General CASTRO ALVES, O POETA INFANTE 0 234 11/30/2018 - 10:49 Portuguese
Poesia/Meditation REFLETINDO COM A GALINHA 0 277 11/29/2018 - 15:02 Portuguese
Poesia/General P R I S Ã O 3 246 11/25/2018 - 19:22 Portuguese
Poesia/Meditation A T R I L H A 0 214 11/23/2018 - 17:24 Portuguese
Poesia/General DESPEDIDA 2 249 11/20/2018 - 13:33 Portuguese
Poesia/General MADORNA 0 332 11/06/2018 - 12:22 Portuguese
Poesia/General FORMIGAS 2 334 10/29/2018 - 19:58 Portuguese
Poesia/Gothic O RITUAL NEGRO 0 376 10/18/2018 - 16:01 Portuguese
Poesia/General Ê X T A S E 0 327 10/18/2018 - 13:59 Portuguese
Poesia/Meditation QUASE CONTRITO 0 493 10/15/2018 - 13:19 Portuguese
Poesia/General Y EL TIEMPO PASÓ 0 340 09/26/2018 - 16:19 Portuguese