Quando a estrada e o caminho são demais para mim

No silêncio profundo de uma dor
Onde solitário vejo as horas passarem
Sem nenhuma novidade que possa
Amenizar esse sofrimento banal da vida.
Caminhar pela estrada deserta
Sem ouvir os cantos dos pássaros
Que simplesmente sumiram
Deixando apenas um vazio sem sentido.
Quando a estrada e o caminho
São demais para mim
Eu choro a ausência de um amor
Que se foi na madrugada fria.
Deixava-me descansar em seus braços
Como se não existisse mais nada no mundo
Que fosse mais importante do que estar com você
Imaginando a vida feliz para sempre.
Então, como em um passe de mágica,
Seus olhos tão meigos já não pertenciam a mim,
Se é que um dia havia pertencido
E na noite do adeus se foi para sempre.
Eu que sempre confiei no brilho desse olhar
Acabei tropeçando em meu desespero
De ter que caminhar sozinho
Por uma estrada que não conheço.
O medo da solidão me apavora
E dos meus olhos saem lágrimas
De saudade do seu calor tão aconchegante
Que dava sentido a minha vida.
Ergo-me da minha triste solidão
Olho pela janela e vejo
O sol nascendo no horizonte
Dizendo a mim que a vida continua.
Levanto-me, então, do meu leito solitário,
E meus pés tocam o solo
Consigo dar os primeiros passos
Rumo à liberdade que sempre sonhei.
Quando a estrada e o caminho
São demais para mim
Eu invento uma canção de amor
Que tocará o seu coração no fim.

Poema: Odair José, Poeta Cacerense

www.odairpoetacacerense.blogspot.com

Submited by

Friday, July 19, 2019 - 23:09

Poesia :

No votes yet

Odairjsilva

Odairjsilva's picture
Offline
Title: Membro
Last seen: 1 day 22 hours ago
Joined: 04/07/2009
Posts:
Points: 4050

Add comment

Login to post comments

other contents of Odairjsilva

Topic Title Replies Views Last Postsort icon Language
Poesia/Disillusion Vou ver a sombra que você se tornou 0 12 01/17/2020 - 18:34 Portuguese
Poesia/Love As estrelas são testemunhas 0 29 01/16/2020 - 18:38 Portuguese
Poesia/Disillusion E esse foi o fim 0 14 01/14/2020 - 20:59 Portuguese
Poesia/Sadness Porque saudade é abraçar o vazio 3 181 01/14/2020 - 18:26 Portuguese
Poesia/Love Vestida com o manto de amor 0 14 01/14/2020 - 18:25 Portuguese
Poesia/Love Pedi um amor que tivesse os seus olhos 0 28 01/13/2020 - 19:41 Portuguese
Poesia/Meditation No topo da montanha 0 32 01/10/2020 - 19:39 Portuguese
Poesia/Song Sonhos do Poeta 0 17 01/09/2020 - 22:26 Portuguese
Poesia/Joy Há um sorriso em mim 0 42 01/08/2020 - 11:55 Portuguese
Poesia/Thoughts Ignorante razão 0 26 01/07/2020 - 20:08 Portuguese
Poesia/Thoughts Paraíso dos demônios 0 26 01/06/2020 - 13:39 Portuguese
Poesia/Disillusion Fragmentos de uma ilusão 0 34 01/03/2020 - 13:08 Portuguese
Poesia/Meditation Desejos de Ano Novo 0 48 01/02/2020 - 11:40 Portuguese
Poesia/Joy Sonhos de Fim de Ano 0 73 12/30/2019 - 12:48 Portuguese
Poesia/Love A inocência do coração 0 53 12/29/2019 - 13:17 Portuguese
Poesia/Disillusion Contágio 0 69 12/28/2019 - 14:01 Portuguese
Poesia/Love Quem ama ouve sempre a voz do amor 0 40 12/26/2019 - 20:48 Portuguese
Poesia/Thoughts O Natal de Stone Halls 0 52 12/25/2019 - 00:18 Portuguese
Poesia/Thoughts Abstração 0 105 12/13/2019 - 23:47 Portuguese
Poesia/Song Seus olhos me perseguem 0 68 12/09/2019 - 22:50 Portuguese
Poesia/Love Ela dormiu em meus braços 0 51 12/07/2019 - 12:46 Portuguese
Poesia/Sadness O brilho do sol 0 83 11/30/2019 - 00:09 Portuguese
Poesia/Love Porque te amo 0 72 11/22/2019 - 00:18 Portuguese
Poesia/Disillusion Pra não dar tempo de pensar em você 0 85 11/17/2019 - 17:59 Portuguese
Poesia/Disillusion É o fim do amor sincero que senti 0 155 11/16/2019 - 14:46 Portuguese