Pura ilusão cega

Há um circo montado
na tenda
de um descampado
onde habitam
os dentro da lei…
São esses
os grandes conhecedores
não doutorados
por pergaminho
mas pelo egotismo …

Fazem malabarismos
acrobacias
mascaram com primazia!

Contém
cães amestrados
prontos a latir…
Os aplausos são fáceis
dentro das próprias mãos…

É um coliseu
em circulo
estagnado
não estudado
porque o conhecimento
já é grande
dentro do ego,
engordado
pela fada madrinha
da pura ilusão cega!

 

Submited by

Martes, Enero 10, 2012 - 19:05

Poesia :

Su voto: Nada (2 votos)

AnaCoelho

Imagen de AnaCoelho
Desconectado
Título: Membro
Last seen: Hace 7 años 27 semanas
Integró: 11/14/2008
Posts:
Points: 1789

Comentarios

Imagen de Henrique

Pura ilusão cega!!! Circo!!!

Pura ilusão cega!!!

Circo!!! Espetáculo!!!

Depois de ler, é como se fossemos à boleia de um tiro...

A fantasiar por aí a realidade.

Gostei bastante!!!

Um Beijinho Ana.

Abraço ao José.

:-)

Imagen de ISABELLA - M - REGO

"Os aplausos são

"Os aplausos são faceis

Dentro das próprias mão."

Adorei o seu poema, amiga Ana Coelho

Parabéns!

Beijinho

de

sua amiga

Isabella

Imagen de VanZen7

...

Muito bom!

Add comment

Inicie sesión para enviar comentarios

other contents of AnaCoelho

Tema Título Respuestas Lecturas Último envíoordenar por icono Idioma
Poesia/Meditación Densidade do olhar 2 1.876 03/15/2018 - 09:38 Portuguese
Poesia/Amor Contigo aprendi a sonhar 2 1.815 03/15/2018 - 09:37 Portuguese
Poesia/Meditación Onde as nuvens pousam 1 1.409 11/07/2015 - 11:14 Portuguese
Poesia/Meditación Lágrimas quentes 0 1.409 12/22/2012 - 20:02 Portuguese
Poesia/Amor Juntos galgaremos as margens 0 1.937 12/20/2012 - 02:10 Portuguese
Poesia/Aforismo Há uma pauta aberta 0 1.316 10/08/2012 - 06:36 Portuguese
Poesia/Intervención Fazer das letras os gestos 0 2.024 07/21/2012 - 21:14 Portuguese
Poesia/Meditación Os vales da realidade 3 1.378 07/09/2012 - 08:10 Portuguese
Poesia/Meditación Um oásis que flutua 0 925 06/25/2012 - 16:33 Portuguese
Poesia/Dedicada Não há lábios nem lágrimas 0 1.539 06/24/2012 - 12:16 Portuguese
Poesia/Meditación Num grito estagnado 1 1.586 06/21/2012 - 18:21 Portuguese
Poesia/Amistad Amigo...preenchimento do verbo amar 1 1.647 06/20/2012 - 20:54 Portuguese
Poesia/Meditación Cadências cálidas 1 1.386 06/14/2012 - 10:10 Portuguese
Poesia/Meditación Esquina da palavra 1 2.246 06/13/2012 - 08:40 Portuguese
Poesia/Intervención Pura ilusão cega 3 1.489 04/15/2012 - 17:35 Portuguese
Poesia/Meditación Esquina de cada utopia 1 1.671 01/06/2012 - 17:32 Portuguese
Poesia/Meditación Os braços sonham ser asas 0 1.963 12/31/2011 - 01:49 Portuguese
Poesia/Meditación Mar de nada 1 1.686 12/11/2011 - 19:44 Portuguese
Poesia/Meditación Traição do destino 0 1.699 12/04/2011 - 22:41 Portuguese
Poesia/Meditación Caminho aberto 0 1.616 11/30/2011 - 22:23 Portuguese
Poesia/Meditación Desígnios da vida 0 1.458 11/29/2011 - 21:06 Portuguese
Poesia/Amor Amor entre poetas 2 2.709 10/20/2011 - 13:08 Portuguese
Poesia/Dedicada Agora Setembro Renasce 0 3.290 09/23/2011 - 05:35 Portuguese
Poesia/Meditación Os argumentos de um poema 0 2.404 09/22/2011 - 03:49 Portuguese
Poesia/Meditación EXCERTOS DA ALMA 1 2.192 09/19/2011 - 15:25 Portuguese